Comentários:
De nazaré oliveira a 20 de Março de 2013 às 09:25
Querida Isabel:
Mais um Homem para nos (os) ajudar nesta caminhada e neste combate que travamos: o Papa Francisco.
Felizmente!
Com toda a certeza!
Bj
De Isabel A. Ferreira a 20 de Março de 2013 às 10:37
Também espero que sim, Nazaré.

Todos os caminhos estão a levar a Roma, literalmente.

Ele está dar passinhos pequenos. Isto significa sabedoria.

E não se vai a Roma num dia.

Espero é que a Igreja Católica Portuguesa tenha COMPREENDIDO a mensagem. O que duvido, porque são todos muito antigos, já cheios de teias de aranha.
Beijinhos.
De Arsénio Pires a 20 de Março de 2013 às 11:47
Isabel, que belo e oportuno post você nos ofereceu.
Só espero é que os tauricidas e aficionados, que se dizem católicos, as confrarias e párocos que são católicos, os organizadores destas festas macabras (crentes ou não crentes em Deus) onde se sacrificam animais inocentes e indefesos, parem e reflictam nestas palavras do Papa Francisco, ditas ontem na Cerimónia do Inicio do seu Pontificado. Elas aqui vão:

“A vocação de cuidar não diz só res-peito a nós, os cristãos, mas tem uma dimensão que é, antes de tudo, pura-mente humana, diz respeito a todos. É cuidar de toda a criação, da beleza da criação, como nos diz o livro do Génesis e nos mostra S. Francisco de Assis: ter respeito por todas as criaturas de Deus e pelo meio ambiente em que vivemos.” (Papa Francisco, 19.03.13)
De Isabel A. Ferreira a 20 de Março de 2013 às 13:54
Arsénio, esperemos que essa gente tenha CÉREBRO poara poder PENSAR nas palavras do Papa Francisco.

Se depois deste apelo do novo Papa essa gente, que se diz católica, não MUDAR DE ATITUDE é porque é mesmo empancada das ideias.

Reparei que os comentadores (padres) não deram atenção quase nenhuma a estas palavras do Papa. Não convém. Mas estaremos cá nos para as GRITAR aos ouvidos deles.
De Ema a 20 de Março de 2013 às 18:48
Que as suas palavras sejam ouvidas, Isabel.

Deixo aqui um excerto da notícia de hoje, no Público: www.publico.pt /mundo/noticia francisco-pede-aliados-a-todas-as-religioes-e-entre-os-nao-crentes-1588502

(...)Francisco estendeu a mão a todos aqueles que, não pertencendo a nenhuma religião, procuram “a verdade, a bondade e a beleza”. “Eles são os nossos preciosos aliados no compromisso para defender a dignidade humana, construir uma coexistência mais pacífica entre as pessoas e para cuidar da natureza com carinho”, explicou. (...)

Espero que cuidar da Natureza com carinho inclua cuidar, respeitar e proteger os animais não humanos que tanto sofrem nas mãos dos ditos humanos.
De Isabel A. Ferreira a 20 de Março de 2013 às 19:08
Obrigada, Ema, pelo seu testemunho.

Deus a ouça, também, para que os nossos irmãos não humanos possam ter finalmente uma existência facífica, como merecem.

Comentar post