Terça-feira, 19 de Março de 2013

A mensagem subtil do Papa Francisco: Criação de Deus, Humanidade, Ambiente, Natureza...

 

À atenção da Igreja Católica Portuguesa, dos governantes portugueses e de todos os que se dedicam, apoiam e aplaudem o cruel ritual satânico da tauromaquia e são inimigos dos animais e dizem-se "católicos"...  

 

 

Eis um gesto franciscano do Papa Francisco, que se estenderá a toda a CRIAÇÃO DE DEUS… (se é que me faço entender…) conforme as suas próprias palavras.

 

Não poderia deixar que as palavras proferidas, hoje, pelo Papa Francisco, na sua homilia da missa de inauguração do seu Papado, passassem por mim e as levasse o vento.

 

Logo que saiu fumo branco pela chaminé da Capela Sistina, no dia 13/3/2013, interroguei-me que nome escolheria este Papa. Há Gregórios, Joões, Bentos, Justinos… e pensei: deveria ser Francisco, como Francisco de Assis, nome que nenhum Papa anteriormente escolheu, e que poderia trazer um novo alento ao mundo cristão que anda tão esfarrapado.

 

Então disse alto: eu gostaria que este Papa se chamasse Francisco. Um nome único. Um nome primeiro, que diria muito da postura de um homem que poderia trazer ao mundo alguma influência benéfica, e que seguisse os passos de São Francisco de Assis.

 

Foi este o meu desejo.

 

Quando ouvi que o Cardeal Bergoglio escolhera o nome de Francisco, fez-se luz dentro de mim. E sorri.

 

Descobri então que estou no bom caminho.

 

***

Hoje, quando ouvi as palavras do Papa Francisco lançadas àqueles governantes e membros da Igreja Católica que estavam na Praça de São Pedro a ouvi-lo, não tive dúvidas: a mensagem estava toda lá. Não totalmente clara. Nestas coisas há que ter subtileza. Mas estava lá.

 

A Igreja Católica tem de se virar para a CRIAÇÃO DE DEUS: para a Humanidade, para os pobres, para os mais desprotegidos, para os mais frágeis, para o Ambiente, para a Natureza…

 

Para a NATUREZA

 

O que está por detrás destas palavras para mim é muito claro.

 

O ano de 2013 será o ano do grande salto para a evolução da Humanidade.

 

É que Deus suporta os maus, mas não eternamente (Miguel de Cervantes), e o Papa Francisco também não.

 

Nem nenhum de nós suporta.

 

Porque acredito que nada acontece por acaso, aqui deixo uma mensagem simples, mas significativa do que acontecerá em 2013 e da qual o Papa Francisco levantou hoje a ponta do véu…

 

(Peço especial atenção para as imagens que acompanham as palavras, pois tudo isto esteve subentendido na homilia do Papa Francisco)

 

 


 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:00

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Comentários:
De nazaré oliveira a 20 de Março de 2013 às 09:25
Querida Isabel:
Mais um Homem para nos (os) ajudar nesta caminhada e neste combate que travamos: o Papa Francisco.
Felizmente!
Com toda a certeza!
Bj
De Isabel A. Ferreira a 20 de Março de 2013 às 10:37
Também espero que sim, Nazaré.

Todos os caminhos estão a levar a Roma, literalmente.

Ele está dar passinhos pequenos. Isto significa sabedoria.

E não se vai a Roma num dia.

Espero é que a Igreja Católica Portuguesa tenha COMPREENDIDO a mensagem. O que duvido, porque são todos muito antigos, já cheios de teias de aranha.
Beijinhos.
De Arsénio Pires a 20 de Março de 2013 às 11:47
Isabel, que belo e oportuno post você nos ofereceu.
Só espero é que os tauricidas e aficionados, que se dizem católicos, as confrarias e párocos que são católicos, os organizadores destas festas macabras (crentes ou não crentes em Deus) onde se sacrificam animais inocentes e indefesos, parem e reflictam nestas palavras do Papa Francisco, ditas ontem na Cerimónia do Inicio do seu Pontificado. Elas aqui vão:

“A vocação de cuidar não diz só res-peito a nós, os cristãos, mas tem uma dimensão que é, antes de tudo, pura-mente humana, diz respeito a todos. É cuidar de toda a criação, da beleza da criação, como nos diz o livro do Génesis e nos mostra S. Francisco de Assis: ter respeito por todas as criaturas de Deus e pelo meio ambiente em que vivemos.” (Papa Francisco, 19.03.13)
De Isabel A. Ferreira a 20 de Março de 2013 às 13:54
Arsénio, esperemos que essa gente tenha CÉREBRO poara poder PENSAR nas palavras do Papa Francisco.

Se depois deste apelo do novo Papa essa gente, que se diz católica, não MUDAR DE ATITUDE é porque é mesmo empancada das ideias.

Reparei que os comentadores (padres) não deram atenção quase nenhuma a estas palavras do Papa. Não convém. Mas estaremos cá nos para as GRITAR aos ouvidos deles.
De Ema a 20 de Março de 2013 às 18:48
Que as suas palavras sejam ouvidas, Isabel.

Deixo aqui um excerto da notícia de hoje, no Público: www.publico.pt /mundo/noticia francisco-pede-aliados-a-todas-as-religioes-e-entre-os-nao-crentes-1588502

(...)Francisco estendeu a mão a todos aqueles que, não pertencendo a nenhuma religião, procuram “a verdade, a bondade e a beleza”. “Eles são os nossos preciosos aliados no compromisso para defender a dignidade humana, construir uma coexistência mais pacífica entre as pessoas e para cuidar da natureza com carinho”, explicou. (...)

Espero que cuidar da Natureza com carinho inclua cuidar, respeitar e proteger os animais não humanos que tanto sofrem nas mãos dos ditos humanos.
De Isabel A. Ferreira a 20 de Março de 2013 às 19:08
Obrigada, Ema, pelo seu testemunho.

Deus a ouça, também, para que os nossos irmãos não humanos possam ter finalmente uma existência facífica, como merecem.

Comentar post

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

Março/09/2021: um dia ne...

«O último adeus» - "Enqua...

Estão a aparecer cordeiro...

Este monstro marinho, cha...

«Morreu [o Touro] Marism...

O Planeta Terra e os seus...

«A Páscoa é sempre “pagã”...

«Tempos de Páscoa»

Parlamento aprova propost...

Planeta Terra em alerta v...

Arquivos

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt