Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2013

Tauromaquia: a opinião de um verdadeiro Médico-Veterinário (porque os há a fingir)

 

 

Pessoas conscientes, cultas, compassivas, solidárias, abominam e rejeitam a tauromaquia, actividade cruel que vitima Touros e Cavalos, indigna pessoas, deseduca a juventude, embota a sensibilidade, envergonha os portugueses, desprestigia o País e repele turistas. (Dr. Vasco Reis - Médico-Veterinário)

 

(Faço minhas as suas palavras Dr. Vasco Reis)

 

***

 

Arsénio Pires, deixou um comentário ao post Tauromaquia - a opinião de um verdadeiro Médico-Veterinário ( porque os há afingir) às 16:55, 2013-02-22.

Comentário:

Quem pode ficar insensível perante tal atrocidade? Perante tal realidade de SOFRIMENTO espelhado nesta imagem, quem poderá dizer que GOSTA de touradas?

Quem poderá defender tal coisa apelidada de TRADIÇÃO a preservar?

Quem poderá dizer: "Quem não gosta não vá às touradas?"

Quem não gosta mesmo NADA das touradas é o touro e o cavalo sabem, tauricidas e aficionadas deste sádico espectáculo?!

SABEM? (Claro que não sabem. O psicopata não é capaz de ter sentimentos de compaixão pela dor dos outros!).

O vosso fim está próximo. Nesse dia apetecia-me NÃO ter compaixão por todos vós! Mas não! Ficarei imensamente triste por contemplar semelhantes meus incapazes de se arrependerem e de, assim, serem HOMENS dignos do apelido RACIONAIS. Talvez chore!

 

***

É exactamente isto Arsénio.

É triste ver gente que poderia ser racional,  e não passa de gente predadora mal-amada.

Talvez chore também. 

 

Isabel A. Ferreira

 

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:03

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Comentários:
De Arsénio Pires a 22 de Fevereiro de 2013 às 16:55
Quem pode ficar insensível perante tal atrocidade? Perante tal realidade de SOFRIMENTO espelhado nesta imagem, quem poderá dizer que GOSTA de touradas? Quem poderá defender tal coisa apelidada de TRADIÇÃO a preservar?
Quem poderá dizer: "Quem não gosta não vá às touradas?"
Quem não gosta mesmo NADA das touradas é o touro e o cavalo sabem, tauricidas e aficionadas deste sádico espectáculo?! SABEM? (Claro que não sabem. O psicopata não é capaz de ter sentimentos de compaixão pela dor dos outros!).
O vosso fim está próximo.
Nesse dia apetecia-me NÃO ter compaixão por todos vós! Mas não! Ficarei imensamente triste por contemplar semelhantes meus incapazes de se arrependerem e de, assim, serem HOMENS dignos do apelido RACIONAIS. Talvez chore!
De Isabel A. Ferreira a 22 de Fevereiro de 2013 às 18:14
A resposta a este comentário está inserida no texto do post.
De Diogo a 27 de Fevereiro de 2013 às 00:23
' Bla bla bla whiskas saquetas... bla bla bla bla bla whiskas saquetas''

Pegando neste conhecido anúncio de comida para gato, comparo o que o gato ouve da conversa da sua dona com ignorância e falta de inteligência que é característica de qualquer animal irracional, com aquilo que a sua pessoa ouve e interioriza de quem realmente está por dentro do mundo dos toiros e tenta ensinar-lhe alguma coisa.
Os seus discursos falam de cobardia, falta de inteligência, falta de civismo, falta de educação e instrução, desrespeito ao animal.

Pois olhe que se engana. De todos os que conheço que praticam a ''cobardia'' que fala pelo forcado, que eu chamo de valentia, amizade, culto ao toiro...; 90% são formados com curso superior ou estão ainda a formar-se. No meu caso, espero que tenha habilitaçoes literárias tão boas quanto as minhas, pois assim poderá provavelmente estar bem na vida.

Já quanto ao civismo, não creio que seja falta dele que se tome a opção de se querer manter preservada uma tradição e marca tão nossa quanto o nome do nosso país. E acho de louvar quem tenha não só a coragem de enfrentar um toiro de frente, como também lutar contra uma oposiçao ''verdoca'' que no século XXI despertou para lutas que no fundo não são primárias à sociedade. Lutar contra a fome, doença, guerra, até extinção de espécies como o lince ibérico, para isso ja não se mexe...?? Acho que seria melhor para a sociedade do que andar com estes activismos contra a tauromaquia!

Quanto à Tauromaquia estar ''com os pés na cova e só faltar o empurrãozinho final'', tenho que discordar novamente.
À bem pouco tempo um estudo provou que os ''anti'' representam uma baixíssima parcela de 11% da população portuguesa:

LINK Sondagem ''Público'': http://www.publico.pt/sociedade/noticia/maioria-dos-portugueses-defende-que-touradas-favorecem-imagem-do-pais-no-exterior-1489793

"A verdade é que tem havido muita manipulação dos números e estes demonstram que apenas 11 por cento dos portugueses são contrários aos espectáculos taurinos", refere.

Para além do facto de afirmarem contra a verdade de serem muito mais do que aquilo que são:

''O presidente da APET e responsável pela Protoiro, grupo que inclui não só os empresários, mas ainda as associações de forcados, toureiros e criadores de touros de lide, comentando os resultados da sondagem - onde 32,8 por cento dos inquiridos referem não ser aficionados, mas nada terem contra os que gostam dos espectáculos tauromáquicos -, diz ainda que grupos como a Animal "são muito proactivos, quase a roçar o extremismo e capazes de argumentar que esta percentagem de pessoas é contra os touros".''

(ora, ir contra a verdade (mentir), com fim de demover as pessoas a juntarem-se a movimentos ''anti-taurimos'', é uma das coisas pela qual eu não fui educado.

Para além disto, é facto que houve proíbições em certos e determinados sítios, como na Catalunha - isto durante um/dois anos, pois já se prevê o retrocesso dessa mesma proibição, o que demonstra que talvez esteja enganada quanto a força que o Protaurino tem, que tem muita!


27/02/2013
Diogo
De Isabel A. Ferreira a 27 de Fevereiro de 2013 às 16:33
A resposta a este comentário está no seguinte link:

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/237982.html
De Rui C. Barbosa a 27 de Fevereiro de 2013 às 17:36
Mas que conversa vazia de sentido que esta gente menor tem. Realmente, só se enganam a eles próprios, o que diga-se de passagem, sinónimo de inteligência não é.

São textos bafientos, cheios dos mesmos argumentos vazios e sem sentido, onde os sentimentos de valentia, culto e amizade são utilizados sem qualquer pudor para classificar uma actuação de pura cobardia.

A tauromaquia dar bom nome a Portugal? De todos é o argumento que menos sentido tem e roça a ofensa para todos aqueles que através da cultura e da artes afirmam Portugal no mundo.

"Lutar contra a fome, doença, guerra, até extinção de espécies como o lince ibérico, para isso ja não se mexe...??" Licenciados e bem formados, mas só capazes de fazer uma coisa de cada vez... ou então é mesmo ignorante ao pensar que as pessoas que são contra a tourada são incapazes de fazer algo mais.

Tratem-se todos!
De Isabel A. Ferreira a 27 de Fevereiro de 2013 às 17:44
Sabe, Rui, dou-me a este trabalho todo, porque cada comentário de um aficionado vale ouro, e dá muitos pontos à Causa da Abolição.

É que são mesmo DOENTES!

Comentar post

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Setembro 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

Líder do PAN insultada e ...

«Querido Touro…Eu respeit...

População das Ilhas Faroé...

Um recado de Paz Romero, ...

Dizem que amanhã, na Figu...

Cristina Rodrigues, depu...

Denúncia – Animais de qui...

A homenagem a um torturad...

A vandalização da estátua...

«Este protesto não se foc...

Arquivos

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

Acordo Ortográfico

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, devido a este ser inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. 1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome. 2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas". 3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt