Terça-feira, 8 de Dezembro de 2015

TRIBUTO A JOHN LENNON

 

John Lennon nasceu a 9 de Outubro de 1940, em Liverpool, no Reino Unido

 

Foi assassinado na noite de 8 de Dezembro de 1980, em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América.

 

Entre uma e outra data ficou uma vida vivida intensamente, plenamente, uma vida com vida dentro…

 

IMAGINE.jpg

(Origem da imagem: Internet)

 

Não me interessa o que os outros pensam de John Lennon.

 

Para mim, foi alguém que me transmitiu um estilo de vida para ser vivido e não para ser fingido.

 

John Lennon era ele e as suas causas, o seu caminho, que ele percorreu cantando, não o efémero, mas o fundamental.

 

Era um ser tocado pelo divino, ainda que não o consentisse.

 

Não era nem mais popular nem menos popular do que Jesus Cristo.

 

Mas ambos foram anarquistas pacifistas, e mudaram o rumo do mundo, no tempo em que cada um viveu.

 

John Lennon atravessou muros, com as suas canções. Não os derrubou. E ao atravessá-los, mostrou toda a força das palavras que cantava, incomodando os poderosos, sabendo que tudo o que fizesse, tudo o que dissesse teria repercussões gigantescas num mundo onde imperava (e passados 35 anos sobre a sua morte, ainda impera) uma hipocrisia mórbida e cada vez mais mafiosa.

 

Por isso (ainda) é urgente cantar John Lennon:

 

Poderosos do mundo, dêem à Paz uma oportunidade!

 

 

Nada mais foi igual depois do aparecimento dos «Beatles».

 

Nada mais foi igual depois das palavras que John Lennon lançou ao mundo como âncoras.

 

John Lennon (a par de Jesus Cristo, Mahatma Gandhi e Martin Luther King) marcou o modo como eu vejo, sinto e estou no mundo: desassossegada, desassossegando...

 

Sim, podem dizer que somos sonhadores…

 

Não somos os únicos…

 

Mas temos esperança de que num dia todos se juntarão a nós e o mundo será como um só…

 

 

 

Mark Chapman assassinou o Homem, naquela noite de 8 de Dezembro de 1980. Mas não conseguiu matar os sonhos de John Lennon…

Esses, continuam entre nós… connosco...

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:56

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 11 de Dezembro de 2014

HIPÓCRITAS! DEUS NÃO DORME! E VÊ A LOUCURA DESTES TAURICIDAS, INCLUINDO O PADRE

Serão apanhados numa volta da vida

 

Quanta desumanidade nestes gestos inúteis e falsos!

 

E quanta irracionalidade dos governantes que permitem tamanha estultícia!

HIPOCRISIA.jpg

Origem da foto:

https://www.facebook.com/NoticiasMVS/photos/a.313756728664942.76206.163465747027375/823157424391534/?type=1&theater

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:43

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sábado, 29 de Novembro de 2014

HIPOCRITAMENTE A PÓVOA DE VARZIM ASSOCIA-SE AO MOVIMENTO “CIDADES PELA VIDA”

 

Mas claro que isto é uma posição HIPÓCRITA.

 

Tal como os Encontros pela Paz.

 

O Município da Póvoa de Varzim associa-se a estas iniciativas de VIDA e de PAZ, e depois promove e apoia a tortura (e consequente a morte) de touros, e o tiro aos pombos, e os circos que exploram animais, e a batida às raposas, e as vacadas e garraiadas.

Que moral têm estes autarcas para se associarem a estas iniciativas?

 

CIDADES PELA VIDA.jpg

 

«A exemplo de anos anteriores, a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim associa-se à iniciativa mundial “Cidades pela Vida – Cidades contra a Pena de Morte” que acontece no dia 30 de Novembro de cada ano.

 

A convite da Amnistia Internacional Portugal, o município participa da ação de sensibilização, no próximo dia 30 de novembro, procedendo à iluminação da Igreja do Desterro, edifício escolhido pela autarquia poveira para a simbologia desta iniciativa, exprimindo assim a afirmação do valor da vida.

 

O evento surgiu pela primeira vez em 2002, por iniciativa da Comunidade de Sant'Egidio, sediada em Itália, para assinalar o aniversário da abolição da pena de morte no primeiro estado europeu, o Grão-Ducado da Toscana (a Norte de Itália) a 30 de novembro de 1786.

 

Desde então, “Cidades pela Vida – Cidades contra a Pena de Morte” tem vindo a aumentar, todos os anos, o número de participações ao longo do mundo. O crescente número de cidades aderentes à iniciativa mundial transmite a mensagem inequívoca de que a aplicação da pena de morte deve ser abandonada e que os portugueses estão de facto motivados para apoiar a luta pela abolição da pena de morte e, acima de tudo, empenhados na defesa dos direitos humanos.»

***

HIPOCRISIA PURA A DESTE MUNICÍPIO!

VER NOTÍCIA NESTE LINK:

http://www.cm-pvarzim.pt/noticias/povoa-de-varzim-associa-se-ao-movimento-cidades-pela-vida

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:46

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 8 de Maio de 2014

O IPO DE LISBOA, CÚMPLICE DA TORTURA DE TOUROS, RECEBE FORCADOS DE VILA FRANCA DE XIRA, INSULTANDO DESSE MODO AS CRIANÇAS QUE LUTAM PELA VIDA

 

 

A atitude dos forcados é desprezível (não admira) porque para limpar o nome manchado do sangue dos Touros que cobardemente torturam, fingem uma solidariedade que não sentem e fazem uma caridadezinha hipócrita

 

Agora que o IPO de Lisboa aceite ser visitado por torcionários que desprezam a Vida é aviltante e só diz da cumplicidade de quem permitiu tal insulto aos doentes oncológicos.

 

ooo

(Fonte da imagem)

https://pt-pt.facebook.com/photo.php?fbid=738490879504885&set=a.447905611896748.97839.447888525231790&type=1&theater

 

É já no próximo sábado, que os torcionários de Vila Franca de Xira pretendem estar presentes nos serviços de Pediatria do IPO de Lisboa, levando até àquelas crianças que lutam pela sua Vida, uma experiência de tortura e de morte de seres vivos indefesos.

 

Será essa a mensagem que terão para dar esses forcados, que nada mais sabem da Vida senão de tortura e de morte?

 

Como é possível que os responsáveis pelo IPO de Lisboa permitam tal insulto a crianças, a quem escondem o verdadeiro carácter desses forcados, despidos de valores humanos, sem sentimentos ou sensibilidade?

 

Que terão eles para partilhar com crianças, senão uma vivência de crueldade dentro das arenas, a torturar bovinos moribundos?  

 

Como é possível os responsáveis do IPO permitirem que  forcados partilhem “valores falsos” para ultrapassarem segundo o que despudoradamente dizem ser «as mais duras adversidades dentro da praça, passando essa mensagem de apoio e de esperança que os define: que nunca devemos virar a cara à luta e que devemos sempre dar mais um passo em frente quando tudo nos empurra para trás»…

 

Duras adversidades dentro da praça?

 

Alguém os força a ir para dentro de uma praça atacar um bovino moribundo com os seus gritos histéricos e a sua brutalidade?

 

Nunca devem virar a cara à luta?

 

Como se atrevem a colocar ao mesmo nível a luta pela Vida que estas crianças travam, e a “luta” numa arena contra um bovino mais morto do que vivo?

 

Isto é um insulto desmedido à inocência e à fragilidade destas crianças.

E o que têm a dizer os pais destas crianças?

 

Não fazem nada? Nem sequer respeito pelos filhos demonstram? 

 

Permitem este insulto aos filhos, e vergam-se a algo que transgride todas as regras e valores humanos?

 
 

(Imagem retirada da Internet)

 

É esta imagem que querem transmitir às crianças do IPO, ou lavam a cara para disfarçar o que na realidade é um forcado?

 

Dizem os forcados, com uma falsidade colossal, que se sente em cada palavra neste pedaço de prosa hipócrita: «É com esse espírito de humildade e perseverança que devemos e temos a obrigação de ajudar quem mais precisa, seja a pegar gratuitamente numa corrida de angariação de fundos para causas sociais, como a fazer a recolha de alimentos para o Banco Alimentar. Desta vez serão as crianças e o IPO a proporcionar a humilde oportunidade de poderem dar algo de volta.»

 

Isto é o cúmulo de quem não sabe o que diz e o que anda a fazer na vida.

 

Querem lavar as mãos sujas de sangue dos Touros que torturam, com esta falsa caridadezinha, mas não lavam a consciência (que não têm) nem sequer se redimem do crime que cometem ao torturar um ser vivo inofensivo e indefeso.

 

Veja-se o descalabro e o insulto contido nestas palavras: «Vamos todos ao IPO de Lisboa mostrar a todas as crianças que estamos aqui para lhes dar apoio e ajudar a pegar este toiro difícil que têm pela frente, vamos partilhar o espírito do Forcado Amador e expressar o agradecimento que a família do Grupo de Vila Franca de Xira manifesta a toda a família do IPO e a todas as crianças que por lá passam ou que por lá se encontram.

 

Chamam “touro difícil” ao cancro que consome a flor da vida destas crianças?

 

O que é isto??????

 

E os responsáveis pelo IPO permitem que esta decadência moral entre pelo hospital dentro?

 

E os pais destas crianças permitem esta injúria à vida dos seus filhos?

 

Mas ainda há mais.

 

Este INSULTO é realizado em parceria com a Associação Acreditar e Dádiva de Sangue…

 

O quê?????

 

Percebemos bem?

 

A Associação Acreditar e Dádiva de Sangue (será o dos Touros que são sangrados cobardemente até à morte?) estão metidas nesta iniciativa macabra?

 

Será que em Portugal nenhuma associação, instituição, autoridades merecem a confiança e o respeito dos Portugueses?

 

E vejamos este fecho inacreditável e a abeirar o obsceno:

 

«A “FESTA” (entenda-se a festa dos broncos) MAIS UMA VEZ A DAR UMA DESINTERESSADA LIÇÃO DE SOLIDARIEDADE!»

 

Uma desinteressada lição de solidariedade?

 

Isso poderá acontecer quando a palavra solidariedade deixar de significar empatia por todos os seres vivos.

 

Enquanto houver forcados cobardes, sujos do sangue dos Touros que torturam nas arenas de morte a dar “lições de solidariedade” a crianças que lutam pela vida, o mundo estará virado do avesso.

 

O dia 10 de Maio ainda não chegou.

 

Daqui fazemos um apelo ao IPO de Lisboa e aos pais das crianças lá internadas, que lutam pela Vida: repensem a vossa abertura a esta falsa caridade.

 

Não permitam que se INSULTE as crianças do IPO, que não podem defender-se desta investida de torcionários, que nada de positivo têm para lhes transmitir, a não ser às más energias que deles emanam, por serem predadores de outros seres indefesos.

 

Se não têm respeito por vós próprios, tenham-no, ao menos, pelas crianças que estão internadas no IPO, a sofrer e a lutar pela VIDA, VIDA que os forcados inegavelmente desprezam, ou não seriam forcados.

 

Fonte:

http://forcadoamador.blogspot.pt/2014/05/forcados-de-vila-franca-visitam-ipo.html

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:19

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 30 de Abril de 2014

APROXIMA-SE A ÉPOCA EM QUE OS PSICOPATAS E SÁDICOS TAUROMÁQUICOS SAEM DOS ANTROS PARA VIREM POLUIR O MUNDO COM A GOSMA REPUGNANTE DAS SUAS ATITUDES

 

E é preciso que estes cobardes saibam que não passam de uma peste negra que o mundo civilizado rejeita e despreza

 

O TOURO E O CAVALO É QUE SÃO OS VERDADEIROS HERÓIS

 

 

Touro: símbolo de vida, força e nobreza.

Toureiro: símbolo de morte, cobardia e tortura

***

A DIFERENÇA ENTRE UM HERÓI E UM CRIMINOSO

 

 

 

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=419714711429885&set=a.458611217540234.1073741827.100001740791934&type=1&theater

 

É SÓ UMA QUESTÃO DE TEMPO PARA QUE ESTES ACTOS ABERRANTES TERMINEM, E OS TOUROS SEJAM LIVRES DE VIVER AS SUAS VIDAS EM PAZ.

 

 

 

 

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=588072467927441&set=a.458611217540234.1073741827.100001740791934&type=1&theater

 

A HIPOCRISIA DEMENTE DOS TAURICIDAS

 

Dizem eles que esta é «uma relação por vezes não correspondida, mas de grandes afectos. Quem anda no mundo dos toiros, venera-os e ama-os incondicionalmente»

 

 

O beijo de judas

 

 

 

E depois do amor incondicional… a morte cruel…

 

FARSANTES, HIPÓCRITAS, COBARDES BIOCIDAS…

 

ISTO NÃO É UM INSULTO, É A VERDADE…

(NÃO CONFUNDIR)

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:14

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 24 de Janeiro de 2014

UMA VEZ MAIS A PÓVOA DE VARZIM ENVOLVE-SE NUMA VERGONHOSA CARNIFICINA – A BATIDA ÀS RAPOSAS – PROMOVIDA PELO CLUBE DE CAÇADORES DA ESTELA E APOIADA PELA AUTARQUIA

 

O convite para a carnificina é feito nestes moldes:

 

«E porque a tradição ainda é o que era, agendem (…) a vossa participação na Grande Batida às Raposas organizada por este clube, no âmbito da gestão da Zona de Caça Municipal da Póvoa de Varzim, gestão essa, efectuada pela União dos Clubes de Caçadores de Terroso e Estela. Haverá "taco matinal" e almoço. Apareçam

 

 

A política carniceira continua na Póvoa de Varzim, apesar da pompa e circunstância dos HIPÓCRITAS ENCONTROS PELA PAZ

 

Pelo Natal foi o circo com animais (sempre o mesmo Cardinali)…

 

E ainda virá o tiro aos pombos, e as touradas e as garraiadas, e sabe-se lá o que mais…

 

Pelo intermeio, promovem o Correntes d’Escritas, cujos escritores que lá vão, especialmente os estrangeiros, desconhecem que na Póvoa de Varzim, a cultura tem duas caras: a Culta e a inculta. E os seus promotores também.

 

Vejamos alguns dos comentários que cidadãos comuns deixaram no Facebook, a propósito deste BIOCÍDIO contra indefesas e inocentes raposas:   

 

- (…) Não deve demorar muito tempo que aconteça o mesmo às raposas o que aconteceu com o lobo Ibérico, desaparecem por causa de pessoas como vocês incultas e mal formadas.

 

- (…) Sabe o que é triste (…)? É esta gente não se extinguir...

 

- (…) mentecaptossssssssssssssssssssssssss covardesss!!

 

- (…) Doentes!!!

 

- (…) Vergonhoso. ...estamos no séc. XXI. ...isto já não se admite. Caçar para comer é uma coisa...caçar pelo prazer de matar é selvajaria !!!

 

- (…) Que lindo e maravilhoso... pode ser que na outra encarnação venham como raposas e aí eu quero ver como se sentem... Hipócritas e assassinos...

 

- (…) Batida aos caçadores... Já!!!

 

- (…) E consideram isto um evento?! Que gentinha anormal

 

- (…) Deviam ter vergonha de publicitar a mortandade que querem fazer... cada um puxa o ego como dá jeito, mas á custa de outros seres vivos é vergonhoso...

 

- (…) Criminosos! Deviam-vos fazer o mesmo! Entrar em vossa casa de caçadeira em mão , matar tudo o que se mexe e chamar-lhe desporto! Ainda por cima a matar espécies que estão consideradas em vias de extinção! Que falta de consciência. Povo português pequenino e sem tomates. É devido a mentes como as vossas que Portugal está no estado em que está...!!

 

- (…) Cambada de desocupados, porque é que em vez de andarem a matar não vão plantar arvores, ajudar instituições fazer voluntariado com crianças ,idosos ou de animais sinceramente assassinos ;( vergonhoso isto ser permitido .

 

- (…)Cambada de trogloditas ignorantes que não conseguiram evoluir e ainda pensam que vivem na era das cavernas !!

 

- (…) Estes tipos de seres não podem ser considerados pessoas, pelo desporto era bem capazes de caçar a própria família, filhos e mulher, eu teria nojo e ódio de ser filho de um ser repugnante, peguem nas caçadeiras e casem-se a vos próprios, assim o muito fica livre de seres monstruosos

 

- (…) Não há palavras que descrevam uma anormalidade destas... que pena que as raposas não vos podem fazer uma batida a esses cérebros mentecaptos................. ah que ÓDIO!!!

 

- (…) vocês têm a noção do ridículo? raposas?

 

- (…) Mas como é que é possível isto ser legal ????? acho que vou partilhar isto na página do Sepna

 

***

E o mais curioso é que não lemos nenhum comentário a favor…

 

Esta gente faz questão de remar contra a maré, num pântano de águas negras, em nome de instintos primitivos arreigados, que só as novas gerações poderão esmagar. Porque os antigos, coitados, estão tão enterrados na lama, que já será difícil de os salvar…

 

Porém, por cada raposa que morre, o que a mata sofrerá a Lei to Retorno… mais cedo ou mais tarde.

 

Quanto aos autarcas: quanta HIPOCRISIA!

 

Não venham falar de Paz e de Harmonia e de Cultura…

 

Falem de SANGUE, MUITO SANGUE, a jorrar de raposas, de touros, de pombos, dos animais encarcerados e maltratados nos circos, e de muito, muito SOFRIMENTO de todos eles. 


Póvoa de Varzim, cidade onde apetece viver?...

 

Bah! Que grande falácia!

***

À PERGUNTA: MAS É PERMITIDA TAL COISA?

 

 

Aqui fica uma resposta excelente, que traduz a realidade portuguesa e também a poveira:

 

 

«Tudo é permitido em função dos interesses de alguns... Não haverá obviamente muitas raposas para abater, até porque a extinção aproxima-se a passos largos.

 

 

Quem participa na batida, devia comer as raposas no final, mas o que importa nesse dia, é beber umas canecas, comer umas carnes vermelhas e arrotar no final. Estes tipos arrotam que se fartam e bebem bem.

 

 

Um tipo culto e que pense em preservar a natureza , a fauna e a vida, não participa nestes eventos tristes e lamentáveis.

 

 

A culpa não é deles, a culpa é de quem os legisla e não lhe põe travão, porque quando o rebanho é rebelde, cabe ao cabreiro, ou pastor, orientá-lo e discipliná-lo. Este país rege-se sob a patente da falta de vergonha, a do governo e a dos Poveiros.

 

 

A Póvoa, devia promover uma batida às raposas, mas sem armas, contemplando os caçadores, que apanhassem raposas, mas à dentada, assim, os duelos utilizariam as mesmas armas, em igualdade de circunstâncias. Isso sim, até eu participava. Nunca apoio palhaçadas.» (Francisco Costa)

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:01

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 3 de Janeiro de 2014

HIPÓC(a)ritas

 

 

Por João Varela

 

Os Bombeiros de Setúbal produziram um calendário para 2014 onde no mesmo constam fotos de bombeiros em pose de modelos com o tronco nu.

 

O objectivo com este calendário era que as receitas das vendas do mesmo revertessem para a Cáritas.

 

Este acto nobre foi rejeitado pela entidade em causa, provavelmente pelas fotos apresentadas. Ora, se o "homem foi feito à imagem de Deus" onde mora a maldade no seu corpo? Não será que a maldade habita apenas os olhos e as mentes de quem vê os corpos dos bombeiros?

 

E já agora que valores são estes que rejeitam a obra divina mas aceitam receitas oriundas de tortura animal? Para mim isto tem um nome: hipocrisia!

 

E sendo que esta instituição de seu nome "Cáritas", baseia o seu trabalho na alegada caridade alheia, onde está a caridade pelos que necessitam ao rejeitarem tão nobre acto por parte dos Bombeiros de Setúbal?

 

Bom, já que falamos de caridade talvez valha a pena ler o que a Bíblia acerca deste tema, livro este que esta gente alegadamente deveria seguir.

 

Ora 1 Coríntios 13:1-13 diz acerca da "caridade":

 

"1. Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver caridade, sou como o bronze que soa, ou como o címbalo que retine.

 

2. Mesmo que eu tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência; mesmo que tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tiver caridade, não sou nada.

 

3. Ainda que distribuísse todos os meus bens em sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, se não tiver caridade, de nada valeria!

 

4. A caridade é paciente, a caridade é bondosa. Não tem inveja. A caridade não é orgulhosa. Não é arrogante.

 

5. Nem escandalosa. Não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não guarda rancor.

 

6. Não se alegra com a injustiça, mas se rejubila com a verdade.

 

7. Tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

 

8. A caridade jamais acabará. As profecias desaparecerão, o dom das línguas cessará, o dom da ciência findará.

 

9. A nossa ciência é parcial, a nossa profecia é imperfeita.

 

10. Quando chegar o que é perfeito, o imperfeito desaparecerá.

 

11. Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Desde que me tornei homem, eliminei as coisas de criança.

 

12. Hoje vemos como por um espelho, confusamente; mas então veremos face a face. Hoje conheço em parte; mas então conhecerei totalmente, como eu sou conhecido.

 

13. Por ora subsistem a fé, a esperança e a caridade - as três. Porém, a maior delas é a caridade."

 

Pois bem, a meu ver esta entidade de caridade nada tem, mas tem de hipocrisia, daí que encerre esta minha reflexão com uma sugerindo que mudem de nome para HIPÓCRITAS!

 

Fonte:

http://abolicionistastauromaquiaportugal.blogspot.pt/2014/01/hipocaritas.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+AbolioDaTauromaquiaEmPortugalENoMundo+(ABOLI%C3%87%C3%83O+da+tauromaquia+em+Portugal+e+no+Mundo)

 

***

 IMAGENS CHOCANTES... (?)

 

Qual destas imagens é mais chocante para si?

 

A CÁRITAS recusou uma oferta dos Bombeiros de Setúbal, porque as imagens de bombeiros em tronco nu, não terão agradado à instituição. Os bombeiros editaram um calendário de grande sucesso, cujo objectivo é a recolha de fundos para uma instituição de solidariedade.

 

Curiosamente a CÁRITAS não tem o mesmo problema em associar a sua imagem às touradas, daí que a nossa pergunta seja esta:

 

Qual destas imagens é mais chocante para si?

 

Fonte:

http://abolicionistastauromaquiaportugal.blogspot.pt/2013/12/imagens-chocantes.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+AbolioDaTauromaquiaEmPortugalENoMundo+(ABOLI%C3%87%C3%83O+da+tauromaquia+em+Portugal+e+no+Mundo)

 

***

CARIDADEZINHA: SÓ ACEITAM DINHEIRO SUJO DE SANGUE

 

Tão púdicas e tão CRUÉIS!!! Para quem já esqueceu a CARIDADEZINHA: SÓ ACEITAM DINHEIRO SUJO DE SANGUE

"Calendário erótico já tem mais de 500 encomendas, mas a Cáritas recusa a ajuda"

 

"Cáritas recusa dinheiro dos bombeiros de Setúbal

 

A página de Facebook tem quase 15 mil fãs

 

A Cáritas recusou o dinheiro obtido com a venda do calendário erótico dos

Bombeiros Sapadores de Setúbal.

 

Segundo o Correio da Manhã, a associação ligada à Igreja Católica foi a primeira escolha dos bombeiros, que mantêm o objectivo de ajudar uma instituição de solidariedade social e em breve vão revelar qual foi a escolhida.

 

As fotografias dos bombeiros continuam a ser um sucesso e em apenas dois dias, a página de Facebook criada para promover o calendário tem quase 15 mil fãs.

 

O calendário custa 4 euros e as encomendas podem ser feitas através da rede social."

http://www.ionline.pt/artigos/portugal/bombeiros-setubal-fazem-calendario-sexy

Bombeiros despidos em calendário
Solidariedade em Setúbal
http://www.vidas.xl.pt/noticias/fotos/FotosDetalhe/bombeiros_despidos_em_calendario142522703.html

Calendário Bombeiros Sapadores
https://www.facebook.com/calendariobombeirossapadores

 

Fonte

http://abolicionistastauromaquiaportugal.blogspot.pt/2013/12/caridadezinha-so-aceitam-dinheiro-sujo.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+AbolioDaTauromaquiaEmPortugalENoMundo+(ABOLI%C3%87%C3%

83O+da+tauromaquia+em+Portugal+e+no+Mundo)

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 11:22

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 28 de Dezembro de 2012

SE OS AFICIONADOS SÃO “AMIGOS” DOS ANIMAIS, A AMIZADE PERDEU TODO O SEU SIGNIFICADO ORIGINAL

 

 

Encontrei esta imagem na página do Facebook da prótoiro, que é um grupinho de indivíduos, que se junta para organizar TORTURAS de Touros e de Cavalos, tendo tal tortura como “arte” e “cultura”, algo que ficará para a posteridade, como uma postura SEMELHANTE à do MAU DOS MAUS, o Hitler, sendo que estes ainda conseguem ser muito piores do que o Hitler, porque o Hitler, apesar da sua maldade atávica, tinha a vantagem de ser vegetariano, isto é, DIZIA que gostava de animais (?) e não os comia.

 

Estes não só FINGEM GOSTAR de animais, como os TORTURAM, caçam e comem, tudo com a convicção típica dos CARRASCOS.

 

Esta imagem é de uma HIPOCRISIA que abeira o ridículo. Mas como eles não têm a noção do ridículo, aliás, não têm a noção de coisa nenhuma, divulgam estas mentiras, de que só as pedras não se apercebem, porque não sabem ler.

 

Coitadinho deste miúdo. Não sabe a triste figurinha que faz, com aquele livrinho pornográfico que segura numa das mãos. 

 

E o cão, coitado… como lamento estar nas mãos de quem ODEIA animais.

 

Ou os TOUROS e CAVALOS não serão ANIMAIS, para serem assim tão massacrados por estes carrascos, que têm o descaramento de dizerem ser SEMPRE AMIGOS DOS ANIMAIS?

 

SEMPRE?????????????????? ISTO É PARA RIR???????

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 11:41

link do post | Comentar | Ver comentários (22) | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 2 de Abril de 2010

AQUELE HOMEM CHAMADO JESUS...

 

(Origem da foto: Internet)

 

 

Copyright © Isabel A. Ferreira 2010

 

Desde aquele longínquo dia, quando no alto do monte Gólgota, um Homem entrou em agonia, pregado numa cruz, entre dois ladrões, como se fosse o mais comum dos criminosos, os seguidores da doutrina por esse mesmo Homem deixada, celebram o acontecimento para lembrar ao mundo o significado daquela que não foi uma morte qualquer.

 

Não direi que todos os católicos celebrem a Páscoa tão levianamente como vivem a própria vida, salpicando de hipocrisias os mais insignificantes actos do seu quotidiano: dizendo-se cristãos mas agindo como pagãos.

 

Contudo, poucos são aqueles que, sendo cristãos, vivem de acordo com os preceitos do Cristianismo, isto é, segundo os ensinamentos deixados por Cristo, os quais têm o dom de fazer os Homens serem mais Homens, e conceitos como igualdade, fraternidade, liberdade e justiça, imprimirem um conteúdo mais humano à nossa vida.

 

Todos nós, uns mais outros menos, algum dia, damos um rumo à nossa existência, inspirados no exemplo de alguém que nos marcou por algum motivo, e que nos serviu de exemplo. Todos nós temos um ídolo, ainda que secreto.

 

Eu demorei a descobrir o meu ídolo, e era das que me gabava de não os ter. Hoje, sem ser fanática, tenho o Homem chamado Jesus, como um exemplo de vida, com a sua humildade, a sua simplicidade, mas também com a força para combater os vendilhões do templo, quando necessário.

 

Um dia, do alto de um Mosteiro sobranceiro à belíssima baía da Guanabara, no Rio de Janeiro, um monge ajudou-me a descobrir, ali mesmo, olhando as águas calmas da baía e o exuberante arvoredo que a rodeava; ouvindo o gorjeio das aves, que interrompiam, de quando em vez, os cânticos gregorianos que alguns monges entoavam no claustro; debaixo daquele magnífico azul de um céu onde não se via sequer uma nuvem – que a vida deve ser vivida de acordo com a nossa consciência, tendo sempre em conta que devemos amar o nosso semelhante como a nós mesmos, tal como o Homem de Nazaré amou o seu povo, por ele lutando e por ele morrendo.

 

Foi então que cresceu em mim um súbito interesse por conhecer, a fundo, esse Homem chamado Jesus, que tão profundas modificações trouxera ao poder estabelecido de Roma, transformações essas que fizeram tremer os poderosos governadores da Província e até imperadores.

Quem era, afinal, esse Homem?

 

Era acima de tudo um anarquista pacifista, no sentido político da palavra. Um Homem que, independentemente da sua condição divina, desafiara o poderio romano que escravizava o povo, e introduziu na Palestina conceitos de reformas sociais nunca sonhadas pelos senhores de Roma.

 

Jesus era também um idealista, considerando o mundo exterior como resultado das ideias, sem qualquer objectividade em si mesmo, tão-somente como a de um trampolim para alcançar um lugar junto do divino Pai.

 

Era Jesus um humanista, pois realçava, acima de todas as coisas terrenas, as qualidades essenciais do Homem, que o tornam uma criatura peculiar.

 

Jesus era igualmente um ecologista, porquanto não descurava as coisas relativas aos seres e ao ambiente que os rodeava.

 

Ele era, sobretudo, um Homem inteligente, um visionário, que conseguia ver muito para além do visível, e sabia usar toda a sua inteligência a favor do Homem, fazendo do amor ao próximo a essência de todo o comportamento das sociedades humanas.

 

...

 

A partir daquele dia, comecei a estudar a figura de Jesus e a tê-lo como um exemplo. E, de todos os grandes Homens que já existiram neste nosso Planeta, contribuindo com os seus conhecimentos e ensinamentos para o aperfeiçoamento da vivência humana, foi Jesus aquele que mais contributos nos deixou.

 

Foi ele quem descobriu a trilogia: Liberdade, Igualdade, Fraternidade (mais tarde utilizada durante a Revolução Francesa), afinal, os princípios que os Homens precisam pôr em prática para viverem a racionalidade que os distingue (ou deveria distinguir) dos outros seres.

 

Infelizmente a Paixão e Morte de Jesus, que hoje o mundo católico celebra, através de várias cerimónias religiosas, não serviram de exemplo para a grande maioria daqueles que se dizem cristãos.

 

Pelo que vemos, ouvimos e lemos todos os dias; pelas atitudes torpes perpetradas por aqueles que nos rodeiam; pelo ódio, pela violência e pela injustiça que nos envolvem, verificamos que, na realidade, nada ficou na memória dos Homens, daquele dia em que um Homem agonizou, pregado numa cruz, no Monte Gólgota.

 

Foram poucos aqueles que entenderam o verdadeiro significado daquela morte.

 

Como o mundo seria diferente, se todos os Homens recordassem, todos os dias, que aquele Homem chamado Jesus nos deixou a mais bela lição de amor ao próximo, que jamais nenhum outro Homem conseguiu igualar!

 

A sua morte aconteceu em vão, pois os homens, cegos pelo poder, nada aprenderam até hoje, e continuam a transformar o mundo num campo de extermínio de seres humanos e de seres não humanos, tal como os romanos agiam no tempo de Jesus.

 

...

 

Nesta Páscoa de 2010, espero que todos aqueles que vão sentar-se ao redor de uma mesa, no próximo domingo, a comer seja lá o que for, para celebrar, com pompa e circunstância, a Ressurreição de Cristo, reflictam bem nos seus actos e descubram quanta hipocrisia se esconde em cada fatia de pão-de-ló, em cada amêndoa, em cada iguaria que ingerem!

 

Não entenderam nada de nada!

 

Contudo, se nem Jesus Cristo conseguiu, quem sou eu para pretender que os homens maus se transformem em cordeirinhos da Páscoa?

 

Tomo, porém, a liberdade de considerar hipócritas todas aquelas pessoas que se dizem cristãs ou católicas, nas ocasiões festivas, e os seus actos do dia a dia mostram que nada sabem dos ensinamentos daquele Homem chamado Jesus, que há mais de dois mil anos nos deixou a mais bela lição de vida.

publicado por Isabel A. Ferreira às 13:31

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Julho 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

TRIBUTO A JOHN LENNON

HIPÓCRITAS! DEUS NÃO DORM...

HIPOCRITAMENTE A PÓVOA DE...

O IPO DE LISBOA, CÚMPLICE...

APROXIMA-SE A ÉPOCA EM QU...

UMA VEZ MAIS A PÓVOA DE V...

HIPÓC(a)ritas

SE OS AFICIONADOS SÃO “AM...

AQUELE HOMEM CHAMADO JESU...

Arquivos

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt