De Ruth Sylva a 8 de Julho de 2013 às 15:07
Estamos todos a ver que a senhora é uma pessoa que adora os animais mas esta a esquecer de uma grande coisa é que todos nós neste planeta somos um animal e que cada um faz o que quer e o que a consciência lhe diz para fazer ninguém disse a si ou até mesmo ao humorista Fernando Rocha para se pôr há frente do touro, e que ninguém é um burro o um idiota para não ter a consciência de saber o que pode acontecer, mas com todos nós já podemos ver não deve de ser de vila franca de xira que não sabe o significado de tradição, então acho melhor ter com animal de estimação um touro para ter a certeza do que é ser animal.
De Isabel A. Ferreira a 8 de Julho de 2013 às 18:54
ALTO LÁ!

Vivemos numa SOCIEDADE (se é que sabe o que isto é), e NINGUÉM PODE FAZER O QUE QUER.

Ora se eu agora me desse para querer espetar-lhe umas farpas nos costados (e vontade não me falta) para lhe mostrar como NÃO DÓI NADA, ou se me apetecesse andar a correr atrás de si, e a encurralá-la nos becos e nas ruas, para lhe mostrar que não se SOFRE NADA.

Podia?

Diga-me se podia. Porque se me diz que cada um faz o que quer, apanho um avião e vou já para aí fazer de si o "meu touro".

Isto há cada uma!
De Ruth Sylva a 9 de Julho de 2013 às 14:49
Olá mais uma vez, para que diz que não se ofende com o que dizemos não é bem isso que parece, digo-lhe que já foi marrada por um touro e não foi porque estive dentro de um praça ou até mesmo em largadas, estava de passam num localidade onde o touro saltou a vedação e veio na minha direção e dos meus amigos que estávamos bem afastados e sim quando um touro faz tal coisas e considerado um touro bravo e em relação ao que disse em querer ver-me cravar farpas ou até mesmo correr atras de mim com se eu fosse um animal ou poder ate pode depois o que lhe pode acontecer já não posso dizer que a senhora fique bem tratada, mas também eu não disse que não podia dizer o que queria mas se gosta de dizer o que quer também tem que estar a espera de ouvir o que não deseja, há e com não sabe o significado de ironia, mas é com pessoas com a senhora é que da pica para continuar a questionarmos ainda mais este assunto porque as opiniões se dividem e as vezes as pessoas não sabem ouvir nem respeitar a opinião de quem gosta e de quem é contra, mas quando quiser vir a Vila Franca de Xira diga que teria o maior prazer de a conhecer e perceber as suas razões de ser contra.
De Isabel A. Ferreira a 9 de Julho de 2013 às 15:17
Ruth Sylva:

Não sei se percebe o que quero dizer quando digo que só ME OFENDEM, SE EU DEIXAR, ou seja, podem chamar-me TODOS OS NOMES, que sendo eu superior a todas as baixezas, nenhuma delas me atingirá, só se eu deixar que elas me atinjam. Como não deixo...

O que descreveu foi uma cena medieval, ultrapassada. Antiga. Desadequada aos tempos modernos.

Quanto ao ir a Vila Franca de Xira, só porei os pés nessa terra quando deixar de ter práticas bárbaras.

Nunca me dei bem com a barbárie.

Mas não precisa conhecer-me nem preciso de estar consigo para lhe dizer das minhas razões para abominar a tauromaquia, em TODAS as suas vertentes carniceiras:

Simplesmente porque a tauromaquia é fruto de uma psicopatia grave e de uma ignorância hereditária.

E porque não é da Ética, da Moral, do Bom Senso, da Sensibilidade, e da Essência Humana TORTURAR seres vivos indefesos para diversão e ganhar dinheiro.

Isso é AMORAL , é DESUMANO e do mais baixo que existe, no carácter do animal homem predador.

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.