Terça-feira, 27 de Novembro de 2012

O RESPONSÁVEL PELOS INOCENTES BOVINOS DE IDANHA-A-NOVA JÁ FOI DETIDO, RESPONSABILIZADO E VAI SER CONDENADO COMO MERECE?

 

 

A pergunta colocada no título é o que importa, depois da matança.

 

Recebi dois comentários, sobre as “preocupações” do povo de Idanha-a-Nova, com o facto de terem consentido que se ABATESSE A TIRO inocentes bovinos, que pagaram pelo CRIME do dono deles, o que me parece que anda o povo de Idanha-a-Nova com PESO NA CONSCIÊNCIA.

 

Nada do que o José João e o João Pedro disseram, JUSTIFICA o ABATE A TIRO, ainda mais por GNRS com fraca pontaria, de animais que não têm culpa do ABANDONO a que foram votados.

 

Mas quem as diz bem é o meu amigo CARLOS RICARDO:

 

«A DGAV já demonstrou várias vezes (p. ex. canis municipais não licenciados por não terem condições, mas que continuam a albergar e matar cães e gatos à revelia desta Direcção) que não prima pela defesa dos animais, dando SEMPRE A DESCULPA DE SE TRATAR DA DEFESA DA SAÚDE PÚBLICA.

 

Infelizmente, e não sei se legalmente, utilizou uma força de segurança (GNR) para esta operação. GNR cuja história ao longo dos tempos demonstra ser uma força mais repressiva que de segurança das populações e bens.

 

Os elementos da GNR, que têm actuado nesta matança, têm falhado muitos tiros, já que em alguns vídeos se vêm animais feridos a correr pelo mato fora. Isto significa que não só não resolveram a situação como causaram enorme sofrimento aos animais.

 

Quanto ao indivíduo morto, ainda não foi provado que a sua morte foi provocada pela investida dum desses animais!!!
 
A finalizar e tendo em conta o ponto 8 da resposta da DGAV, desafio esta Direcção a demonstrar que o proprietário já foi detido, responsabilizado e VAI SER PUNIDO, como merece

 

Carlos Ricardo

 

***

 

Só me resta dizer umas coisinhas ao José e ao João.

 

JOSÉ JOÃO, deixou um comentário ao post EM IDANHA-A-NOVA PREVALECE A LEI DA SELVAJARIA: DISPARA-SE CONTRA BOVINOS, ALVEJA-SE GUARDAS DA GNR… E O EXEMPLO “VEM DE CIMA”…  

 

«Respeito a sua opinião. Gostaria apenas que pensasse da seguinte forma: A sua mãe, uma senhora de oitenta e tal anos, residente na aldeia de Segura, que gosta de ir á sua horta, buscar e regar a sua pequenina cultura, dá de caras com um boi de 500 e tal quilos, em puro estado selvagem e não manso, como a cara senhora descreve... animal que anda há aproximadamente uma década, à solta, sem vacinação contra absolutamente nada, tão só porque o dono dos animais originais, ou seja os primeiros, sendo ele veterinário, os meteu numa cerca (terras dele), para receber um subsídio, e os abandonou ao seu destino durante mais de dez anos. Como resolvia a senhora jornalista (freelancer) este problema? Ia lá apanhar os animais mansinhos?»

 

*

 

Pois o que tenho a dizer-lhe José, é que não posso, de modo algum, pensar da forma como sugeriu. Por uma simples razão: se a minha mãezinha de oitenta e tal anos tivesse uma hortinha na aldeia de Segura, e se andassem (e ainda por cima isto já tem UMA DÉCADA) uns bovinos abandonados pelos campos ao derredor, EU como filha da senhora idosa, teria MOVIDO CÉUS E TERRA para RESOLVER o problema dos bovinos, e consequentemente, o problema da minha mãe, para que ela pudesse andar na hortinha dela, sem ter de ver pela frente um boi com 500 quilos, que se estivesse bem tratado, até nem poria em perigo a vida dela.

