De Lápis Roído a 13 de Junho de 2017 às 17:18
É muito difícil remar contra a corrente num sítio onde os costumes arcaicos e primitivos estão tão enraizados. No entanto, vão sendo cada vez mais aqueles que se conseguem libertar e lutam contra o que está (estupidamente) instituído. Havemos de fazer a mudança aos poucos.
De Isabel A. Ferreira a 13 de Junho de 2017 às 18:31
Ainda bem que assim é, Lápis Roído.
Mas "aos poucos" é muito tempo. E os animais têm pressa de se libertarem deste jugo desumano.
E nós (eu) também.
Já estou farta de tanta estupidez, com tanta informação a circular, e eles a optar pela ignorância.

De Lápis Roído a 13 de Junho de 2017 às 22:20
Estava a pensar nisso enquanto escrevia: aos poucos é demasiado tempo para os animais que sofrem com a estupidez humana.
Temos de continuar o nosso caminho. Se não chega a informação, há que legislar e intervir a nível local. Vêm aí as autárquicas e é hora de pôr nos programas medidas que travem esta imbecilidade.
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.