Quinta-feira, 21 de Julho de 2016

NA PÓVOA DE VARZIM: TOURADA E CIRCO COM ANIMAIS SELVAGENS A “ESTREAR” AMANHÃ

 

Para quem disse há pouco tempo (o próprio presidente da Câmara Municipal, Aires Pereira) que a Póvoa de Varzim iria ter uma outra postura para com os animais, isto deixa muito a desejar… O que seria se não tivesse… Isto dito antes de um campeonato de tiro aos Pombos…

 

É um fartote de maus-tratos a animais de várias espécies, na Póvoa de Varzim. Só no circo do Cardinali são Cavalos, são Leões, são Elefantes (estes até andaram a tomar banho no rio, em Ponte de Lima…)

 

CIRCO E TOURADA.png

 

E A RTP CONTINUA MEDÍOCRE, PEQUENA E CRUENTA

 

e vai transmitir em directo a tortura de belíssimos, inocentes, inofensivos, sencientes e indefesos Touros, tudo em nome do sadismo e dos €€€€€€€€€€€€€€€€€ que se embolsa…

 

RTP.jpg

 

ENTRETANTO ...ESTÁ PROGRAMA UMA MANIFESTAÇÃO PARA AMANHÃ EM DEFESA DOS QUE NÃO TÊM VOZ PARA GRITAREM O SEU SOFRIMENTO

 

PÓVOA.jpg

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:05

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 14 de Setembro de 2014

PONTE DE LIMA, UMA DAS MAIS OBSOLETAS VILAS PORTUGUESAS, VESTE-SE HOJE COM AS CORES NEGRAS DA IMBECILIDADE PARA APLAUDIR A SELVAJARIA TAUROMÁQUICA

 

TOLERÂNCIA ZERO!

Já não bastava a mais que estúpida e cobarde prática da Vaca das Cordas, agora repescam outra idiotice: a tourada.

 

É só somar.

 

E o presidente da Câmara Municipal, que tem visão curta, restringe à moda fascista uma manifestação anti-tourada, que está consignada na Constituição Portuguesa, ao contrário da selvajaria que, a realizar-se, não cumprirá todos os requisitos do RET, como é habitual.

 

 

Foto: Luís Rodrigues S/Vaca das Cordas

 

Veja-se a cobardia dos broncos limianos que  brincam aos parvos, com um bovino indefeso, embolado e atado pelos cornos sem possibilidade de fuga.

 

E chamam a isto “evento cultural”.

 

Quanta ignorância! Quanta incultura! Quanta imoralidade!

 

Ponte de Lima, é mais uma viloriazinha classificada Abaixo de Lixo

 

TOLERÂNCIA ZERO!

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:30

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 4 de Junho de 2014

TORTURA GRATUITA E HUMILHAÇÃO DE BOVINOS INDEFESOS, VIOLÊNCIA E SANGUE, EIS OS GOSTOS DO SOCIALISTA ANTÓNIO COSTA, QUE AMBICIONA SER PRIMEIRO-MINISTRO DE PORTUGAL

   

Onde há interesses económicos sanguinários não há honra, nem dignidade, nem ética, nem bom senso, nem carácter

 

Um “socialista” aficionado de tortura de seres vivos indefesos, que envergonha o Partido Socialista português e um País que se quer civilizado, não pode nem deve ascender a primeiro-ministro, por não ter perfil humano para representar Portugal

 

Seria uma imoralidade

 

 

 

António Costa e Elísio Summavielle, dois pretendentes a cargos na governação de Portugal, um como primeiro-ministro, outro como ministro da "coltura" inculta, naturalmente. Dois aficionados da tortura e do sangue. Duas “cartas” que têm de ficar fora do baralho, para que Portugal possa progredir.

 

Então vejamos:

 

Numa sexta-feira, a 9 de Abril de 2010, Elísio Summavielle, então secretário de Estado da Cultura, e António Costa, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, estiveram presentes na corrida de touros que inaugurou a temporada no campo pequeno, em Lisboa, uma cidade que se diz europeia, com esta repugnante nódoa negra, que a coloca no rol de cidades com um evidente atraso civilizacional.

 

E o que fez António Costa?

 

 

Fez esta desonra às insígnias honoríficas, símbolos de Portugal, que em princípio só devem ser atribuídas a pessoas que se destacam por ter feito algo dignificante pelo País:

 

António Costa, Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, aproveitou aquela ocasião mórbida, que é a da tortura de bovinos indefesos, e desceu à arena e sob, cerrada ovação, impôs a José Luís Gomes a Medalha de Mérito Municipal Grau Ouro (decisão unânime da edilidade em Setembro de 2009), na hora da despedida de cabo do grupo de forcados de Lisboa, ou seja, António Costa recompensou a cobardia, a crueldade, a violência, e a Medalha de Mérito Municipal perdeu, naquele exacto momento, todo o seu significado simbólico.

 

Reza ainda a crónica que «os dois (pseudo) políticos (porque isto de ser político tem as suas regras de honra) terão tido muitas razões para irem ao campo pequeno, desde o genuíno apreço pela festa - Summavielle, pelo menos, gosta de toiros - à capitalização da simpatia dos aficionados (uma minoria inculta e insignificante, refira-se). Mas num tempo de histeria «animalista» e de vassalagem ao politicamente correcto, uma coisa ninguém lhes pode negar: tomates».

 

Isto é o que diz o articulista.

 

Mas vistas bem as coisas, estes dois pretendentes a ascender a altos cargos governamentais não estão de todo habilitados para tal, porque lhes falta precisamente esses frutos da horta, para podermos considerá-los Homens inteiros e dignos de representarem o povo Português, que não se revê nesta imoralidade que é a tauromaquia.

 

Os Portugueses lúcidos rejeitam veementemente “políticos” que não sabem dignificar o bom nome de Portugal.

 

 

Eis os de triste figura a aplaudir a tortura  

 

 

 É esta a “festa mais culta” que António Costa e Summavielle defendem…

 

Fontes:

http://afestamaisculta.blogspot.pt/2010/04/tomates.html

 

http://barreiradesombra.blogs.sapo.pt/7862.html

 

*** 

Agora entendo por que António Costa mandou responder laconicamente a uma mensagem que lhe enviei, sugerindo que elevasse Lisboa a Cidade Anti-Tourada, para que esta pudesse colocar-se ao nível das grandes capitais europeias.

 

Na altura não sabia que António Costa era aficionado.

 

Então, temos duas coisas a fazer, com urgência:

 

Primeiro: enviar a todas as agências turísticas estrangeiras um cartaz onde se mostre uma Lisboa sanguinária.

 

Segundo: não permitir que António Costa chegue a primeiro-ministro.

 

 

1ª Reunião da 17ª Sessão Extraordinária 03 06 2014

 

 

O Deputado da Assembleia Municipal de Lisboa, Miguel Santos (PAN), neste órgão autárquico fala sobre a ‪‎tauromaquia e a péssima imagem que esta transmite de uma Lisboa que se quer uma verdadeira cidade europeia.

  

Da minha parte saúdo o Dr. Miguel Santos pela sua excelente intervenção.

 

(Vejam o vídeo aos 44 minutos e 21 segundos. Vale a pena ouvir) 

 O vídeo já cá esteve, mas a censura encarregou-se de o eliminar

Isabel A. Ferreira

 

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:55

link do post | Comentar | Ver comentários (8) | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 30 de Julho de 2013

ABAIXO-ASSINADO CONTRA TOURADAS EM VIANA JÁ REÚNE 1.500 APOIOS

 

Desesperada, a prótoiro tenta uma “jogada” que lhe vai sair furada

 

 


 

O Presidente do município de Viana do Castelo recebeu ontem um grupo de cidadãos defensores dos Direitos dos Animais, que lhe entregaram um documento com mais de 1.500 assinaturas, no qual se solicita a proibição da realização de touradas no concelho.   

 

A iniciativa de recolha de assinaturas para este documento, que vai continuar no terreno, está a cargo do movimento local “Viana Anti-touradas” e arrancou há apenas cerca de 15 dias, de acordo com Ana Macedo, porta-voz do grupo.

 

«Temos estado em paz e sossego e sem necessidade nenhuma de ter touradas em Viana. Temos muita gente a vir visitar a cidade, não é preciso a tourada para trazer ninguém», sublinhou Ana Macedo, admitindo que o abaixo-assinado poderá vir a ser alargado a todo o país.

 

Esta posição surge numa altura em que a federação "Prótoiro" anunciou para 18 de Agosto, em plenos festejos da Romaria da Senhora d'Agonia, a realização de uma corrida de touros no concelho, à semelhança do que aconteceu em 2012, quando Viana do Castelo recebeu a primeira tourada, em quatro anos.

 

No referido documento, os signatários - segundo os promotores todos residentes no concelho - assumem que se "revêem" na deliberação da Câmara Municipal de 27 de Fevereiro de 2009, que declara Viana do Castelo "anti-touradas" e "decide não autorizar a realização de qualquer espectáculo tauromáquico no espaço público ou privado do município, sempre que ele dependa de qualquer autorização a conceder pela autarquia".

 

"Esta entrega simbólica de assinaturas prende-se com o facto de, mais uma vez, uma entidade se achar no direito de manchar o nome da cidade e as suas festas anuais, tentando impor-nos espectáculos sangrentos e de tortura que em nada representam a vontade e forma de estar dos cidadãos de Viana do Castelo", afirmam os autores deste abaixo-assinado.

 

Pelo seu turno, o presidente da Câmara, José Maria Costa, afirmou que "Isto representa o sentir da sociedade civil e da comunidade civil vianense de que os touros não fazem parte da nossa cultura e não são bem-vindos. Esta intenção de fazerem uma tourada em Viana do Castelo não deixa de ser uma provocação". 

 

O autarca reassume a intenção de impedir a realização desta tourada, tendo em conta que "manifestações que têm como único fim o maltrato dos animais não fazem parte já do nosso estado civilizacional".

 

Acrescente-se que após o indeferimento do município ao pedido da "Prótoiro" para instalação de uma arena amovível na freguesia de Areosa, em Agosto do ano passado, a tourada acabou por realizar-se, uma vez que o Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga, através de uma providência cautelar interposta por aquela federação das associações taurinas, deu um prazo à autarquia para se pronunciar.

 

A autarquia não se pronunciou no devido tempo e a tourada realizou-se ILEGALMENTE, pois não havia uma AUTORIZAÇÃO de parte alguma, para a sua realização.

 

Algo falhou, em 2012.

 

NADA falhará em 2013.

 

(Texto adaptado)

 

Fonte:

 

http://www.ionline.pt/artigos/portugal/abaixo-assinado-contra-touradas-viana-ja-reune-1-500-apoios

 

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:04

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Julho 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

NA PÓVOA DE VARZIM: TOURA...

PONTE DE LIMA, UMA DAS MA...

TORTURA GRATUITA E HUMILH...

ABAIXO-ASSINADO CONTRA TO...

Arquivos

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt