Sábado, 1 de Setembro de 2012

O que diz a Igreja, no que respeita a touradas? Eis um comentário precioso que me enviou o charly

 

Estava à espera de um comentário assim, faz tempo. Esta é uma oportunidade valiosa para DIALOGAR com a Igreja Católica.

 

 

Olhe bem para esta imagem, charly, e diga-me se os Santos gostarão de ser celebrados com tamanha barbaridade!

 

charly, deixou um comentário ao post Queridíssimos aficionados, deputados da Nação, e membros da Igreja Católica portuguesa, peço-vos perdão pela minha ignorância e arrogância às 14:51, 2012-09-01.

 

 1 - «Esta Senhora, fala com uma leviandade que impressiona. Em nome de uma verdade - o mau trato dos animais -, incita ao ódio religioso, ao ódio à Igreja Católica, invocando Fátima levianamente, malevolamente até, como se Fátima tivesse algo que ver com o mau trato dos animais, neste caso a tauromaquia.

 

2 - «Jesus então lhes replicou. Dai, pois, a César o que é de César e a Deus o que é de Deus. E admiravam-se dele». (Mc 12,17) A responsabilidade de haver touradas é do Governo e não da Igreja.

 

3 - A Igreja “Instituição” pode e deve chamar à atenção a todos os homens que praticam obras de impiedade, neste caso a tauromaquia. O artigo que acabei de ler é uma falácia de Satanás. Uma meia-verdade. Um ataque à “Instituição” Igreja - sim, porque Igreja somos todos - movida por um cego e gratuito ódio à Igreja. Se há deputados membros da Igreja Católica, esses não representam a Igreja de Cristo.

 

4 - Se há Alguém a quem deve pedir perdão não é a esses “católicos” de nome, que fazem touradas em nome dos Santos da Igreja. Esses serão julgados por Deus, e não são esses que constituem a IGREJA, mas sim a Deus, por fazer chacota da fé, citando Fátima várias vezes de forma odiosa e com sarcasmo.

 

5 - O QUE DIZ A IGREJA? A 1 de Novembro de 1567, o Papa Pio V publicou a bula “De salute gregis dominici”, ainda em vigor: “ (…) Nós, considerando que estes espectáculos que incluem touros e feras no circo ou na praça pública não tem nada a ver com a piedade e a caridade cristã, e querendo abolir estes vergonhosos e sangrentos espetáculos, não de homens, mas do demônio, e tendo em conta a salvação das almas na medida das nossas possibilidades com a ajuda de Deus, proibimos terminantemente por esta nossa constituição (…) a celebração destes espetáculos (…)”».

 

****

 

Esmiucemos este comentário, parágrafo por parágrafo:

 

1 - «Esta Senhora, fala com uma leviandade que impresiona. Em nome de uma verdade - o mau trato dos animais -, incita ao ódio religioso, ao ódio à Igreja Católica, invocando Fátima levianamente, malevolamente até, como se Fátima tivesse algo que ver com o mau trato dos animais, neste caaso a tauromaquia.»

 

Caro charly, com certeza não leu com olhos de ler o meu texto.

Diga-me exactamente onde INCITO AO ÓDIO RELIGIOSO, ou à Igreja Católica ou onde estou contra Fátima?

 

O menino charly não leu o texto com o raciocínio. Mas com maldade no coração, vendo punhais onde estão apenas “farpas” (no sentido sarcástico).

 

Contudo, uma vez que falou em Fátima, deixe-me que lhe diga, que se Fátima não tem nada a ver com a tauromaquia (não tem, realmente ainda não me apercebi de que tivessem realizado uma tourada em honra de Nossa Senhora de Fátima) quanto a maus-tratos a animais... ai, ai, ai... temos a história triste dos cães de rua que, em Fátima, são bastante maltratados. Isso todos sabem.

 

Mas adiante...  

 

2 - «Jesus então lhes replicou. Dai, pois, a César o que é de César e a Deus o que é de Deus. E admiravam-se dele». (Mc 12,17). A responsabilidade de haver touradas é do Governo e não da Igreja.

 

Pois engana-se, caro charly. As touradas são da responsabilidade do Governo, porque o Governo as apoia, dando-lhes subsídios, e até tem uma lei, que é a vergonha das vergonhas, que não considera os Touros e os Cavalos ANIMAIS, mas é também da responsabilidade da Igreja Católica, cujos representantes de Deus na Terra, ou seja, os padres, vão ABENÇOAR os torcionários, antes destes irem para as arenas, torturar as pobres criaturas de Deus. Portanto, ambos têm a sua quota-parte de CULPAS. E que CULPAS! E há padres que adoram touradas, mais do que a Deus. Conheço alguns.

 

3 - A Igreja “Instituição” pode e deve chamar à atenção a todos os homens que praticam obras de impiedade, neste caso a tauromaquia. O artigo que acabei de ler é uma falácia de satanás. Uma meia-verdade. Um ataque à “Instituição” Igreja - sim, porque Igreja somos todos - movida por um cego e gratuito ódio à Igreja. Se há deputados membros da Igreja Católica, esses não representam a Igreja de Cristo.

 

Meu caro charly, por amor de Deus! O que é que eu ando aqui, neste Blogue, a pregar há tanto tempo? Que a Igreja “Instituição” TEM O DEVER de chamar à atenção a todos os homens que praticam obras de impiedade, neste caso, a tauromaquia.

 

Mas sabe o que faz a Igreja? NADA.

 

Cala-se. Mantém-se cúmplice da barbárie.

 

Ou melhor, permite que padres vão ABENÇOAR os tauricidas.

 

E não só. Veja este Padre Franciscano (isto é, um seguidor de São Francisco de Assis), o Padre Vítor Melícias (o do meio) que é um aficionado (não perde uma tourada) a deliciar-se com a TORTURA DE UM TOURO. Um grande exemplo de franciscanismo.

 

Este PADRE não representará a Igreja de Cristo? É um PADRE católico, apostólico, romano.

 

 

 
 
Pois acho que a falácia de satanás (personagem na qual não acredito, que haja no Céu, mas poderá ser um qualquer torcionário tauricida) tem mais a ver com esta imagem, do que com aquilo que eu escrevi, charly.

 

Além de que não destilo ÓDIO por coisa nenhuma. O ÓDIO é um sentimento MENOR, para gente menor. Não para mim. Eu apenas demonstro INDIGNAÇÃO por esta prática bárbara, acolitada pela Igreja Católica.

 

ÓDIO pareceu-me o charly destilar pelo meu texto, do qual não entendeu uma linha, sequer.

 

4 - Se há Alguem a quem deve pedir perdão não é a esses “católicos” de nome, que fazem touradas em nome dos Santos da Igreja. Esses serão julgados por Deus, e não são esses que constituiem a IGREJA, mas sim a Deus, por fazer chacota da fé, citando Fátima várias vezes de forma odiosa e com sarcasmo.

 

Bem, como não percebeu nada do que escrevi, o que tenho a dizer deste parágrafo é que os PADRES DA IGREJA CATÓLICA permitem celebrar SANTOS E SANTAS com a TORTURA DE TOUROS E CAVALOS, e eu é que faço CHACOTA DA FÉ? Qual fé? A fé na crueldade e violência cometida contra uma criatura de Deus?

 

Já reparou no disparate que disse?
 
Cito Fátima de forma odiosa e com sarcasmo? Isso está na sua cabeça, não no meu texto. Sinto muito.

 

E se quer saber, não sou eu que sou cúmplice da TORTURA. Combato-a com todas as minhas forças e com as garras de fora, dou voz aos Touros e aos Cavalos, e não TENHO MEDO DO JULGAMENTO DE DEUS, por ter escrito o que escrevi. Ele está comigo. Não com os TAURICIDAS. Disso tenho certeza absoluta. Não me pergunte como.

 

5 - O QUE DIZ A IGREJA? A 1 de Novembro de 1567, o Papa Pio V publicou a bula “De salute gregis dominici”, ainda em vigor: “ (…) Nós, considerando que estes espectáculos que incluem touros e feras no circo ou na praça pública não tem nada a ver com a piedade e a caridade cristã, e querendo abolir estes vergonhosos e sangrentos espetáculos, não de homens, mas do demônio, e tendo em conta a salvação das almas na medida das nossas possibilidades com a ajuda de Deus, proibimos terminantemente por esta nossa constituição (…) a celebração destes espetáculos (…)”».

 

Ora chegámos onde eu queria.

 

Na verdade o Papa Pio V publicou esta bula que, como bem disse, ESTÁ AINDA EM VIGOR.

 

E eu pergunto: ONDE? Em que país? Em que paróquias?

 

Em Portugal NÃO É, com toda a certeza.

 

A Igreja Católica Portuguesa faz letra morta desta bula.

Por tudo o que eu já aqui referi. mPrincipalmente, por ABENÇOAR OS TAURICIDAS. Por manter-se CALADA e CÚMPLICE a respeito das Touradas.

 

Onde vive o charly?

 

Não neste mundo. Não em Portugal, com certeza.

 

E eu é que escrevi um artigo que é falácia de Satanás?

O que é que o charly chama à cumplicidade da Igreja Católica, que permite celebrar os Santos católicos com o SANGUE da TORTURA de seres vivos para divertir sádicos, bêbados e psicopatas?

FALÁCIA DE DEUS?...

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:55

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Comentários:
De Rui C. Barbosa a 1 de Setembro de 2012 às 19:20
O charly estará neste momento em frente a um espelho, flagelando-se em nome da sua fé e em nome da ímpia igreja.

O que charly fez foi tentar defender a sua fé pela qual se sentiu tão ofendido. Pois o charly não faz a mínima ideia do que é a fé e nesta altura comparo-o a um fanático religioso que deturpa na sua mente blindada tudo o que lê e que refira a igreja católica.

A igreja católica (sempre em minúsculas) abençoa de forma hipócrita o mau trato dos animais nas touradas e preservando os locais de tortura, pois muitas das praças de touros são propriedade da igreja católica através da Santa Casa.

Aproveite esse espelho e veja a vergonha que você, charly, representa para a sua fé!
De Isabel A. Ferreira a 1 de Setembro de 2012 às 19:30
Completamente de acordo, Rui.

Mais uma vergonha para a Igreja Católica. Seja lá quem for este charly.
De Vânia a 1 de Setembro de 2012 às 21:59
Já agora Isabel, uma vez mais deu uma resposta excepcional. Parabéns
De Isabel A. Ferreira a 2 de Setembro de 2012 às 11:38
Obrigada, Vânia.
De Vânia a 1 de Setembro de 2012 às 21:57
Charly,acho que deve insurgir-se.No entanto, enganou-se no blog. Deveria insurgir-se contra àqueles que têm a ousadia de associar sangue às festas religiosas. Uma vez que defende tanto a Igreja Católica , confronte os aficionados e todos aqueles que participam nesta barbárie e que têm a ousadia de festejar as festas dos Santos com torturas e sangue de seres de Deus, seres INOCENTES.
De Isabel A. Ferreira a 2 de Setembro de 2012 às 11:37
Esqueci-me de lembarvao charly que a maioria das praças da tortura de Touros e Cavalos pertencem às SANTAS CASA DA MISERICÓRDIA.
Obrigada Vânia.
De charly a 2 de Setembro de 2012 às 12:10
Irmã, esqueceu-se tambem de aprovar o meu comentário.... só aprova o que quer. enfim.
Deus vos abençoe.
De Isabel A. Ferreira a 2 de Setembro de 2012 às 13:59
Irmã, charly? Quanta honra!

Não, não me esqueci de aprovar o seu comentário.
Só que ainda não tive tempo de me debruçar sobre as suas palavras, para lhe responder como merece.

Não estou 24 horas à disposição dos comentaristas, como deve calcular.

Ainda hoje, provavelmente, o verá publicado e respondido.

Deus o abençoe, também.
De charly a 2 de Setembro de 2012 às 01:59
Amiga Isabel, não me leve a mal, de coração.. vejo muita ignorância nos seus comentários, e defacto eu não tenho tempo de responder adequadamente a todas as suas afirmações.
Ouça, eu sou contra as touradas, odeio todo tipo de espetaculos onde se torturam animais. Mas eu deixo-lhe um exercicio para meditar.. Só para citar um exemplo:
Se um determinado médico decide matar os seus paciêntes, acaso esse eventual acto poria em causa o código deontológico dos Médicos, ou a sua Classe?
Compreendo a sua indignação sobre o maus tratos dos animais, mas não deve julgar nenhuma Instituição seja qual for por alguns membros que a compõem.
"O mundo passa com as suas concupiscências, mas quem cumpre a vontade de Deus permanece eternamente". (1Jo 2,17) compreende?
Aproveito para lhe dizer outra coisa: você fala de satanás como "personagem na qual não acredito".
Palavras de João Paulo II: "Quem não crê no demônio não crê no Evangelho".. e quem não crê no Evangelho não crê em Jesus Cristo.

Que Deus vos abençoe.
De Isabel A. Ferreira a 2 de Setembro de 2012 às 17:39
Para ver a resposta a este comentário ir para este link:

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/156629.html
De Susana a 3 de Setembro de 2012 às 01:02
Boa noite, antes de mais tenho de dizer que amo animais, sofro horrores só de pensar que há animais a sofrer maus tratos, quanto mais ver a triste realidade que temos no nosso país com o abandono desenfreado de cães e gatos e muitas vezes sujeitos a viverem uma vida presos a uma corrente de 1 metro ao frio e á fome completamente negligenciados.Quanto ás touradas deviam ser imediatamente proíbidas no país, seria uma alegria para mim!!!Mas não compreendo a reação de muitos ao comentário do Charly, percebi perfeitamente o que ele disse pelos vistos fui a única,e não , não sou basileira!!! concordo com o que ele disse, odeia que se torturem animais, mas não se pode criticar a IGREJA como se todos fossemos iguais, assim como os animais não têm voz, muitos padres infelizmente também não têm voz e acreditem que há muitos a lutar, mas são afastados pressionados.....uma das falásias do demonio é precisamente convencer as pessoas que não existe, eu acredito em DEUS e por conseguinte acredito na sua existência, acredito na IGREJA que Ele fundou, se porventura ela está a ser atacada por comportamentos de alguns padres que "apoiam" as touradas, desacreditando-a, fico triste mas continuo a lutar pela Igreja para que ela não morra! Assim como um mau médico que mata uma pessoa deveria ser condenado, também os tais padres que apoiam as touradas deveriam ser castigados!...Como sou uma pessoa de fé acredito que as touradas tenham os dias contados!....
De Isabel A. Ferreira a 3 de Setembro de 2012 às 10:41
Susana, não sei quantos anos tem, mas pelo que escreveu, vê-se que não tem maturidade para compreender determinadas situações, tal como o charly.

Não me interessa estar aqui a discutir isso, porque já estou farta de dizer sempre as mesmas coisas, e quem as que lê não COMPREENDE. A culpa não será minha, porque escrevo em Português e numa linguagem acessível até para quem tem apenas a quarta classe.

Só vou acrescentar uma coisa: a Susana será uma daquelas cidadãs que não aplaudem a crise em que Portugal está mergulhado. Certo?

A culpa será do Governo Português ou só de meia dúzia de governantes?

Transponha esta ideia para a Igreja Católica Portuguesa.

Quem cala CONSENTE. Nunca ouviu dizer?

Leia novamente o que escrevi, Susana. Porque não percebeu nada de nada.

As touradas (que irão acabar mais cedo do que se julga) não têm nada a ver com Deus nem com o diabo. Têm a ver com gente que se diz “humana” mas promovem, consentem, aplaudem a tortura, a crueldade, a violência, a maldade contra seres vivos. E o que os move é o DINHEIRO. Simplesmente EXECRÁVEL!

E a Igreja Católica Portuguesa está metida neste “negócio sujo” até ao pescoço.

Quer que me cale?

NÃO! Se eu me calar, também serei cúmplice, tal como a Susana e o charly são.

Comentar post

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Junho 2024

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
15
17
18
19
21
22
23
24
26
27
28
29
30

Posts recentes

Pausa para descanso...

Carta Aberta à socialista...

O que as escolas NÃO te c...

«Bicadas do meu Aparo»: C...

Portugal não é a casa da ...

Ex-combatentes do Ultrama...

Repondo a verdade dos faC...

XXXI Encontro Nacional ...

Uma fingida “homenagem” a...

Ponte de Lima: «Vaca das ...

Arquivos

Junho 2024

Maio 2024

Abril 2024

Março 2024

Fevereiro 2024

Janeiro 2024

Dezembro 2023

Novembro 2023

Outubro 2023

Setembro 2023

Agosto 2023

Julho 2023

Junho 2023

Maio 2023

Abril 2023

Março 2023

Fevereiro 2023

Janeiro 2023

Dezembro 2022

Novembro 2022

Outubro 2022

Setembro 2022

Agosto 2022

Junho 2022

Maio 2022

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados Os textos publicados neste blogue têm © A autora agradece a todos os que os divulgarem que indiquem, por favor, a fonte e os links dos mesmos. Obrigada.
RSS

AO90

Em defesa da Língua Portuguesa, a autora deste Blogue não adopta o Acordo Ortográfico de 1990, nem publica textos acordizados, devido a este ser ilegal e inconstitucional, linguisticamente inconsistente, estruturalmente incongruente, para além de, comprovadamente, ser causa de uma crescente e perniciosa iliteracia em publicações oficiais e privadas, nas escolas, nos órgãos de comunicação social, na população em geral, e por estar a criar uma geração de analfabetos escolarizados e funcionais. Caso os textos a publicar estejam escritos em Português híbrido, «O Lugar da Língua Portuguesa» acciona a correcção automática.

Comentários

Este Blogue aceita comentários de todas as pessoas, e os comentários serão publicados desde que seja claro que a pessoa que comentou interpretou correctamente o conteúdo da publicação. 1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome. 2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas". 3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias. Serão eliminados os comentários que contenham linguagem ordinária e insultos, ou de conteúdo racista e xenófobo. Em resumo: comente com educação, atendendo ao conteúdo da publicação, para que o seu comentário seja mantido.

Contacto

isabelferreira@net.sapo.pt