De Elma a 12 de Abril de 2011 às 15:34
Hum... Qual a fonte deste texto?

Gostaria de pensar que não foi essa a versão publicada na revista da TAP, até porque não é a original, isto é uma versão alterada e deturpada até. O original, de 2006, não tem a mesma forma que este texto.

Se foi publicada, gostaria de saber qual a fonte que indica que Portugal tem a quarta mais baixa taxa de mortalidade infantil a nível mundial... Basta dois minutos na internet para saber que nem no top 10 Europeu estamos. Mas se me apresentarem fontes credíveis com informação contrária eu mudo de opinião.

Textos como estes só desanimam, louvar: sim, mas inventar pelo meio... Isso é que não.
De Isabel A. Ferreira a 12 de Abril de 2011 às 18:31
Farei uma investigação, ao que diz, Elma. Mas não creio que o que aqui está publicado é deturpado, nem inventado, nem versão alterada. Creio.
De Ricardo Nuno Silva a 15 de Abril de 2011 às 00:01
@Isabel A. Ferreira:

Excelente sugestão de leitura! Obrigado :-)

@Elma:

A sua dúvida é pertinente, pois havia indícios "suspeitos", e eu próprio tive dúvidas :-)

Nicolau Santos escreveu efetivamente um texto similar em 2006 (que eu também conhecia), com o mesmo título:
http://iscad-siap2009.blogspot.com/2009/10/artigo-portugal-vale-pena-de-nicolau_2433.html

Em Dezembro de 2010, publicou uma versão actualizada do texto:
http://www.alert.pt/pt/in-the-media/portugal-vale-a-pena-in-up-magazine-tap

Está desfeita a dúvida de plágio :-)
Mas é bom ser céptico e investigar!

Ambos os artigos estão na micro-colecção "O Melhor de Portugal", na companhia de outros excelentes exemplos:
http://bit.ly/MelhoresVideosPT

Cumprimentos,
Ricardo Nuno Silva
De Isabel A. Ferreira a 15 de Abril de 2011 às 11:53
Muito obrigada Ricardo, pelo seu precioso contributo.

Sempre ouvi dizer que da discussão nasce a luz, e neste caso, da dúvida da Elma fez-se luz, igualmente.

Deste modo, penso que estamos todos esclarecidos.
Muito obrigada.
Cumprimentos, Ricardo.

Isabel A. Ferreira
De Ricardo Nuno Silva a 15 de Abril de 2011 às 15:04
Isabel, não custou nada investigar pois fiquei muito "intrigado" com as semelhanças no texto :-)

Em abono da verdade, poderia haver no texto na revista "UP" uma nota de rodapé mencionando que era uma versão actualizada do texto de 2006 :-)

Caso haja curiosidade por mais mais casos reais de "investigação forense" na internet lusófona, sugiro o novo:

Blog "Sobre Literacia Digital"
http://sobreliteraciadigital.wordpress.com

Cumprimentos,
Ricardo Nuno Silva
De Isabel A. Ferreira a 15 de Abril de 2011 às 15:08
Uma vez mais, muito obrigada, pela sua gentileza Ricardo.

As suas informações são muito úteis.
Cumprimentos.
Isabel A. Ferreira
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.