Segunda-feira, 18 de Março de 2019

OS TROGLODITAS ANDAM A ANUNCIAR A REALIZAÇÃO DE UMA TOURADA NA PÓVOA DE VARZIM, EM JUNHO, ALGO QUE O PRESIDENTE DA CÂMARA CONSIDERA UMA PROVOCAÇÃO

 

Poderá ser uma provocação ou não.

 

Em 2018, a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, com ratificação da Assembleia Municipal, decidiu proibir a realização de touradas e outras práticas medievalescas que envolvam violência animal na área do município.

 

No entanto, existem ainda, evidências de que as touradas têm um trajecto. Vejamos:

 

Quem vai da Avenida Mouzinho de Albuquerque e entra na Avenida dos Banhos há uma placa a indicar que a Praça de Touros da cidade fica numa determinada direcção.

 

TOUROS PÓVOA.png

 

Seguindo essa indicação, e lá chegados, deparamos com aquilo a que chamam “MonumentalPraça de Touros da Póvoa de Varzim, que, se na verdade, irá ser reconvertida num pavilhão multiusos, estando previsto que o projecto possa arrancar ainda este ano, conforme o prometido por Aires Pereira, presidente do município, a designação “monumental praça de touros”, já devia ter desaparecido, e ser substituída por uma faixa a indicar que brevemente ali nascerá um pavilhão multiusos, para que não haja mais dúvidas.

 

TOUROS.png

 

Deste modo, quem está acostumado a ver touradas na Póvoa de Varzim, com estas indicações, acha que elas não acabaram, e podem ainda ser realizadas, ali, onde ainda se diz que é o tal monumental antro de tortura de Touros. Basta estalar os dedos!

 

Por isso, a protóiro, como é de seu hábito, garante que irá avançar com todos os meios legais contra a autarquia, contra o autarca e contra todos os que se associaram a este ataque vil à liberdade dos “espectáculos culturais no concelho”.

 

É que os da protóiro, coitados, vivem na ilusão de que a selvajaria tauromáquica é um “espectáculo cultural”, e que dizer NÃO à selvajaria por ela protagonizada é um “vil ataque”. Pobres mentes!

 

Já estamos habituados a ouvir isto.

 

Porém, esta será a grande prova de fogo do autarca poveiro.

 

Não ouvimos o primeiro-ministro, António Costa, dizer que a realização destas práticas medievalescas passariam a estar sob a alçada das autarquias?

 

Poie é. A autarquia poveira disse NÃO a estas práticas boçais, por lhe parecer ser a atitude mais adequada para o tempo em que vivemos.

 

E quem manda na Póvoa de Varzim? É a protóiro ou é a Câmara Municipal?

 

A autarquia não recebeu ainda nenhum pedido de licenciamento para a prática desta selvajaria, mas se surgir, aqui fica a promessa de Aires Pereira: «A decisão não pode ser outra senão rejeitar».

 

Quanto à protóiro, que diz que avançará com todos os meios legais contra a autarquia, contra o autarca e contra todos os que se associaram a este ataque vil à liberdade de realizarem tortura de Touros, num conselho que se declarou livre dessa barbárie, tenho a dizer que avance com esses meios, também contra mim, que me associo a esta defesa da liberdade dos Touros de terem uma vida tranquila como é de seu direito, porque a “liberdade” da protróiro, de os atacar vilmente, para se divertirem boçalmente, acaba quando começa a liberdade dos Touros à sua vida tranquila nos campos.

 

É que liberdade não rima com tortura, nem com ignorância, nem com estupidez, algo em que a prática da tauromaquia está assente.

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:15

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sábado, 14 de Julho de 2012

FOI UM FIASCO A CORRIDA DE TOUROS DOS CAÇADORES NA ARENA DA PÓVOA DE VARZIM

 

 

 

ATENTE-SE NO “TRIUNFO” DO PEDRO VIEGAS NA CORRIDA DOS CAÇADORES: UM HOMENZINHO NO MEIO DE UMA ARENA A SER APLAUDIDO POR UNS ESCASSOS AFICIONADOS

 

Chamaram-lhe «êxito artístico», porque êxito tauromáquico não houve nenhum.

 

Foi um fiasco a tourada dos caçadores, na "Monumental" Praça de Touros da Póvoa de Varzim.
 

A foto é bastante eloquente: mostra bancadas com meia dúzia de pessoas. 

Se a praça estivesse cheia, a foto seria outra. Ou não?
 

Porquê este fracasso?

 

Porque cada vez mais, as pessoas estão a dar-se conta de que só os SÁDICOS e os NECRÓFILOS assistem à TORTURA DE TOUROS E CAVALOS.

publicado por Isabel A. Ferreira às 12:09

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sábado, 14 de Abril de 2012

TOURADAS: PÓVOA DE VARZIM REJEITA TORNAR-SE “CIDADE ANTI-TOURADAS”

 

  

Ao que chegou a idiotice: chamam-lhe a “catedral” da tauromaquia do Norte, isto é, um lugar onde “religiosamente” (até porque a Igreja Católica apoia esta ignomínia) se torturam e violentam Touros e Cavalos, seres vivos e animais como nós.

 

 

Uma notícia que já tem barbas brancas, mas que é necessário retomar, porque na Póvoa de Varzim, cidade que se diz da "Cultura" e que organiza eventos dos mais abalizados do País, como o «Correntes d' Escritas» e o Festival Internacional de Música, é permitida a tortura de Touros e Cavalos.

 

Isto é uma VERGONHA para a cidade. E porquê? Porque a tal "Cultura" não é assim tão culta como parece.

 

É necessário, pois, que as mentes se iluminem, na Póvoa de Varzim, para que esta proposta de cidade anti-tourada seja uma realidade.

 

É que não diz a treta com a careta. Uma cidade onde se torturam seres vivos, não pode ser, de modo algum, uma cidade de CULTURA.

 

É uma cidade, sim, onde ainda germina a ignorância.

 

Texto publicado em 17 de Março de 2008

 

Lusa 

 

«Viana do Castelo, 17 Mar (Lusa) - A Câmara da Póvoa de Varzim (PSD) chumbou hoje a proposta apresentada por um vereador do PS para a classificação da localidade como "cidade anti-touradas" do País, informou à agência Lusa o presidente da associação Animal.

 

Segundo Miguel Moutinho, a proposta, que foi apresentada pelo socialista Joaquim José Garcia e que transformaria a Póvoa de Varzim na primeira "cidade anti-tourada" do País, foi rejeitada com cinco votos contra da maioria PSD.

 

Dois vereadores do PS votaram a favor e um outro absteve-se.

 

"A Póvoa de Varzim perdeu uma oportunidade para dar um passo histórico e exemplar", lamentou Miguel Moutinho.

 

Lembrou que há uma empresa pertencente a um empresário alemão residente em Portugal interessada na compra da Praça de Touros da Póvoa de Varzim, que pertence à Câmara, para a transformar num "biergarten" (espaço de lazer, entretenimento e cultura) semelhante ao que existe em Munique, Alemanha.

 

"Seria a transformação de um espaço que até aqui tem sido usado para a tortura e derramamento de sangue de animais inocentes num espaço alegre, de diversão não-violenta e culturalmente interessante, que seria capaz de atrair muitos mais turistas para a cidade", frisou.

 

Garantiu que, apesar deste chumbo, a Animal não vai desistir da luta "anti-touradas" e incentivará outros autarcas de todo o País a seguir o exemplo de Joaquim José Garcia.

 

Na reunião de hoje, o executivo da Póvoa de Varzim não só chumbou a proposta do PS como também aprovou a realização de uma garraiada da Federação Académica do Porto, o que Miguel Moutinho considerou "duplamente lamentável"."Em pelo menos duas dessas garraiadas, o touro acabou por morrer na arena", referiu.

 

A associação Animal lembra que, segundo uma sondagem realizada em Março do ano passado, 50,5 por cento dos portugueses declaram querer que as touradas sejam proibidas por lei em todo o País.

 

A mesma sondagem revela que 52,4 por cento querem que as cidades e vilas em que residem sejam declaradas cidades e vilas anti-touradas pelos respectivos municípios, através da implementação de compromissos municipais de não-autorização da promoção e realização de touradas nos concelhos que administram.

 

A Animal refere mesmo o caso de Espanha, país considerado berço da tradição tauromáquica mas onde, segundo uma sondagem em Outubro de 2006, 72 por cento dos espanhóis declaram não ter qualquer interesse nas touradas.

 

"Em Espanha existem actualmente 42 cidades e vilas anti-touradas e, em França, existem já três", acrescenta a associação.

 

VCP.

 

Lusa/fim»

 

http://www.jn.pt/PaginaInicial/Interior.aspx?content_id=924135

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:03

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Novembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
15
16
17
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

OS TROGLODITAS ANDAM A AN...

FOI UM FIASCO A CORRIDA D...

TOURADAS: PÓVOA DE VARZIM...

Arquivos

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt