Comentários:
De Isabel A. Ferreira a 20 de Março de 2021 às 19:19
Se o Dr. Francisco Seixas da Costa não passou pelo seCtor das obras públicas, quando esteve no governo, há 20 anos, será um lapso do Dr. Paulo de Morais, com certeza. Mas essa questão teria de a pôr ao próprio, porque o autor do texto é ele.

No entanto, se o senhor pretender fazer uma rectificação, apensá-la-ei a este texto, para esclarecimento dos leitores.
Esteja à vontade.
De Anónimo a 25 de Março de 2021 às 12:15
Uso sempre o Acordo Ortográfico. Quanto ao assunto em si, ele fica esclarecido pelos factos. Muito obrigado.
De Isabel A. Ferreira a 25 de Março de 2021 às 15:25
Que usa sempre o acordo ortográfico, já todos nós sabemos, ou não fosse o senhor um cidadão seguidista. O que é de lamentar, até porque está a contribuir para o empobrecimento, e pior do que isso, para o desaparecimento da Língua Portuguesa no mundo. E todo nós, desacordistas, sabemos o que está por trás do seguidismo dos seguidistas. E, obviamente, serão julgados pela História. Contudo, antes disso, o AO90 cairá de podre.

Quanto ao resto, se está esclarecido, está esclarecido.
De Francisco Seixas da Costa a 26 de Março de 2021 às 00:27
Não fica claro o que designa sobre “o que está por trás do seguidismo dos seguidistas”. Quanto à língua portuguesa, fiz muito por ela em mais de quatro décadas de serviço público. E defender e seguir o Acordo Ortográfico, que as novas gerações já usam e que vão consagrar no futuro, integra-se precisamente na defesa do papel da língua portuguesa à escala internacional.
De Isabel A. Ferreira a 26 de Março de 2021 às 17:13
A resposta a este comentário do Dr. Francisco Seixas da Costa, está neste link:

https://olugardalinguaportuguesa.blogs.sapo.pt/respondendo-a-francisco-seixas-da-costa-304899?tc=66778689935

Comentar post