Segunda-feira, 14 de Janeiro de 2013

«OS CROMOS DA TAUROMAQUIA»

 

 

ADEUS, TAURICIDAS! A COVA QUE TÊM VINDO A CAVAR JÁ ESTÁ BEM FUNDA… E TODOS VÓS COM OS PÉS ENFIADOS NELAS… AGORA SÓ FALTA DAR O EMPURRÃOZINHO FINAL…

 

 

Por PRÓTOURO

 

 

«Os aficionados são uns cromos não da bola mas da tauromaquia. Um blog tauromáquico, publica um artigo intitulado “Os toiros vão à terra do tio Sam”.

 

E uma página tauromáquica do facebook apressa-se a publicar o seguinte post:

 

“Podemos chamar a esta sexta feira dia 11 de Janeiro de 2013 a sexta feira NEGRA para os Anti Taurinos. Depois da derrota de Madrid, as esperanças da Catalunha, agora é a vez dos toiros chegarem aos EUA!!! OLÉ!”

 

Vamos então por partes, relativamente à tal suposta sexta feira negra para os anti-taurinos.

 

Quando referem a derrota de Madrid, estão a referir-se ao facto do Supremo Tribunal Administrativo de Madrid ter mantido a declaração do governo regional que declarou que as touradas são BIC – Bem de Interesse Cultural e não Património Cultural Imaterial como a maioria dos ignorantes aficionados referem. Uma declaração que de acordo com o mesmo tribunal só tem efeitos na região de Madrid.

 

Ora uma declaração, é uma declaração vale o que vale e se hoje é válida, amanhã pode não ser porque os políticos mudam.

 

Depois vêm as esperanças da Catalunha. Esta gente está convencida que em 2013 as touradas regressarão à Catalunha. E essas esperanças, baseiam-se numa ILP (Iniciativa Legislativa Popular) apresentada pelos tauromáquicos ao Congresso espanhol para que a tauromaquia seja declarada BIC em todo o território. No entanto, mesmo que a mesma passe pouco importará aos catalães. E mesmo que o tribunal constitucional espanhol venha a declarar que a proibição de touradas é inconstitucional, o governo catalão jamais se vergará quer ao governo central quer ao tribunal constitucional.

 

No que respeita ao tribunal constitucional, não será a primeira nem a última vez que as suas decisões são pura e simplesmente ignoradas pelo governo da Catalunha.

Na Catalunha vocês são passado.

 

Finalmente os touros chegam aos E.U.A.

 

Só agora é que se deram conta que os touros vão chegar aos E.U.A.?

 

É caso para perguntar que aficionados são estes que são tão ignorantes que só agora descobriram que os touros chegaram à terra do tio Sam. Devem andar muito distraídos caso contrário, saberiam que existem touradas com velcro nos E.U.A. há muitos anos na Califórnia, Texas, Nevada, Kansas, Oklahoma e Colorado. Afirmam estas alminhas que Denver, Colorado terá touradas pela primeira vez. Não, será a segunda vez já que infelizmente, em 2009 , foi realizada uma tourada no Colorado.

 

Infelizmente, as touradas chegaram aos E.U.A. pelas mãos de imigrantes, primeiro portugueses e depois mexicanos. No caso dos portugueses os mesmos invocaram que faziam parte de festivais religiosos, pois sim.

 

A partir daí e como só 43 estados americanos proíbem touradas foi o abrir da caixa de pandora.

 

As touradas sem sangue ou com velcro, são tão inaceitáveis como as touradas portuguesas ou espanholas, no entanto, é curioso verificar que os tauricidas que não admitem que em Portugal, Espanha ou França se realizem touradas deste tipo sejam depois participantes activos das mesmas nos E.U.A.

 

Assim se prova que as touradas não são arte, tradição ou seja lá o que for mas uma fonte de ganhar dinheiro à custa da tortura de animais. E quando cheira a dollars lá vão os tauricidas a correr para a Califórnia, Las Vegas e etc.

 

Prótouro

Pelos touros em liberdade»

 

Fonte:

http://protouro.wordpress.com/2013/01/14/os-cromos-da-tauromaquia-2/

 

***

Boa, PRÓTOURO.

 

Isto só significa que a ignorância, a incultura, a estupidez e a incivilização "passeiam-se" pelo mundo, pelas mãos de gente sem escrúpulos e de lobbies mercenários, o que não lhes dá prestígio algum.  

 

Pelo que se lê, já se vê o baixo nível intelectual dos nossos emigrantes na América, e a categoria ZERO de quem permite que tal "divertimento" entre em território americano.

 

 Mas será por pouco tempo. É preciso que se diga.

 

Os ganadeiros, a seguir aos governantes dos países e das cidades tauricidas, serão os mais castigados, quando a era da tortura de Touros e Cavalos for enterrada.

 

E se essa “gente” não quiser juntar-se aos CARRASCOS da História da Humanidade, terá de recuar. De outro modo serão outros Neros, outros Hitlers, outros Stalines, outros Pol Pots, outros criminosos, transpostos os seus actos para os seres não humanos, porque a VIDA não pertence à espécie humana. A VIDA tem muitas vidas. E os destroçadores de vidas não são só aqueles que fazem dos seres humanos as suas vítimas.

 

Os destroçadores de vidas são também aqueles que usam os seus instintos maléficos contra seres não humanos, ou para se divertirem, ou para ganharem dinheiro, e são tão CARRASCOS como os citados criminosos, que tinham um instinto maléfico tão acentuado como o têm os tauricidas.

 

E permitam-me acrescentar que instituir a tauromaquia como Bem de Interesse Cultural é passar um atestado de IDIOTAS a eles próprios.

 

 

 

Como é que isto pode ser considerado "BEM DE INTERESSE CULTURAL»? Não é coisa de gente completamente IDIOTA?

 

 

Coitados, nem sequer têm discernimento para ver isto, porque a CEGUEIRA MENTAL deles é total.

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:04

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 3 de Agosto de 2012

TOURADAS DESCEM 20%, E NÃO É POR CAUSA DA CRISE, NEM DA SECA, COMO SE QUER FAZER CRER

 

 

 

Em breve a plateia para ver torturar touros e cavalos estará assim...

 

 

«ESTE ANO HÁ MENOS 61 TOURADAS EM PORTUGAL. EMPRESÁRIOS, CRIADORES E TOUREIROS ESTÃO APREENSIVOS»

 

Isto lê-se aqui:

 

http://www.pt.cision.com/O4kPTwebNewLayout_v4/ClientUser/GetClippingDetails.aspx?id=66d2136c-3a95-428c-abfa-e2d933fe8cb0&analises=1

 

Os tauricidas bem tentam desculpar esta diminuição de touradas por causa da “crise”, por causa da “seca”, mas a verdade é bem outra.

 

As touradas estão a diminuir porque há uma maior consciência por parte dos portugueses do que é “isto” a que os tauricidas chamam “festa brava”, “arte”, cultura” e outros adjectivos bastante desapropriados para definir a muito simples TORTURA DE ANIMAIS.

 

Existe uma fórmula que diz tudo sobre a tourada: SADISMO, CEGUEIRA MENTAL, ESTUPIDEZ e IGNORÂNCIA. A isto junta-se o deus menor chamado “MAQUIA” (o mesmo que dinheiro), daí a tal “festa” chamar-se TAURO (de touro) + MAQUIA (dinheiro).

 

Os restantes vocábulos não são insultos. São a VERDADE, que fere mais do que adagas, e ninguém gosta de a ouvir.

 

Se alguém me adjectivar desse modo, eu NÃO ME SINTO INSULTADA minimamente.

 

Sabem porquê?

 

Primeiro, porque NÃO SOU SÁDICA, não sinto o mínimo prazer, nem aplaudo o sofrimento dos outros, sejam esses outros humanos ou não humanos.

 

Segundo, não sofro de CEGUEIRA MENTAL, uma vez que nenhum nevoeiro me impede de VER O ÓBVIO.

 

Terceiro, não sou ESTÚPIDA, porque não sou tapada das ideias. Faço raciocínios, e chego a conclusões.

 

Quarto, não sou IGNORANTE, porque aprendi tudo o que tinha a aprender sobre TAURO+MAQUIA, e sei que tal prática é doentia, obtusa, e não condiz com EVOLUÇÃO.

 

E quinto, só dou ao dinheiro o valor que lhe é devido, ou seja, o suficiente para poder subsistir sem atropelar o meu próximo (e atenção que o meu próximo pode ser um rato de esgoto).

 

Logo só se sente INSULTADO quem enfiar todas estas carapuças.

 

Como eu não as enfio, não me sinto insultada. Sou arrogante? E daí? Não aplaudo a TORTURA de SERES VIVOS.

 

E querem saber mais?

 

Se estão irritados com a vida, com a vossa maneira de ser, descarreguem a vossa malevolência aqui, neste meu Blog. Não me importo, desde que não utilizem linguagem OBSCENA, como é costume de muitos aficionados.

 

MAS, POR FAVOR, DEIXEM OS TOUROS E OS CAVALOS EM PAZ.

 

BASTA DE SADISMO, DE CEGUEIRA MENTAL, DE ESTUPIDEZ E DE IGNORÂNCIA.

 

QUEREMOS PORTUGAL LIVRE DESTA PESTILÊNCIA.

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:40

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Março 2024

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

SODA CÁUSTICA OU AS CRÓNI...

Se a ignorância pagasse i...

Os olhos são inúteis quan...

Quando os homens têm medo...

OS AUTARCAS DE CASTRO DAI...

CARTA ABERTA A ALBERTO DA...

O LOBBY DA TORTURA TAUROM...

«OS ANIMAIS NÃO SÃO COISA...

COMO SÃO CARICATOS OS AFI...

«Mais uma bestilalidade "...

Arquivos

Março 2024

Fevereiro 2024

Janeiro 2024

Dezembro 2023

Novembro 2023

Outubro 2023

Setembro 2023

Agosto 2023

Julho 2023

Junho 2023

Maio 2023

Abril 2023

Março 2023

Fevereiro 2023

Janeiro 2023

Dezembro 2022

Novembro 2022

Outubro 2022

Setembro 2022

Agosto 2022

Junho 2022

Maio 2022

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

AO90

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, nem publica textos acordizados, devido a este ser ilegal e inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais. Caso os textos a publicar estejam escritos em Português híbrido, «O Lugar da Língua Portuguesa» acciona a correcção automática.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. 1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome. 2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas". 3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt