Quinta-feira, 14 de Maio de 2015

E SE FOSSE ASSIM?

 

É a mesma coisa. Os sentimentos são IGUAIS.

 

Um animal não humano é um ser vivo inocente, inofensivo e INDEFESO, tal como a criança humana é um ser vivo inocente, inofensivo e INDEFESO.

 

E os sentimentos de uns e de outros são exactamente os MESMOS. Ambos são animais racionais e emocionais.

 

Só existe uma espécie de animal irracional: a espécie do animal-homem-predador, porque lhe falta os atributos que fazem de um animal racional, um ser humano: a empatia, o remorso, a bondade…

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 11:15

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 9 de Abril de 2015

Esta é uma história que começa por «Era uma vez um menino chamado Henrique»

 

Isto aconteceu em Portugal, onde a violência e a crueldade contra seres vivos indefesos, inocentes e inofensivos são consentidas por Lei.

E um ser vivo é todo aquele que VIVE.

 

flor_branca.jpg

e o menino que se chamava Henrique é agora mais uma estrelinha a brilhar no Céu…

 

Era uma vez um menino chamado Henrique…

 

Henrique era um menino lindo, e poderia ter tido uma história de vida linda, como todos os meninos merecem…

 

Mas a vida de Henrique foi bruscamente interrompida, aos seis meses (sim, aos seis meses de idade), por um acto monstruoso, bárbaro e extremamente cruel, cometido por aquele que devia protegê-lo de todos os brutos que erram pelo mundo – o seu próprio progenitor (que não merece ser chamado de Pai), quando este, empunhando uma faca de cozinha, a espeta no peito da inocente criança.

 

Se a estocada fosse certeira, a morte do menino chamado Henrique seria rápida. Mas não foi.

 

O menino chamado Henrique não teve morte imediata. O progenitor, sadicamente, friamente, calculadamente, gravou os estertores da morte da inocente criança, num vídeo que enviou à Mãe, a quem, na verdade, aquela facada era dirigida.

 

E enquanto o vídeo estava a ser filmado por quem lhe desferira o golpe, Henrique agonizava lentamente, com uma hemorragia interna que se alastrou por todo o seu ainda tão delicado corpinho, até lhe sufocar o coraçãozinho, que paulatinamente, foi reduzindo os batimentos até que parou e a alma de um anjo foi libertada.

 

E ali ficou Henrique, abandonado a uma morte ignóbil, com a faca espetada num peito ainda por brotar, com uma dor vivida na solidão, que ainda não entendia, e que foi a solidão de um anjinho que subiu ao céu sem qualquer amparo.

 

Henrique era um inocente e indefeso menino.

 

Esta morte chocou até as paredes do compartimento onde a criança foi esfaqueada.

 

Chocou o mundo humanizado.

 

Que sociedade é esta em que vivemos?

 

Que monstros está a produzir a política da violência, do vinho, do desemprego, da crueldade e da morte que o governo português apoia sem se dar conta?

 

O que fazem as comissões de protecção de menores?

 

Espero que a morte do menino chamado Henrique sirva para lançar em Portugal a reflexão que urge sobre o tipo de sociedade que políticas mal orientadas, pouco reflectidas e negligenciadas está a construir.

 

Que este filicídio sirva também para rever a moldura penal portuguesa. Vinte e cinco anos de cadeia para tal crime é demasiado pouco.


E se a Justiça nos falha, falha toda a estrutura Humana.

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:00

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 5 de Fevereiro de 2015

QUAL A DIFERENÇA ENTRE O HOMEM DE NEANDERTAL E UM TOUREIRO?

O homem de Neandertal é uma espécie extinta, do género Homo, que habitou a Europa e partes do oeste da Ásia, desde cerca de 350. 000 até aproximadamente 29.000 antes da era cristã, tendo coexistido com o Homo Sapiens.

 

Na sua época, o Homem de Neandertal dava os primeiros passos para entrar na Humanidade e no Futuro

 

379886[2].png

 A réplica do rosto de um Homem de Neandertal, onde se vislumbra um rasgo de dignidade e humanidade

 

Passados milhões de anos, em pleno século XXI da era cristã, o toureiro, uma criatura muito menos evoluída do que o Homem de Neandertal, está cristalizado num mundo ainda mais primitivo do que aquele em que viveram os humanóides, que caçavam animais apenas para se alimentarem e vestirem as suas peles, e desconhecendo, por completo, o sentimento da crueldade, matavam-nos pelo instinto natural de sobrevivência.

 

216827_208935292469112_161142187248423_717133_3227

Esta é a expressão diabólica de um toureiro do século XXI da era cristã, onde não se vislumbra o mínimo rasgo de dignidade nem de humanidade, mas tão-só um olhar diabólico e de ódio por um ser vivo indefeso, inocente e inofensivo que ele barbaramente tortura, e depois matará com todos os requintes de malvadez.

 

Por motivos de sobrevivência?

Não.

 

Apenas para divertimento dele próprio e de uma plateia de sádicos.

 

Quanto mais dignos e humanos e civilizados eram os Homens de Neandertal!

 

E naquela época ainda não existiam governantes.

 

E o mundo era muito mais humano.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:46

link do post | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 19 de Novembro de 2014

A IMAGEM DA COBARDIA

 

Veja-se como um bando de cobardes ATACA um Touro já ferido, a sangrar, cravado de bandarilhas, e mais morto do que vivo

 

Veja-se o DESESPERO no olhar do animal, o único RACIONAL dentro desta arena, contando com a (pouca) assistência de sádicos

 

COBARDIA.jpg

 

COBARDIA PURA

 

UM BANDO DE FROUXOS PARA ATACAR UM TOURO INDEFESO E MORIBUNDO

 

Como é possível chamar a “isto” valentia???????

 

Só mesmo os ignorantes.

 

Origem da foto:

http://diariotaurino.blogspot.pt/2013/08/tomar-os-forcados-cfotos.html

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:47

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 16 de Setembro de 2014

BRUXELAS REJEITA PRONUNCIAR-SE SOBRE O “TORO DE LA VEGA” PORQUE É UMA “TRADIÇÃO CULTURAL”?

 

O quê???????

 

“Tradição cultural”, uma das mais cruéis selvajarias tauromáquicas existentes em Espanha?

 

Mas estão todos doidos!

 

O “Toro de la Vega” é a maior AGRESSÃO PSICOLÓGICA a toda a Humanidade Racional e Sensível, além do assassinato monstruoso de um ser vivo, completamente indefeso.

 

 

 

É esta COBARDIA de CRUÉIS MONSTROS ACÉFALOS que os deputados de Bruxelas entendem como “tradição cultural”?

 

Então, deputados de Bruxelas, sois tão cobardes e cruéis como os MONSTROS DE TORDESILHAS.

 

Fonte:

http://www.europapress.es/epsocial/naturaleza-00323/noticia-bruselas-rechaza-pronunciarse-toro-vega-porque-tradicion-cultural-20140916125221.html

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:08

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 18 de Agosto de 2014

TOURO MORRE NA ARENA (NAZARÉ)

 

ANORMAIS! PSICOPATAS!

 

Até quando os GOVERNANTES PORTUGUESES vão permitir esta SELVAJARIA?

Por que não mostram o que fizeram ao Touro ANTES de ele cair inanimado?

 

 

“PEGAR” UM TOURO QUE ESTÁ A MORRER É CRIME. SE ESTIVÉSSEMOS NUM PAÍS COM AUTORIDADE, ESTE BANDO ESTARIA NA PRISÃO

 

 

 

«O que ninguém diz é que não foi a vedação que o matou mas o toureiro que o espetou muito baixo e o paralisou... até o pai dele gritava “espetaste muito baixo”! E como se uma (bandarilha) não chegasse voltou a espetar (outra) (…). Se o touro bateu contra a vedação foi por as pernas da frente terem bloqueado com um espeto na coluna. Mas isto, ninguém diz para protegerem o Sr. Rouxinol JR» (comentário extraído desta página:

 

https://www.facebook.com/photo.php?v=819388608085525&set=vb.100000431797443&type=2&theater

 

IGAC isto é permitido?

 

A denominada “Corrida do Pescador" ficou ontem marcada pela morte de um touro em plena arena da Praça de Touros da Nazaré, uma localidade classificada ABAIXO DE LIXO, com um atraso civilizacional acentuadíssimo.

 

Decorria o início da última actuação da noite e já o touro se mostrava enfraquecido após ter embatido de forma violenta contra a vedação.

 

O que lhe fizeram antes de ele embater na vedação? Não precisaria muito, porque eles já vêm dos curros muito depauperados, o que vai contra o Regulamento do "espectáculo" tauromáquico.

Depois de alguns momentos inconsciente, deitado no chão sem se mexer, o Touro ergueu-se perante o ruído da assistência, que gritou, para dar início à actuação do Rouxinol Jr.

 

No final, manifestamente cansado, o Touro teve ainda de enfrentar os COBARDES FORCADOS que, apesar disso, tiveram a DESLEALDADE de TORTURAREM ainda mais este pobre Touro, INDEFESO e QUASE MORTO…

 

Isto até me dá vontade de VOMITAR.

SÓ ME OCORRE CHAMAR-LHES INDIVÍDUOS ASQUEROSOS! ANORMAIS! PSICOPATAS!

 

Fonte:

http://www.skynaza.pt/2014/08/touro-morre-na-arena-nazare.html?m=1

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:56

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2014

UM CRIME COMETIDO NO SANTUÁRIO MAIOR DO SER HUMANO: O VENTRE DE SUA MÃE

HOJE ESTOU REVOLTADA.

 HOJE VOU DEDICAR AS MINHAS PÁGINAS ÀS CRIANÇAS A QUEM O HOMEM PREDADOR NÃO DEU OPORTUNIDADE PARA CELEBRAREM O DIA DOS NAMORADOS COM FELICIDADE, NUM FUTURO QUE NÃO EXISTIRÁ PARA ELAS

 

Este texto esmagou-me a alma, e a foto, todos os meus sentidos

 

 

É um bebé indefeso como este, que as progenitoras matam no seu próprio ventre, um santuário que devia ser de VIDA e não de MORTE

 

Vale a pena ler

 

«Dois namorados tiveram relações e aos dois meses ela deu-se conta de que estava grávida. Era um rapaz.

 

O papá e a mamã discutiram, creio que foi por minha causa, mas fiquei quietinho.

 

Fevereiro: dei-te um pontapé na barriga. Desculpa-me, mamã! Foi sem querer.

 

A mamã e o papá discutiram novamente, e falaram sobre algo que eu não entendi, de um tal “ABORTO”, se não o papá a deixaria, e a mamã, chorando suplicou-lhe que não o permitiria.

 

Não importa mamã, eu acompanhar-te-ei por toda a vida, por isso Deus me enviou para o teu ventre.

 

Março: a mamã foi ao médico. Pediram-lhe que se deitasse. Senti algo que me puxava o pezito para fora. Disseram-me que já era hora de sair, era hora de ver a minha formosa mamãzinha e acompanhá-la para sempre.

De repente!...

 

Mamãzinha estão a arrancar a minha perninha… mamãzinha, mamãzinha… ajuda-me! Não poderão separar-me de ti… mamãzinhaaaaa amo-teeeeeee e lutarei….

 

Tudo ficou em silêncio. E ouvi o doutor dizer à mina mamã. «Já está pronto, senhora, e acabou-se o seu problema.»

 

Perdoa-me mamã, não sabia que eu era um problema para ti. POR QUE ME

MATASTE MAMÃZINHA? NÃO FAZIAS IDEIA DE QUANTO EU TE AMAVA!»

 

(Poncho Navarro)

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:34

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 7 de Fevereiro de 2014

O BIOCÍDIO DE TAIJI (JAPÃO) NÃO PODE FICAR IMPUNE

 

Um inocente e indefeso golfinho gritando de dor ao morrer uma morte lenta e horrível, na enseada em Taiji. Isto não é cultura. Não há nenhuma cultura no mundo que possa promover o massacre desumano e o sofrimento de seres sencientes, socialmente complexos e altamente inteligentes ao ponto de já serem considerados “pessoas não humanas”.

 

 

Isto é sadismo, é ganância, é um crime cometido por cobardes contra a vida planetária.

SHAME ON JAPAN!

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=784059311622035&set=a.596263153734986.143502.596261893735112&type=1&theater

    

publicado por Isabel A. Ferreira às 11:32

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 1 de Abril de 2013

PRÓTOIRO NO SEU PIOR: «UM POR TODOS E TODOS POR UM…»

 

Vejam o que eles consideram “amizade” e “camaradagem”


 

 

E o que vemos nós aqui? Um bando de covardes contra um inocente, debilitado e indefeso tourinho.

 

Além de grandes covardes, os conceitos deles são nivelados pelo que de mais baixo existe à face do planeta Terra.

 

Valentia, mas valentia a sério, era ver esta espécie de “homens” numa arena a enfrentar o maior leão da selva esfomeado.

 

Isso é que demonstrava a valentia deste grupelho.

 

Agora, tantos, para um só tourinho fragilizado?

 

Tenham vergonha nessas caras!|

 

Vão brincar com carrinhos e bolinhas de sabão.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:42

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Julho 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

E SE FOSSE ASSIM?

Esta é uma história que c...

QUAL A DIFERENÇA ENTRE O ...

A IMAGEM DA COBARDIA

BRUXELAS REJEITA PRONUNCI...

TOURO MORRE NA ARENA (NAZ...

UM CRIME COMETIDO NO SANT...

O BIOCÍDIO DE TAIJI (JAPÃ...

PRÓTOIRO NO SEU PIOR: «UM...

Arquivos

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt