Domingo, 13 de Março de 2016

SER PORTUGUÊS

 

Encontrei este texto nas minhas papeladas.

Desconheço o (a) autor(a).

 

Mas seja quem for, escreveu uma obra-prima.

A descrição de um português mais completa que já vi.
Vale a pena ler.

É triste, mas é a mais pura verdade.

Infelizmente, desde o tempo de Bordalo Pinheiro (o autor do Zé Povinho na imagem), não houve evolução suficiente, para que essa figura ficasse fora de moda.

O sistema prima por manter o Zé Povinho intocável, e se o Bordalo pudesse vir à Terra nos dias de hoje, encontraria a mesma boçalidade. A mesma manha. A mesma pobreza mental.

Fico triste, como fiquei triste com esta descrição que publico.

 

ze_povinho[1] ZÉ POVINHO.jpg

 

Ser português é assim… tal e qual:

 

Levar arroz de frango para a praia.

 

Guardar as cuecas velhas para polir o carro.

 

Lavar o carro na rua, ao domingo.

 

Ter pelo menos duas camisas traficadas da Lacoste e uma da Tommy (de cor amarelo-canário e azul-cueca).

 

Passar o domingo no shopping.

 

Tirar a cera dos ouvidos com a chave do carro ou com a tampa da esferográfica.

 

Ter bigode.

 

Viajar pró cu de Judas e encontrar outro Tuga no restaurante.

 

Receber visitas e ir logo mostrar a casa toda.

 

Enfeitar as estantes da sala com os presentes do casamento.

 

Exigir que lhe chamem “Doutor”.

 

Exigir que o tratem por Sr. Engenheiro.

 

Axaxinar o Portuguex ao eskrever.

 

Gastar 50 mil euros no Mercedes C220 cdi, mas não comprar o kit mãos-livres, porque “é caro”.

 

Já ter “ido à bruxa”.

 

Filhos baptizados e de catecismo na mão, mas nunca pôr os pés na igreja.

 

Não ser racista, mas abrir uma excepção com os ciganos.

 

Ir de carro para todo o lado, aconteça o que acontecer, e pelo menos, a 500 metros de casa.

 

Conduzir sempre pela faixa da esquerda da auto-estrada (a da direita é para os camiões).

 

Cometer três infracções ao código da estrada, por quilómetro percorrido!!!

 

Ter três telemóveis.

 

Gastar uma fortuna no telemóvel, mas pensar duas vezes antes de ir ao dentista.

 

Ir à bola, comprar “prá geral” e saltar “prá central”.

 

Viver em casa dos pais até aos 30 anos ou mais.

 

Ser mal atendido num serviço, ficar lixado da vida, mas não reclamar por escrito “porque não quer aborrecer-se”.

 

Falar mal do Governo eleito e esquecer-se que votou nele.

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:07

link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 8 de Junho de 2012

SÓ UM NAQUINHO DE PORTUGUESES É AFICIONADO

 

 

ISTO É A MAIS PURA VERDADE

 

SER PORTUGUÊS IMPLICA SER CIVILIZADO, LOGO,

 NÃO AFICIONADO.

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:14

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

SER PORTUGUÊS

SÓ UM NAQUINHO DE PORTUGU...

Arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados
RSS

ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

BLOGUES

O Lugar da Língua Portuguesahttps://blogcontraatauromaquia.wordpress.comhttp://mgranti-touradas.blogspot.pt/https://protouro.wordpress.comhttps://protouro.wordpress.comhttp://animasentiens.com/http://www.matportugal.blogspot.pt

CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt