De Ricardo a 20 de Fevereiro de 2013 às 01:20
O que aconteceu no campo pequeno no Domingo passado foi mais um hino à eterna hipocrisia aficionada.
Só me fez lembrar o que acontecia nos Estados Unidos durante a guerra do Vietname. Em nome dos interesses económicos e agendas políticas, jovens na flor da idade eram enviados para o meio das selvas do Vietname e Cambodja, sob pretexto de defenderem os ideais da "democracia". (Basta trocar Vietname por arena e democracia por tradição e temos aí a ladainha aficionada do costume). Aqueles que conseguiam voltar para casa, não o faziam sem um sem número de sequelas, físicas e psicológicas. E qual foi a recompensa que receberam? Os que voltaram inteiros tiveram que se fazer à vida como todos os outros, com a agravante de não terem estudado pois andavam aos tiros no meio da selva. Os outros, receberam umas medalhinhas, umas pensões miseras e durante uns dias até se iludiram que valera a pena o sacrifício. Mas agora é vê-los, nas bermas das estradas a dormir em caixotes e contentores e a mendigar por trocos, completamente ignorados pelo mesmo governo que um dia lhes pediu o sacrifício.
O Nuno que não se iluda a pensar que ascendeu ao estatuto de herói ou algo que o valha. Isto é bonito agora porque está fresco e é uma publicidade porreirinha. Mas a realidade é esta: ele sacrificou a sua independência para NADA! Perdão: sacrificou-se para garantir talvez que mais psicopatas assistam a touradas na esperança de ver outro miúdo a ficar paraplégico em directo.
Mais triste do que ver alguém tão novo com a vida limitada desta forma, é ver o quão profunda é a lavagem cerebral que este foi alvo. Será que os tipos da prótoiro se disponibilizaram para o ajudar sempre que ele precisar de subir escadas?
Não me parece...
De Isabel A. Ferreira a 20 de Fevereiro de 2013 às 10:26
A rersposta a este comentário está no seguinte link:

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/233314.html
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.