 

Teria feito tudo para meter o dono dos bovinos na CADEIA.

 

Eis como a senhora jornalista (freelancer) resolveria este problema.

 

O que é que o João José fez?

 

O que é que fez a Câmara Municipal?  

 

O que é que fez a DGAV, nesta última DÉCADA quanto a estes bovinos?

 

Contactaram o dono? Vedaram o terreno? Trataram dos animais?

 

Não mexeram UMA PALHA.

 

E agora vem para aqui tentar justificar uma atitude que não tem justificação possível.

 

***

 

João Pedro, deixou um comentário ao post EM IDANHA-A-NOVA PREVALECE A LEI DA SELVAJARIA: DISPARA-SE CONTRA BOVINOS, ALVEJA-SE GUARDAS DA GNR… E O EXEMPLO “VEM DE CIMA”…  

 

«Talvez devesse saber que os "bovinos mansos e inocentes" já mataram uma pessoa e perseguiram e mataram outras. Já várias vezes os tentaram apanhar mas não conseguiram. Os animais já andam à solta há anos, tornaram-se selvagens e agressivos, muitos deles apresentam sintomas de demência e são um perigo para as pessoas e para a saúde pública. E aquilo é uma região desertificada e com poucos meios. Por isso de mansos não têm nada, antes andam a espalhar o terror pela zona. Que queria que lhes fizessem?»

 

Pois, João Pedro eu já sei dessa SUPOSIÇÃO, gostaria que me provasse que os “bovinos mansos e inocentes” já mataram uma pessoa e perseguiram e mataram outras…

 

Estamos a falar de BOVINOS HERBÍVOROS. Não estamos a falar de MAMÍFEROS CARNÍVOROS, que atacam o homem quando têm fome. E APENAS quando têm fome ou são provocados.

 

Um bovino também pode marrar em autodefesa. Com todo o seu direito. E conheço muita gente que gosta de maltratar os animais desprotegidos, e depois QUEIXAM-SE.

 

Os animais já andam à solta há anos… Pois é. E o João Pedro fez alguma queixa contra o abandono destes INOCENTES E MANSOS ANIMAIS? Fez alguma coisa pelo bem deles?

 

Tornaram-se selvagens? Não seria o contrário? As gentes de Idanha-a-Nova é que se tornaram selvagens em relação a eles?

 

Estamos a falar de BOVINOS.

 

Andaram a espalhar o terror pela zona? Como? Com panos pretos pela cabeça?

 

O único ser que “espalha terror” é o homem predador.

 

O que fizeram aos pobres animais?

 

ABATÊ-LOS A TIRO (com fraca pontaria) foi o modo mais fácil.

 

Não, o povo de Idanha-a-Nova nada fez nesta DÉCADA para resolver o problema civilizadamente, como era sua obrigação.

 

Os bovinos são animais pacíficos. Mas ainda que não fossem, tinham todo o direito à sobrevivência.

Agora mata-se por tudo e por nada.

 

O homem destrói o habitat dos animais. Estes, levados pela fome, procuram comida onde ela existe, e são corridos à bala.

 

Quem são os criminosos?

 

Respondam-me.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:16

link do post | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos
Domingo, 25 de Novembro de 2012

EM IDANHA-A-NOVA PREVALECE A LEI DA SELVAJARIA: DISPARA-SE CONTRA BOVINOS, ALVEJA-SE GUARDAS DA GNR… E O EXEMPLO “VEM DE CIMA”…

 

 

Quando ouvi a notícia, não me admirei.

 

Em Idanha-a-Nova corre-se tudo a tiros.

 

É a lei da selvajaria que prevalece.

 

A GNR abateu a tiro uma manada de bovinos mansos e inocentes (fez o que lhe ordenaram, mas infelizmente não tiveram boa pontaria).

 

Poderiam ter-se recusado.

 

As funções da GNR não são essas.

 

Ontem foi a vez da GNR ser alvejada a tiro por um bando de selvagens.

 

Mas esta é a infalível Lei do Retorno.

 

Quem com ferros mata, com ferros pode ser morto, a qualquer momento.

 

Lamentamos que assim seja, e deixamos aqui uma recomendação:

 

Há várias opções para se resolver problemas.

 

A MORTE NUNCA É UMA OPÇÃO.

 

Para nenhum ser: nem bovinos, nem GNR.

 

É preciso que os bons exemplos venham de cima.

 

Fonte:

http://sicnoticias.sapo.pt/pais/2012/11/25/quatro-militares-da-gnr-alvejados-em-idanha-a-nova-presumiveis-autores-dos-disparos-detidos-de-madrugada

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:46

link do post | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 21 de Novembro de 2012

ESTA É DE ALMANAQUE: «IMAGINE A SRA. QUE NO BAIRRO EM QUE HABITA SE INSTALARAM UNS SERES QUE MALTRATAM, ROUBAM, OPRIMEM E ATÉ MATAM OS HABITANTES»…

 

 

A solução colocada pela DGAV (Direção-Geral de Alimentação e Veterinária) passou pelo abate a tiro desses seres, que NÃO tiveram morte imediata, e que, mortalmente feridos, deambularam horas pelo terreno, acabando por morrer em grande sofrimento. E depois de mortos, ali estiveram a apodrecer… Isto só num país TERCEIROMUNDISTA, onde quem manda são os INCOMPETENTES  

 

 

O habitante de Idanha-a-Nova voltou à carga. Desta vez com algo extremamente interessante e que denota um elevado grau de imaginação.

 

O texto está publicado na íntegra. Mas o “antonio” explica (num outro comentário que enviou: «Desculpem os erros, mas a minha preocupação, foi a de esclarecer e não efectuar um texto literário, para dizer a verdade não sou muito versado em mail e internet, prometo que vou ser mais cuidadoso

 

antonio lopes, deixou um comentário ao post REPÚDIO PELO ABATE DE BOVINOS NA ALDEIA DE SEGURA (IDANHA-A-NOVA) às 22:14, 2012-11-20.  

 

«Que tem isto a ver com o nosso assunto, tambem defendo os animias, mas há limites, pois imagine a Srª que no bairro em que habita se intalaram uns seres, que maltratam, roubam oprimem e até matam os habitantes. O governo após tentar por meios pacifico, resolver o problema, teve que optar por estrategias mais agressivas para resolver a situação. Eu confortavelmente sentado no meu cadeirão na minha pacata aldeia, assisto diariamente ao desenrolar dos acontecimentos e até mando mail a contestar, para não acabar com estes seres. Sem duvida que este comentário é estupido, mas é a situação posta ao contrario, para que veja quanto ridiculo são as vossas opiniões a cerca deste assunto».

 

***

 

Realmente, antonio lopes, o que aconteceu em Idanha-a-Nova foi mais ou menos isso que você teve a lucidez de imaginar: pois os bovinos são seres que no limite da luta pela sobrevivência podem maltratar, roubar, oprimir e até matar habitantes. É verdade.

 

O governo, muito solidário com os direitos dos animais, até tentou uma via pacífica para resolver o conflito entre bovinos e as “gentes” de Idanha-a-Nova, que se sentiram ameaçadas pelas atitudes agressivas desses seres que andaram a fazer maldades.  

 

Foi isso mais ou menos o que aconteceu, por isso esses seres tiveram de ser ABATIDOS A TIRO, como se fazia no faroeste, aos bandidos, em julgamentos sumários, de rua.

 

A DGAV, a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, a GNR local (que até tem muito boa pontaria) e o próprio povo (salvo raras excepções) que não sabem distinguir um boi de um palácio, concordaram em aniquilar uns seres que têm tanto direito à sobrevivência como qualquer um dos habitantes de Idanha-a-Nova. Mas estes ROUBAVAM. OPRIMIAM O POVO.

 

E nós, cá, dos nossos sofás, (imagine-se!) andámos a mandar e-mails a contestar algo que é absolutamente CIVILIZADO e em prol da AUTODEFESA de um povo que se viu ameaçado por seres tão mauzinhos, que roubam, maltratam e oprimem o povinho de Idanha-a-Nova.

 

Este seu comentário é PRECIOSÍSSIMO, antonio lopes.

 

Veio esclarecer-nos, com todos os pontos nos “is”, a MENTALIDADE AVANÇADÍSSIMA de todos os que tomaram parte nesta chacina sumária de bovinos perigosíssimos, em Idanha-a-Nova.

 

Só mesmo em Idanha-a-Nova isto poderia ter acontecido! 

   

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:44

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 15 de Novembro de 2012

EIS UM COMENTÁRIO INTELIGENTE AO «COMENTÁRIO» IDIOTA QUE AQUI PUBLICÁMOS RELATIVAMENTE AO ABATE A TIRO DE BOVINOS EM IDANHA-A NOVA

 

 

O TEXTO QUE SE SEGUE ESTÁ EDITADO NA ÍNTEGRA

 

antonio lopes, deixou um comentário ao post REPÚDIO PELO ABATE DE BOVINOS NA ALDEIA DE SEGURA (IDANHA-A-NOVA) às 22:17, 2012-11-14.  

 

«Li o seu blog com atenção, tendo todo o direito a ter a sua opinião, apenas lamento que escreva sem ter verificado os factos que apresenta, pois saia do seu gabinete, apanhe um pouco de ar e desloque-se aos locais que descreve com tanta eluquencia, fale com as pessoas que aqui vivem, então depois relate os factos e emita as suas opiniões, sem omitir os factos que não lhe interessa, então poderá colocar no seu corriculum, que é jornalista.

 

Como verifico que não conhece os factos vou referi-los: Não digam asneiras sem ter conhecimento do que se passa, pois vou vos esclarecer. Esta situação arrasta-se a 12 anos com um proprietario de 1100 ha que colocou na sua exploração 150 bovinos de raça brava, sem ter infras estroturas adequadas (a propriedade não esta devidamento vedada e não tem mangas de contenção).
 
A partir daí nunca mais cumpriu com os seus deveres de prorietário e responsavel pelos os bovinos, isto é nunca mais efectuou despiste de doenças, nunca mais identificou animais, nunca recolheu cadaveres,nunca alimentou os sus animias em periodos de carencia, nunca mais vendeu ou comprou bovinos, isto é abandonou a exploração.

 

O que motivou que em exploração não vedada os animais saissem a procurar alimento inportunando vizinhos, destruindo culturas, levando ao abandono de terras e espanhando-se os animias por um a area de cerca 3000 ha. Infelizmente nesta região existe tuberculose bovina em bovinos e espécie cinegéticas o que tem originado um grande esforço economico dos produtores de bovinos em efectuar diversas vezes por ano trabalho de despistagem, trabalho este que é invalidao por este bovinos assilvestrado não o efectuarem.

 

No entanto há algumas pessoas que tiram proveito de tanta incuria nestes anos todos, alguns locais que abatem clandestinamente bovinos e introduzem a sua carne em mercados paralelos. Aos que interrogam o que foi feito? pois queiram saber que a atitude de matar os animais a tiro só foi tomada como ultimo recurso.

 

Em setembro 2011 foi iniciada a captura dos animias pelos metodos tradicionias tendo sido encerrados 28 bovinos que foram conduzidos ao matadouro. Nesta data abateram-se a tiro 16 bovinos (touros adultos por segurança do pessoal interveniente), lembrem-se que se trata de touros bravos. Após esta data o proprietário solicitou a possiblidade de ele proprio capturar os seus animias, pretenção atendida.

 

Como de setembro de 2011 a abril de 2011 ele não tivesse capturado nenhum bovino ou desemvolvessse qualquer atitude, em junho de 2011 entraram em acção campinos profissionais de Benavente e Vila franca, que após intensso e empenhado trabalho apenas conseguiram encerrrar 8 bovinos, conduzidos a matadouro.

 

A partir daqui e após a morte de um pastor, que pacatamente apascentava o seu rebanho na sua propriedade localizada nas imediações e colhida grave sofrida por um caçador, por mais que gostemos de animais, não resta alternativa do que abater estes bovinos a tiro. Alem destes acidentes recentes existe um largo historial de acidentes com viaturas, destruição de culturas, agressões a residentes locais com braços, costelas partidos outro que perdeu um olho etc.

 

Que fique esclarecido, pois estou certo que pelo menos pessoas dignas não emitirão mais comentários idiotas.» 

 

***

Senhor antonio lopes, quanto a mim, fiquei ESCLARECIDÍSSIMA, com esta sua explicação de mestre.

 

Realmente foi preciso publicar neste Blog um “comentário” IDIOTA, para alguém muito ESCLARECIDO vir repor a verdade dos factos. Afinal NÃO É VERDADE que os bovinos padeciam de tuberculose e eram portadores da doença das vacas loucas…

 

Apenas estavam ali, nos pastos, a pastar tranquilamente… E vai daí...

 

Penso que ficámos todos a saber o motivo por que em Idanha-a-Nova se ABATE BOVINOS A TIRO, que é algo muito condizente com a cultura culta e civilização enraizadas  por esses lados.

 

Agradeço, ao senhor antonio lopes a amabilidade do seu gesto altruísta, de vir esclarecer o ABATE A TIRO de bovinos que cometeram o CRIME de terem ido pastar para a uma terra tão civilizada.

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 09:53

link do post | Comentar | Ver comentários (3) | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 8 de Novembro de 2012

O QUE ESTÁ A PASSAR-SE EM IDANHA-A-NOVA É FRUTO DA CULTURA DA MORTE, PROMOVIDA EM PORTUGAL PELOS GOVERNANTES E POR ALGUNS QUE SE DIZEM “VETERINÁRIOS”...

foto Carlos Pimentel / Global Imagens

  

Álvaro Rocha, autarca de Idanha-a-Nova, ponha a mão na consciência (se é que a tem)... Um dia terá de prestar contas por todos os actos nocivos que cometeu na sua vida... E a Lei do Retorno é infalível.

 

 

A VOZ DO POVO REVOLTADO COM O ABATE DE TOUROS EM IDANHA-A-NOVA

 

A SELMA disse: Os animais não apareceram ali do nada, certamente foi irresponsabilidade de alguns ignorantes deixar a situação chegar a esse nível! E os animais que não têm culpa de nada é que pagam o pato. FRANCAMENTE!!!!! Será que não exista ninguém que tenha uma proposta mais inteligente?????????? CHEGA DE VIOLÊNCIA CONTRA OS ANIMAIS!

 

O ANTÓNIO disse: As autoridades e os senhores que arrancaram as vedações é que são os culpados desta situação, abater a tiro, vão espalhar os animais por vários Km e não conseguem matar todos e vai haver muitas pessoas feridas.

 

SHIRLEY MOTA disse: Animais em estado selvagem e a solução mais fácil é mata-los!!!!! Por que não transferi-los para uma área mais propícia ??????

 

J.A disse: Neste país, para problemas difíceis há sempre uma solução fácil! Se é esta a única solução, porque foi preciso esperar anos!? Ficaram todos à espera que o problema ganhasse dimensão, que se tornasse notícia de jornal. Entretanto morreu o pastor, outro homem ficou incapacitado, ficou ferido o caçador e muito pior poderia ter acontecido. E agora "voilá!" a solução - tiro ao touro. O ganadeiro que abandonou os animais ainda vai receber algum subsidio pelo abate? As máfiofamílias tauromáquicas recebem todos os anos muitos milhões de dinheiro público para financiar as suas actividades "culturais" e engordar o seu património. Não poderiam ter acolhido estes animais nas suas imensas herdades?

 

J. ALVES disse: São os bastidores da tauromaquia em Portugal... É o maravilhoso mundo rural que um tal de Moita Flores tanto enaltece "em defesa da festa brava". Já agora aproveite-se o evento e faça-se disto uma "fiesta" com caçadores a pagar para fazer tiro ao touro e muitos idiotas a pagar para assistir. Convide-se o Paulo Portas, a ex-ministra Canavilhas, o Jorge Sampaio, o Rei de Espanha... E OLÉ!

 

O JOÃO disse: Cambada de animais é o que esta gente é. Não se podia esperar mais de um povo medieval como o português. Os verdadeiros animais aqui são os que dão as ordens e os que vão premir o gatilho. A DGVA tem muito que se lhe diga. Pareceres ridículos, onde vai tudo logo para o abate. Vergonha de ter nascido neste país...

 

O LUÍS ONOFRE disse: Façam um abate selectivo é do governo, esses sim, selvagens. Com um tiro na nuca Made in China.

 

ALICE SANTOS disse: esses animais, matam os próprios filhos, matam as mães, matam a família toda, esses animais possivelmente mataram porque se sentiram ameaçados, tem que haver alternativas, vocês presidentes municipais só pensam em matar, é incrível como algumas pessoas só pensam em assassinar animais indefesos, um dia todos vocês acabarão por ser mortos por os animais racionais, chegará o dia, em que os homens conhecerão o íntimo dos animais e nesse dia, um crime contra um animal será ser considerado um crime contra a humanidade (Leonardo da Vince).

 

O FRANCISCO SILVA disse: Ao que chega a irresponsabilidade e a impunidade destes e de outros desleixos que são silenciados... que culpa têm os animais da imbecilidade humana? A quem pedir responsabilidades (?)...um país do vale tudo, um país eternamente adiado...

 

***

 

O QUE DIZER MAIS SE FICOU AQUI BEM VINCADA A REVOLTA DE UNS TANTOS PORTUGUESES QUE SÃO A VOZ DA MAIORIA?

 

VIVEMOS, SIM, NUM PAÍS ADIADO. NUM PAÍS EM QUE A MORTE SE SOBREPÕE À VIDA, PORQUE A IGNORÂNCIA É TANTA QUE ASFIXIOU A INTELIGÊNCIA E O BOM SENSO.

 

Fonte:

http://www.jn.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Castelo%20Branco&Concelho=Idanha-a-Nova&Option=Interior&content_id=2861042

 

***

 

Touros selvagens estão infectados com tuberculose???????????????????

Os cerca 250 touros selvagens, que andam à solta em Segura, em Idanha-a-Nova, estão infectados com tuberculose e a BSE (doença das vacas loucas)???????????????????, afirmou (...) o director-geral de Alimentação e Veterinária, Nuno Brito.

 

AFIRMOU?
ENTÃO VAI TER DE PROVAR.

QUE GOLPE MAIS BAIXO, Ó SENHOR NUNO BRITO!

 

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/sociedade/touros-selvagens-estao-infectados-com-tuberculose

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:25

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 28 de Setembro de 2011

A TOURADA DO MIGUEL SOUSA TAVARES

 

 

 

 

 

(Um texto com o qual estou inteiramente de acordo, por isso aqui o transcrevo com a devida vénia)

 

 

Por Richard Warrell

 

«Caro Miguel Sousa Tavares,

 

Tenho um filho com 2 anos que está a começar aos poucos a aprender a fazer chichi no bacio.

 

No outro dia, a minha mulher sentou-o no bacio, na casa de banho, e ausentou-se por uns segundos enquanto o pequenito esperava que o chichi chegasse.

 

Eu, que estava na sala, comecei a ouvir um barulho que me era familiar, mas que não reconheci de imediato. Levantei os olhos e lá o vi, todo nú, barriga espetada para a frente, a fazer um enorme chichi para o chão da sala.

 

Não pode ser, não é? Peguei nele, ralhei e levei-o de imediato para a casa de banho, enquanto ele esperneava e estrebuchava por todos os lados. Aquele tipo de comportamento infantil que tanto o incomoda quando está num restaurante, onde ainda por cima já não o deixam fumar em paz, está a ver?

 

Conto-lhe isto a propósito da intervenção que fez na SIC, no Domingo à noite, sobre o fim das touradas na Catalunha. Creio que disse que era "um caminho da estupidez", comparou com a Casa dos Segredos (essa sim, verdadeira barbárie e selvajaria, disse o Miguel), disse que era falta de cultura querer a abolição, citou pintores espanhóis que pintaram touradas (AH!; se Goya pintou touradas, então está tudo bem!), usou aquele argumento típico que a "espécie" acaba quando acabarem as touradas, chamou ignorantes a quem não gosta delas e que não percebem nada da vida no campo...

 

Deixe-me só esclarecê-lo um pouco, mas nem me vou alongar muito que não tarda nada tenho uma fralda para ir trocar e isso é mais importante: a espécie Bos Taurus já existia muito antes das touradas e vai continuar a existir. Talvez se referisse a raça, mas também não existe uma raça "touros de morte", porque não cumprem as 3 regras básicas de uma raça: características morfológicas próprias, características psicológicas diferenciadores e descrição científica dessas características. O que existe sim, são fundos comunitários. E €2000 por cada touro. Informe-se, não lhe deve ser difícil. E nesse processo, veja quais as raças autóctones portuguesas estão realmente ameaçadas de extinção e ajude também a protegê-las.

 

Mas talvez tenha razão: torna-se complicado estes animais sobreviverem quando acontece o que aconteceu no outro dia em Idanha-A-Nova, onde a Direcção-Geral de Veterinária pediu a ajuda a elementos especiais da GNR para abaterem a tiro centenas de bovinos que pastavam em liberdade, numa herdade de dezenas de hectares, só porque o proprietário não os deixou verificar in-loco se os ditos animais respeitavam todas as regras de saúde pública que o ser humano acha que os animais "selvagens" têm de cumprir.

 

E depois vem a velha história da liberdade e do "não gostam, não vejam". Como se alguém tivesse alguma vez perguntado ao touro se ele queria ser retirado do seu habitat, enfiado numa camioneta durante horas (onde perde 10% do seu peso), ficar fechado outras tantas horas na praça de touros, ver as pontas dos seus cornos serem serradas a frio, ser picado, torturado, ficar sem comer nem beber e depois ser lançado numa praça, rodeado de gente aos berros que berra ainda mais de cada vez que um ferro de 4cm lhe perfura a carne. Não senhor, não gosto e não vejo. E assim como não fico de braços cruzados ao ver o meu filho fazer chichi no meio da sala, também não posso ficar perante a barbárie e a tortura gratuita a um animal.

 

No seu caso, vê-se que fica irritado por lhe limitarem a liberdade. Mas o seu discurso, a mim, faz-me lembrar o meu filho. Até parece que vejo o Miguel Sousa Tavares em pequenino, o Miguelito, de calções e meias até ao joelho, deitado de costas no chão, a espernear e a estrebuchar, porque não deixam o menino ver a tourada.

 

Mas olhe Miguel, vá-se preparando, porque com birra ou sem birra, esse dia há-de chegar.

 

PS - é mais que justo que deixe aqui um link para as suas declarações:

http://aeiou.expresso.pt/proibicao-de-touradas-e-o-caminho-da-estupidez=f676502

 

Até porque a causa anti-taurina precisa de mais momentos destes.»

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:45

link do post | Comentar | Ver comentários (14) | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Dezembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

O RESPONSÁVEL PELOS INOCE...

EM IDANHA-A-NOVA PREVALEC...

ESTA É DE ALMANAQUE: «IMA...

EIS UM COMENTÁRIO INTELIG...

O QUE ESTÁ A PASSAR-SE EM...

A TOURADA DO MIGUEL SOUSA...

Arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt