Quarta-feira, 24 de Julho de 2013

«HEIL prótoiro»

 

Reflexões: Portugal vive em democracia? O povo é quem mais ordena? A lei de excepção serve esse povo? Serve o País?

 

Se vive em democracia e se o povo é quem mais ordena, em Viana do Castelo NÃO SE REALIZARÁ TOURADA, simplesmente porque os vianenses NÃO QUEREM.

 

E quem é a prótoiro, mais os seus “padrinhos” para impedirem a vontade de um povo e a postura de um município que se declarou anti-tourada?

 

A ver vamos se vivemos em Democracia, ou se o NAZISMO impera em Portugal.

 

A VER VAMOS QUEM MANDA EM VIANA.

 

 

Por PRÓTOURO

 

«Subitamente, descobrimos, que vivemos numa ditadura tauromáquica onde de ora em diante, todos os cidadãos deste país e especialmente os cidadãos de Viana do Castelo, serão obrigados a fazer a saudação nazi à “prótoiro”.

 

Neste momento quem governa as câmaras municipais, não são aqueles que foram democraticamente eleitos pelos cidadãos, mas sim uma organização fascista e nazi que dá pelo nome de “prótoiro”.

 

Quando uma associação que se diz privada tem o desplante de anunciar para os órgãos de comunicação social que não só realizará uma nova tourada em Viana do Castelo, bem como entrará com uma acção para declarar a nulidade de cidade anti-touradas, feita por essa edilidade, algo está podre no reino da Dinamarca, perdão Portugal.

 

O que assistimos neste momento, não é uma birra de putos a quem os pais não compraram a última versão da playstation, o que assistimos é a uma completa subversão do Estado de Direito onde um grupelho, quer impor as suas regras, neste caso a um presidente de câmara democraticamente eleito pelos cidadãos de Viana.

 

Impor touradas a uma cidade que não as quer, através de ameaças, tem um nome: prepotência. Prepotência essa que resulta e ninguém tenha dúvidas, do facto desta federação ter padrinhos.

 

Os cidadãos deste país estão fartos de conluios feitos nos corredores do poder, estão fartos de corrupção e como tal, exigem saber quem aquece as costas a esta gente ao ponto de lhes permitir ter estas atitudes.

 

Prótouro
Pelos touros em liberdade
»

 

***

 

COMENTÁRIO DO RICARDO

 

«A democracia está para a tauromaquia como a kryptonite para o Super Homem. Que se pode esperar de um sector social de extrema-direita e com afiliações monárquicas?

 

A tourada de Viana no ano passado foi realizada à margem da lei: ao contrário do que a Prótoiro anunciou, o Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga nunca legalizou o evento.

 

O que fez foi ceder 5 dias para que estes contra argumentassem o recurso imposto pela câmara municipal de Viana, este sim a proibir explicitamente a realização da tourada. Como estes 5 dias eram tecnicamente “terra de ninguém”, os aficionados, como cobardolas e manhosos que são, realizaram a tourada neste período (daí a praça desmontável para que todo o processo se pudesse realizar sem deixar rasto).

 

A tourada nunca foi legalizada mas, devido a leis deficientes, nunca pode ser definitivamente ilegalizada. Mas uma coisa estava patente: o povo de Viana não quer nem vai querer touradas no seu concelho. Tal ficou provado pela eleição de José Maria da Costa, candidato assumidamente anti-taurino, após o mandado de Defensor Moura, outro autarca anti-taurino e o primeiro a elevar a cidade de Viana ao estatuto de anti-touradas.

 

E mais, se os activistas se manifestam quando se realizam touradas, não seria de esperar que os aficionados se manifestassem pela ausência das mesmas? Será que houve manifestações “taurinas” em Viana? A tourada do ano passado contou com 2300 pessoas na assistência (qualquer cinema de vila têm uma audiência superior) mas o que seria interessante descobrir era quantas dessas pessoas seriam naturais de Viana.

 

É que além da praça desmontável também houve registo de vários autocarros provenientes de todo o país (pagos por quem nós já estamos cansados de saber) com aficionados.

 

A realização de uma tourada em si é muito grave, seja em que concelho for, mas o que é mesmo preocupante nesta situação é o claro atropelo democrático e o completo desrespeito da vontade popular. Se a prótoiro conseguir realizar outra tourada usando mais um “buraco” legal, então se calhar é altura de repensarmos a Constituição.»

 

 

Fonte:

 

http://protouro.wordpress.com/2013/07/24/heil-protoiro/

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 09:38

link do post | Comentar | Ver comentários (8) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 3 de Julho de 2013

«A eloquência do Toino - O grande líder da luta contra os anti-taurinos»

 

«Atenção, o texto do Toino inclui palavras chocantes que podem ferir a susceptibilidade dos nossos leitores - Prótouro»

 

Abrirei mais uma excepção no meu Blogue, para publicar a linguagem genuína dos forcados e dos aficionados em geral, para que os leitores possam fazer uma ideia do que é este mundo imundo da tauromaquia.

 

 

Este Toino é o protótipo da classe baixa dos forcados (as frases, que não estão em itálico, são da autora do Blogue)

 

Por Prótouro

 

«O forcadito Toino, o tal que é o grande líder da luta contra os anti-taurinos, não pára de nos surpreender.

 

A propósito do programa “Olé” que irá ser exibido pela SIC, escreveu umas linhas no blogue gaiola das malucas com um nível de eloquência capaz de impressionar um jornalista com tarimba.

 

A SIC é pra boicotar!!! Esses cabrões com esse programa, não querem promover a Festa Brava, querem é atirar para o ar um programa caralhoso que só pode é avacalhar quem gosta de toiros, ridicularizando a paixão e o ganha-pão de muitos portugueses.

 

Eu boicoto esta ideia de porem o Zé Castelo Branco e uns retardados da Casa dos Segredos a pegar bezerras.

 

O meu boicote á SIC continua enquanto não vierem pedir desculpa por mais de 10 anos a fazer merda em tudo o que tem a ver com a tauromaquia. Até notícias fabricadas já transmitiram para denegrir a imagem da festa brava.

 

Boicote é o que eles merecem, eu sou 100% contra este programa da pilinha, que não passa de mais um estupidificante reality show.

 

 António Cortesão

in: http://sortesdegaiola.blogspot.pt/2013/07/comentario-de-antonio-cortesao-ao-novo.html

 

Agora está explicado o motivo pelo qual o petiz esteve um ano em Macau por imperativos académicos, foi para tirar um curso de pós-graduação na arte de bem enxovalhar a língua portuguesa.

 

Prótouro

Pelos touros em liberdade»

http://protouro.wordpress.com/2013/07/03/a-eloquencia-do-toino-o-grande-lider-da-luta-contra-os-anti-taurinos/comment-page-1/#comment-1520

 

***

Um comentário do Ricardo:

 

«Calma, o Toino sabe dizer “estupidificante”. Parece que afinal o ano no estrangeiro já valeu a pena.

Bem, mas assim se nem os aficionados vão ver o dito programa, então quem é que vai?

Belo fiasco que a SIC arranjou! O problema do Toino e dos forcaditos não é o facto de poderem ser ridicularizados ou não pela emissão deste programa (sejamos pragmáticos, qualquer aficionado ridiculariza-se a sim mesmo sem ajuda de ninguém).

O problema reside no retorno, ou neste caso na falta dele. Enquanto com as touradinhas os forcados lá arranjam uns trocos habilmente desviados dos fundos autárquicos (ou na pior das hipóteses, um dia de bebedeira às custas do contribuinte), nesta situação não há lucro possível!

Isso é que é incomodativo! Enfim, espero que o Toino nos continue a brindar com as suas pérolas de eloquência pois Deus sabe quanto nós precisamos de umas boas gargalhadas.»

 

***

E são estes "eloquentes" que o governo português, a igreja católica portuguesa e os autarcas das terrinhas taurinas apoiam.

Não é uma vergonha?

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:22

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 22 de Novembro de 2011

TENHAM VERGONHA, SENHORES "VETERINÁRIOS"!

 

 

 

Recuperar animais após os espectáculos taurinos? Para depois voltarem a ser massacrados?

Isto é uma anedota, ou quê?

 

 

FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E A ASSOCIAÇÃO DE MÉDICOS VETERINÁRIOS DE ACTIVIDADES TAURINAS ORGANIZAM O CURSO

«O MÉDICO VETERINÁRIO E O TOIRO DE LIDE»

 

Organizado pela Faculdade de Medicina Veterinária e a Associação de Médicos Veterinários de Actividades Taurinas está a decorrer o curso O Médico Veterinário e o Toiro de Lide - Actividade Veterinária nas Ganadarias.

 

O curso debruça-se, de acordo com o conteúdo programático, sobre a «Cultura Taurina. Principais problemas clínicos no toiro. Estado Sanitário do gado Bravo. Recuperação dos animais após os espectáculos taurinos. Aspectos económicos da produção do toiro Bravo em Portugal.»

 

***

 

Esta notícia chegou-me via e-mail, através do Posterous Spaces.

 

Escusado será dizer que fiquei perplexa.

 

Indignada, até!

 

Porquê?

 

Porque um VETERINÁRIO que se preze não defende “toiros de lide”.

Tem o DEVER, sim, de os defender das mãos dos seus torturadores – o homem predador.

 

Recuperar animais após os espectáculos taurinos? Para depois voltarem a ser massacrados?

Isto é uma anedota, ou quê?

 

Onde está a vossa ÉTICA ANIMAL?

 

RASGUEM os vossos diplomas e vão picar pedras, que é mais adequado à vossa vocação.

 

TENHAM VERGONHA, senhores veterinariozinhos!

publicado por Isabel A. Ferreira às 11:54

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Fevereiro 2023

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

Posts recentes

«HEIL prótoiro»

«A eloquência do Toino - ...

TENHAM VERGONHA, SENHORES...

Arquivos

Fevereiro 2023

Janeiro 2023

Dezembro 2022

Novembro 2022

Outubro 2022

Setembro 2022

Agosto 2022

Junho 2022

Maio 2022

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. 1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome. 2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas". 3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt