Quarta-feira, 12 de Março de 2014

«NUNCA EM TEMPO ALGUM TIVEMOS TANTO PODER PARA MUDAR O MUNDO COMO HOJE»

 

 

 

Por Sérgio Ferreira

 

«Hoje, como nunca, a tua voz pode ser ouvida nos quatro cantos do mundo, milhares colocam opiniões em Blogs que são vistos por milhões, vídeos, imagens, frases, mensagens e tu continuas a achar que és pequeno?

 

Todos nós temos um poder enorme, sabemos que sozinhos não temos o poder de mudar o mundo, mas temos o poder de mudar o nosso mundo, de sermos o exemplo de como queremos que o mundo seja. Se te mantiveres firme e convicto nesse teu caminho é certo que terás seguidores.

 

E se continuares a ser um exemplo, outros seguirão passando a mensagem, resta-me  perguntar-te, que exemplo queres dar tu ao mundo?

 

Que queres tu ser alguém que movimenta multidões numa manifestação ou alguém que cria soluções e as implementa, mesmo que isso te faça parecer desfasado da realidade dos demais?

 

Alguém que faz as coisas acontecer ou alguém que critica os outros pelos resultados deles?

 

Alguém que tolera que nem todos tenhamos a mesma opinião, mas que sabe que todos temos algo de bom no nosso coração.

 

Quem queres ser?

 

Queres criar o teu caminho ou continuar a deixar as decisões nas mãos de outros?

 

Queres ser responsável pelos teus resultados ou preferes continuar a deixar o teu destino na mão dos outros e quando as coisas não te correm de feição continuar a deitar as culpas em cima dos outros?

 

Só tu podes decidir, então decide!!!

 

O que é que tu queres? Só tu o podes saber!!!»

 

***

Ora isto vem a propósito do seguinte comentário:


RH deixou um comentário ao post OS ANIMAIS SÃO SERES MÁGICOS... às 19:46, 2014-03-11.


Comentário:

 

«E porque prefere só ver esse lado? A sua sanha "anti-humanos" chega a ser doentia. Na verdade, o seu pensamento de fundo não é muito diferente daquele que presidiu a atrocidades cometidades ao longo da História. Já pensou nisso? Os regimes totalitários sempre tiveram um grande desprezo pela Humanidade.

 

Alguns valorizaram até mais os animais. Já reparou? E já reparou também que o ser humano tem a compaixão, a clemência e a misericórdia, algo que nenhum animal tem? E mais o conceito de justiça que nenhum animal tem? E a capacidade de ajudar conscientemente outras espécies que os animais em geral não têm? Olhe para animais e humanos no mesmo plano, sem essa raiva toda pela sua própria espécie. Conhece algum animal que a tenha? É essa a visão acertada. Pense um pouco nisso...»

 

***

 

Esta é a minha resposta ao comentário bizarro deste “psicólogo” de fim-de-semana.

 

Não entendeu nada das minhas anteriores mensagens. Mas não me admira.

 

Envio-lhe esta outra. Veja se consegue perceber alguma coisa agora.

 

E ainda que fosse verdade o que disse: que o ser humano tem a compaixão, a clemência e a misericórdia, algo que nenhum animal tem... E mais o conceito de justiça que nenhum animal tem... E a capacidade de ajudar conscientemente outras espécies que os animais em geral não têm... (ainda que isto fosse verdade (MAS NÃO É) não justifica que se torture cruelmente os animais não humanos... 

 

E PARA QUE SAIBA, ESTE É O MEU MUNDO:  

 

 
 

 

 

 

 

 

 

 

(Abrir o link)

 

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=807467109267383&set=a.147893271891440.28283.100000123032483&type=1&theater&notif_t=like

 

ESTA É A HUMANIDADE QUE AMO E RESPEITO

 

E OBVIAMENTE SOU ANTI-HOMEM PREDADOR

OBVIAMENTE NÃO O TORTURARIA NUNCA

OBVIAMENTE MATÁ-LO-IA APENAS EM LEGÍTIMA DEFESA

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:34

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Comentários:
De José Dores a 13 de Março de 2014 às 16:29
Mais uma vez o argumento de colocar os animais não-humanos à frente do homem.
Para que se entenda a atitude de quem vê o mundo de uma perspetiva ecologista, ou anti-antropocentrica , aqui fica este comentário.

Eu sou enfermeiro, cuido de pessoas diariamente, já salvei a vida humana em situações de emergência, embora agora já não o faça, tenho outras obrigações que não na área da emergência, e no entanto eu afirmo sem qualquer medo ou embaraço o seguinte: PARA MIM A VIDA DE UM ANIMAL É TÃO IMPORTANTE COMO A VIDA DE UMA PESSOA!

O que quero dizer com isto, para que as mentes desiluminadas da tauromaquia percebam, é simples, a vida de um animal é mesmo muito importante para mim. Gosto mais de animais do que de pessoas? Sou mau enfermeiro porque ponho pessoas e animais no mesmo patamar? Sou insensível ? Tenho um problema mental? Não a todas as questões. A vida de uma pessoa para mim é o bem mais precioso que existe no mundo, seja a vida de quem for, não há valor que pague a vida humana, não há esforços que não sejam justificáveis para salvar uma vida humana! Seja ela de um forcado, dum defensor dos animais, dum pedófilo, dum assassino, de uma criança, de um pai, uma mãe, etc. Não me cabe a mim dar um valor à vida, cabe-me preservá-la, eu NÃO SOU DEUS para decidir quem morre e quem vive! E o que se passa é que tudo o que acabei de escrever acerca da vida humana afirmo o mesmo acerca da vida não-humana , para mim a vida de um animal é inestimável. Sim como carne, alimento-me de carne e respeito os animais que dão a sua vida para que eu possa comer, todas as atividades que envolvam o sofrimento e morte de animais, que não sirvam para suprir necessidades básicas com o mínimo de sofrimento possível do animal, não me cabem na cabeça. Não se trata de desrespeitar a pessoa que ama a tauromaquia, trata-se de respeitar o touro e o ser humano em geral.

Para se dar valor à vida não-humana não se tem de baixar o valor da vida humana no processo, temos apenas de elevar o valor da vida animal, eles não são iguais a nós, muito bem dito, mas não são diferentes ao ponto de nos ser permito usá-los como se fossem coisas!
De Isabel A. Ferreira a 13 de Março de 2014 às 17:28
Obrigada pelo seu precioso depoimento, José Dores.

Comentar post

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

Boas notícias! A Nova Zel...

Em Vila Franca de Xira: «...

Como os mortos não falam,...

Testes de toxicidade em a...

Enquanto o Povo dorme... ...

Março/09/2021: um dia ne...

«O último adeus» - "Enqua...

Estão a aparecer cordeiro...

Este monstro marinho, cha...

«Morreu [o Touro] Marism...

Arquivos

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt