Sexta-feira, 28 de Junho de 2019

PORTUGUESES E ESPANHÓIS PÕEM POPULAÇÃO DE TUBARÕES EM RISCO, ALERTA GREENPEACE

 

 

Ou não fossem os Portugueses e Espanhóis dois povos com “tradição” predadora, quando se trata de animais não-humanos, que eles usam e abusam e maltratam em nome do LUCRO e do DIVERTIMENTO.

A destruição das espécies, do meio ambiente e do Planeta soma e segue impunemente...

 

gettyimages-638696183-612x612.jpg

 

A organização ambientalista Greenpeace alertou para a pesca excessiva de tubarões no Atlântico Norte, por parte de barcos portugueses e espanhóis, considerando que tem consequências “devastadoras” para algumas espécies.

 

O alerta partiu do director para os Oceanos da Greenpeace no Reino Unido, Will Mccallum, um dos activistas que esta semana confrontaram um barco espanhol a 200 milhas do arquipélago dos Açores que estava a pescar tubarões.

 

O protesto foi pacífico, explicou à agência de notícias espanhola Efe, precisando que apenas exibiram uma mensagem onde se lia “tubarões sob ataque”, e documentaram as capturas que estavam a ser feitas. O barco, disse, devia dedicar-se à pesca sustentável do peixe espada, mas tinha mais captura de tubarão.

 

O caso não é uma excepção, já que, segundo uma informação hoje divulgada pela organização ambientalista, numa recente travessia do Atlântico Norte o “Esperanza”, o maior barco da Greenpeace, documentou que as capturas de tubarão quadruplicavam em peso as de peixe-espada.

 

Os tubarões são especialmente cobiçados pelas suas barbatanas, consideradas uma iguaria em algumas culturas asiáticas.

 

A Greenpeace estima que os barcos espanhóis e portugueses estão a capturar anualmente cerca de 25.000 tubarões anequim, nome comum das espécies ‘Isurus oxyrinchus’ e ‘Isurus paucus’. Os tubarões anequim estão classificados na Lista Vermelha de espécies ameaçadas da União Internacional para a Conservação da Natureza como em risco de extinção.

 

“Fazem-no às claras, não é algo que escondam. A ciência é muito clara, não estamos a fazer o suficiente para proteger os tubarões. Não há limites para estes barcos quando estão no mar”, disse McCallum.

 

Num relatório recente da Comissão Internacional para a Conservação dos Tunídeos do Atlântico (ORGP-ICCAT, na sigla original) afirmava-se que mesmo que as capturas de tubarão anequim cessassem há apenas 50% de hipóteses de a população recuperar até 2040.

 

“Pode ser que tenhamos ido longe de mais”, disse o responsável da Greenpeace, acrescentando que quanto ao tubarão azul (‘Prionace glauca’) não há dados sobre o tamanho das populações, pelo que “não faz sentido” pescar tanto de uma espécie sobre as quais não se sabe quantos exemplares existem. Os tubarões azuis estão na Lista Vermelha com o estatuto de espécie “quase ameaçada”.

 

No relatório, a Greenpeace pede limites rígidos para a pesca de tubarões e quer um tratado global para a criação de santuários em 30% das grandes áreas oceânicas até 2030, para permitir a recuperação das espécies.

 

Actualmente apenas 1% dos oceanos está protegido, de acordo com a Greenpeace, que afirma que algumas populações de tubarões foram reduzidas em até 99% devido à actividade humana.

 

Fonte:

https://blogcontraatauromaquia.wordpress.com/2019/06/27/portugueses-e-espanhois-poem-populacao-de-tubaroes-em-risco-alerta-greenpeace/

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:52

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 24 de Julho de 2014

OS BRONCOS ESTARÃO NOVAMENTE NA PÓVOA DE VARZIM PARA MAIS UMA TORTURA DE BOVINOS

 

 

Apesar dos fiascos destas iniciativas, incivilizadas e toscas, a autarquia poveira e a RTP continuam a apoiar a tortura de bovinos, transformando a Póvoa de Varzim num antro a cheirar a ontem…

 

Amanhã, dia 25 de Julho, a arena de tortura abrirá novamente as suas portas para psicopatas e sádicos se divertirem à custa do tormento de seres vivos.

 

Esta gente não tem um mínimo de auto-estima. Não se importa nada de ser bronca, desde que encha os bolsos.

 

 

O CIRCO DOS TUBARÕES

 

 

Este será o lugar apropriado para Pinguins (amestrados à força)?

 

Como se a tortura de bovinos não bastasse para colocar a cidade poveira abaixo de lixo, a autarquia permite a entrada no seu território, de um Cardinali com um “verdadeiro circo dos tubarões” (segundo os panfletos).

 

Chamam-lhe “Aquático Show”, e apresentam Tubarões do OCEANO PACÍFICO, Focas do ALASCA, e Pinguins do PÓLO NORTE, todos enfiados num aquário, na Póvoa de Varzim, a muitas milhas do habitat natural deles, os quais vivem escravizados e confinados a um espaço exíguo, sim, porque um aquário de 30.000 litros de água não é o Oceano Pacífico, nem o Alasca ou o Pólo Norte, imensos…

 

Este é um daqueles casos cujo dono do circo devia ser encarcerado, para sentir o mesmo que sentem estes animais, e obrigado a devolvê-los ao habitat natural deles.

 

Isto pertence ao foro do Biocídio.

 

Mas o que fazem as autoridades?

 

São cúmplices deste malfazer.

 

A Póvoa de Varzim continua na senda da incultura e da incivilização.

 

Uma cidade a não constar nos roteiros turísticos de qualidade.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:25

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Dezembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

PORTUGUESES E ESPANHÓIS P...

OS BRONCOS ESTARÃO NOVAME...

Arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt