De José Dores a 17 de Abril de 2013 às 11:32
Estes "Cinzentos" é que nos colocam nesta situação.
Li os comentários e acho extraordinária a falta de integridade e coerência desta nossa sociedade.

Não gostam de ver a vaca a sofrer mas como o sofrimento não é muito grande (só a vaca é que saberá a grandeza do sofrimento mais ninguém) até pode ser... COMO????

Este ser humano "poucoxinho" que se satisfaz com alguma coisa quando sabe perfeitamente que essa alguma coisa não é o que tem de ser exclusivamente por falta de interesse do homem em se superar. Tudo isto nasce da incapacidade do homem em não ceder ao vicio da adrenalina e de experienciar emoções fortes. Vivemos numa sociedade viciada nisto. Queremos "viver" ao máximo, mesmo que para isso se reduza tudo a cinzas, mesmo que para isso haja sofrimento, maior ou menor, mesmo que para isso alguns fiquem para trás.

Pessoas viveram consequências terriveis para dar a liberdade a esta sociedade, e estes seres (des)humanos usam-na para viver expriencias "orgásmicas" umas atrás das outras, sempre intensamente.

Comer muito, viajar muito, ganhar muito dinheiro, subir muito na vida, ter muitas coisas, adrenalina com fartura... e no fim a total ausência de sentido da vida e a infelicidade de perceber que foi tudo um desperdicio de tempo.

Sabemos que o mundo está em convulsão, sabemos e vemos que muitas injustiças acontecem em nome de nada, mas "podia ser pior", "eu ainda não me queixo", "não concordo mas não posso fazer nada".

Que desperdicio de humanidade... Srs. Cinzentos, vocês não podem ser neutros sempre em todas as situações, existem situações onde ter principios é contrário a ser aceite socialmente e é com muita felicidade que sentimos que a escolha de o fazer é a escolha mais correta das nossas vidas.

Nós somos aquilo que defendemos, aquilo pelo que sofremos, aquilo pelo que assumimos consequências e responsabilidades.

Não é possivel com os conhecimentos atuais acerca do que são os animais não humanos continuar a manter rituais de uma época histórica onde nem acerca do ser humano se tinha conhecimentos. Na altura em que começou a Vaca das cordas nem Psicologia existia, nem Saúde Mental, não se sabia nada... e agora fazemos de conta que ainda estamos nessa época???? POR FAVOR!!!!
De Isabel A. Ferreira a 17 de Abril de 2013 às 14:41
A resposta ao comentário do José Dores está no seguinte link:

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/262709.html
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.