Sexta-feira, 31 de Janeiro de 2014

«TOURADAS – UMA BÁRBARA E RELES PRÁTICA SANGUINÁRIA QUE A LARGA MAIORIA DOS AÇORIANOS E PORTUGUESES QUEREM ABOLIR…»

 

TOURADAS: uma bárbara e reles prática sanguinária que a larga maioria dos açorianos e portugueses cada vez mais ignoram e querem abolir, pela vergonhosa tortura de vidas que sentem e sofrem como gente, e pela incivilidade que dá da Região e do país, aos olhos do mundo civilizado, de onde provêm os turistas de qualidade que buscam locais de natureza conservada e onde se respeitam a vida dos animais.

 

"A grandeza de uma terra e o grau de civilidade do seu povo podem ser avaliados pela forma como se relaciona e cuida dos seus animais" (M.Gandhi)

 

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10202404936556209&set=a.3395344653865.140960.1577186131&type=1&theater
publicado por Isabel A. Ferreira às 17:33

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 30 de Janeiro de 2014

A NEGAÇÃO DA CRUELDADE TAUROMÁQUICA É UMA DAS JOGADAS DOS AFICIONADOS AÇORIANOS NUMA TENTATIVA DESESPERADA DE DEFENDER O QUE ELES SABEM NÃO SER MAIS POSSÍVEL DEFENDER

 

Esta será de certa forma (porque poderão vir aí verdades mais contundentes) a resposta do Médico Veterinário, Dr. Vasco Reis, a este comentário do Luís Ferreira (abrir link):

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/vamos-falar-de-tauromaquia-e-das-380555

e também aos comentários impublicáveis (por conterem a já habitual linguagem rasca de aficionado, a que não vou submeter o meu companheiro de luta)  de outros aficionados que não sabem distinguir um boi de um palácio)

 

 

Esta é uma visão geral do primeiro dia do Fórum da Incultura Taurina que colocou o Arquipélago dos Açores na boca do mundo, pelos piores motivos. Em primeiro plano vê-se uma cara bastante conhecida…. 

***

«A negação da crueldade tauromáquica é uma das jogadas na tentativa desesperada de defesa dos tauromáquicos.

 

Outra jogada é o recurso a textos/opiniões de profissionais, pensadores, artistas, escritores, poetas etc. aficionados (Illera, Picasso, Hemingway, Garcia Lorca, etc., gente desprovida de conhecimento cientifico, de compaixão, de ética, de carácter. Illera é um aldrabão pseudo cientista e vendido aos interesses da tauromaquia.

 

O senhor Luís Ferreira deve ter ficado muito admirado com o meu texto, pois andaria hipnotizado pela alarvice da ilha tauromáquica açoriana. Quem sabe se o choque o vai pôr a pensar!

 

Talvez eu responda, mencionando-lhe algumas opiniões e o meu currículo, por exemplo de 3 anos e 1/2 de estadia na Praia da Vitória como médico veterinário municipal obrigado a assistir às touradas, a zelar pelo "bem-estar" e "respeito" pelos touros, (como se fantasia), a retirar as bandarilhas e a suturar a ferida de pele, músculo e pleura parietal aberta por uma bandarilha cravada entre 2 costelas, triste episódio que na Terceira, Praia da Vitória, ainda há gente que o presenciou, bem como a minha intervenção que salvou o touro.

O tom será delicado e compreensivo (como se faz perante gente mal informada e crédula para o que lhe apregoam).

 

Claro que não aceitarei a acusação de desconhecer o assunto e de mentir, mas não espero desculpas.» (Vasco Reis)


Origem da foto:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=714341658600223&set=a.714341531933569.1073741851.118555858178809&type=1&permPage=1 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:59

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

RESPOSTA DA «SER ANIMAL» A ESTE ARTIGO DE “OPINIÃO” DE UM “DEPUTADO” AÇORIANO QUE DEVIA SER DEMITIDO DAS SUAS FUNÇÕES

 

Faço minhas as palavras da SER ANIMAL

 

 

 

«Um legislador deve ser neutro e ouvir ambos os lados de uma questão.

 

Não deve ser tendencioso e atacar, arrogantemente, quem luta por causas

que não sejam da sua estima.

 

Devia ser exonerado das suas funções na ALRA, porque não é isento para as desempenhar!!!

 

Envergonha-nos a todos e não é digno de ser pago com o dinheiro dos contribuintes, que lhe enviaram emails a demonstrar as suas preocupações e desagrado e, que são insultados desta maneira grosseira.

 

O que as pessoas fazem ou não com o seu tempo, não é da sua conta! É mais ao contrário, quem lhe paga o ordenado e as benesses todas SOMOS NÓS!

 

É o senhor que tem que nos prestar contas do seu tempo, não o contrário!

O senhor é uma vergonha para os Açores em geral e para a Ilha Terceira em particular!»

 

***

 

OPINIÃO DE RITA SILVA

 

O Deputado Artur Lima parece ainda não ter percebido que é pago para ser um representante do povo! S. Exa. não se pode dar ao luxo de se sentir incomodado com as opiniões e preocupações que este lhe expressa.

 

É que, até ver, os 60 mil euros que patrocinaram o III Fórum Mundial da Cultura Taurina saem das contas bancárias dessa mesma gente que lhe escreve e que tanto o indigna!  

 

in https://www.facebook.com/photo.php?fbid=593007867444566&set=a.488693297876024.1073741827.488691274542893&type=1&theater

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:26

link do post | Comentar | Ver comentários (3) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 29 de Janeiro de 2014

ABOLICIONISTAS INCOMODARAM SUA EXA. UM DEPUTADO DOS AÇORES

BOA!

Ficou tão incomodado que lhe deu para delirar…

Quase três centenas de participantes? Onde?...

 
 

 Mentalidades podres, só podem dar opiniões PODRES!

 Uma vergonha para os Açores em geral e para a Ilha Terceira em particular!!!

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=405795486221772&set=a.324721210995867.1073741826.324707120997276&type=1&theater

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:11

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

VAMOS FALAR DE TAUROMAQUIA E DAS MENTIRAS DOS AFICIONADOS AÇORIANOS

 

O Dr. Vasco Reis, Médico Veterinário, conhecedor profundo dos horrores da tauromaquia, porque já a viveu in loco, escreveu um texto onde DIZ TODA A VERDADE sobre a ignominiosa prática de torturar bovinos mansos, herbívoros, ruminantes, seres sencientes, que nos Açores são maltratados previamente, aliás como em todos os lugares onde esta prática abominável se mantém, à custa da ganância e da ignorância de uns poucos, que têm poder monetário e “outro” poder, o que só diz da fraqueza moral dos envolvidos.

 

 

É assim que vivem os bovinos mansos e herbívoros e ruminantes, que são torturados previamente para ficarem “bravos”, na hora de serem torturados por COVARDES, ou quando pressentem a aproximação dos seus predadores.

 

***

Ora o Luís Ferreira decidiu contradizer o que o Dr. Vasco Reis escreveu com toda a legitimidade e com conhecimento empírico.

 

Nada do que possam dizer os aficionados açorianos (ou outros) pode mudar a realidade grosseira da tauromaquia.

 

Ainda assim, para reforçar a VERDADE e destruir a MENTIRA, aqui deixo este comentário do Luís Ferreira, comentado por mim, em letra maiúscula, sublinhada e em bolt.

 

O Dr. Vasco Reis também terá a sua palavra a dizer, se assim o entender.

 

***

 

Luís Ferreira disse sobre O FIASCO DO FÓRUM MUNDIAL DA CULTURA TAUROMÁQUICA NOS AÇORES na Segunda-feira, 27 de Janeiro de 2014 às 17:12:

 

     

«AGRICULTOUROS – TOUROS PLANTAM BIODIVERSIDADE????»

Por Dr. Vasco Reis

 
26 de Janeiro de 2014 às 11:10

- Ou será uma falácia para servir a ânsia de inventar vantagens ambientais da criação de gado bravo que serve para as touradas ***???

A informação objectiva que eu tenho, é que o gado bravo ocupa largas áreas da Ilha Terceira, o que impede que essas áreas sejam percorridas por pessoas/turistas com gosto por passeios na natureza.
(Vasco Reis)

 

O que acabaria com a nossa biodiversidade e colocaria em extinção todas as nossas espécies endémicas, acabando por, em última análise, passar a ser só mais um campo. Também não sei o que significa informação objectiva. A que a mim me foi oferecida foi o Dr. Eduardo Dias na sua intervenção no III Fórum Mundial da Cultura Taurina. (Luís Ferreira)

 

(O QUE É OFERECIDO NOS FÓRUNS TAURINOS NÃO SÃO DADOS CIENTÍFICOS, NEM POUCO MAIS OU MENOS, DAÍ NÃO TEREM NENHUMA RELEVÂNCIA) (Isabel A. Ferreira)

- Por isso, tais potenciais turistas devem procurar outros destinos, que não a Ilha Terceira.  

A presença desses animais representa um perigo para quem inadvertidamente, ou por não conhecer a zona, ande por ali. (Vasco Reis)

 

Parece-me que defende que desaparecessem de lá os touros, o animal que vive melhor na nossa ilha com amplas pastagens e campo. E faríamos o que com os touros… (Luís Ferreira)

 

(COM OS TOUROS NÃO FARIAM NADA, PORQUE NÃO HÁ TOUROS BRAVOS NA NATUREZA. DEIXARIAM OS BOVINOS EM PAZ, NO PASTO, A COMER AS ERVINHAS, PACATAMENTE, E A RUMINÁ-LAS, COMO É DA NATUREZA DELES. NADA DE TORTURA OU LUTAS OU CORDAS.) (Isabel A. Ferreira)


- Já aconteceram ataques por touros. (Vasco Reis)

E por cães e por pessoas e por aí fora. (Luís Ferreira)

 

(ESTAMOS A FALAR DE TOUROS TORTURADOS E NÃO DE CÃES MALTRATADOS E DE PESSOAS  ÉBRIAS. (Isabel A. Ferreira)


- A tourada à portuguesa implica uma enorme tortura para touros e cavalos e é degradante para a sociedade e para o prestígio do país. (Vasco Reis)


Na sua mais modesta opinião. (Luís Ferreira)

 

(NÃO, NÃO É NA MAIS MODESTA OPINIÃO DO DR. VASCO, PORQUE AQUI NÃO HÁ OPINIÃO. AQUI HÁ FACTOS DEMONSTRÁVEIS E REPROVÁVEIS EM TODO O MUNDO CIVILIZADO.) (Isabel A. Ferreira)


- A Sorte de Varas como autorizada em Espanha, não é permitida em Portugal. É uma modalidade de tortura maquiavélica destinada a perfurar e destruir musculatura do pescoço do touro, que deixará de poder levantar a cabeça ao investir contra o toureiro. O animal sangrando, debilitado, torturado por dores fortíssimas, fica impossibilitado para a luta. (Vasco Reis)

Deveria antes de escrever sobre um assunto que não domina informar-se melhor, porque se não é verdade… (Luís Ferreira)

 

(ACONTECE QUE ESTA É VERDADE. ATÉ ESTÁ DOCUMENTADO NA IMPRENSA TAURINA. POR ISSO NÃO PODEM DIZER QUE O DR. VASCO ESTÁ A MENTIR. QUEM MENTE É QUEM NÃO QUER QUE AS VERDADES VENHAM À TONA.) (Isabel A. Ferreira)

- Agora as autoridades estão "generosamente" a autorizar este massacre para agradar aos visitantes do FÓRUM, desrespeitando a lei proibitiva. (Vasco Reis)

Ai foi, não presenciei. (Luís Ferreira)

 

(ESTARIA DE OLHOS FECHADOS, LUÍS FERREIRA?) (Isabel A. Ferreira)

 

- A tourada à corda é propagandeada como atractivo turístico e como evento festivo, muito interessante, popular, emocionante, desopilante, lucrativo, etc.

Na realidade o que ali acontece é grave:

Um grande sofrimento psicossomático para o touro, que arrisca ser ferido gravemente e até a morte;
(Vasco Reis)

 

Engraçado que quando falou no ambiente onde vivem os touros não falou na qualidade de vida que é proporcionada aos mesmos. (Luís Ferreira)

 

(POIS AQUI DEIXO UMA IMAGEM BEM REPRESENTATIVA DO MODO COMO OS BOVINOS, JÁ TORTURADOS PARA SEREM BRAVOS, VIVEM. O QUE VEMOS PODE SER CONSIDERADO “QUALIDADE DE VIDA”?) (Isabel A. Ferreira)


- Elementos do público, mais afoitos, mais exibicionistas, mais alcoolizados, mais estúpidos, menos ágeis, arriscam-se a sofrer acidentes mais ou menos graves e até mortais por quedas, colhidas pelo touro, síncopes, etc.. (Vasco Reis)

 

É verdade quem anda à chuva molha-se. ( Luís Ferreira)

 

(POIS, E ISTO É ALGO MUITO CULTURAL, MUITO EDUCATIVO, MUITO DIGNO DE GENTE CIVILIZADA, NÃO SERÁ? É ASSIM COMO IR À ÓPERA, OU AO TEATRO, OU A UM BAILADO, OU AO CINEMA, OU A UMA EXPOSIÇÃO DE ARTE PLÁSTICA, NÃO É LUÍS FERREIRA? (Isabel A. Ferreira)

- Despesas várias, desde organizativas (policiamento, bombeiros, ambulância, pessoal médico e enfermeiro, médico veterinário. Etc.) até outras, mais do que prováveis, em consequência de acidentes, tais como, de exames clínicos, hospitalização, cirurgia, morgue, autópsia, funeral, tudo à custa de dinheiros públicos alimentados pelos impostos dos contribuintes; (Vasco Reis)

 

Quem paga as despesas organizativas é a organização, nomeadamente e maioritariamente os Impérios do Divino Espirito Santo, que não recebem verba nenhuma de nós contribuintes. (Luís Ferreira)

 

(NÃO RECEBE VERBAS DOS CONTRIBUINTES? NÃO RECEBE POUCAS. QUEREM ENGANAR QUEM? ALÉM DISSO AINDA METEM O DIVINO ESPÍRITO SANTO NESTE ACTO IGNÓBIL? MAL VAI A IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA, QUE DÁ MAU EXEMPLO, UM EXEMPLO CONTRÁRIO A TODOS OS ENSINAMENTOS DE JESUS CRISTO). (Isabel A. Ferreira)


- Daí resulta uma reputação lastimável para a cultura, para a ética das gentes, das autoridades, da Ilha, da Região. (Vasco Reis)

 

Mais uma vez retrata a sua opinião e só sua. (Luís Ferreira)

 

(NÃO É A OPINIÃO DO DR. VASCO. REPITO. É UM FACTO DEMONSTRÁVEL E REPROVÁVEL EM TODO O MUNDO CIVILIZADO. SÓ OS AFICIONADOS AÇORIANOS NÃO VÊEM A REALIDADE QUE EXISTE FORA DA CERCA ONDE MALTRATAM OS BOVINOS). (Isabel A. Ferrreira)

- O interesse pelo turismo na Terceira fica muito abalado. (Vasco Reis)

 

Diz você. (Luís Ferreira)

 

(NÃO, NÃO É APENAS O DR. VASCO REIS QUE O DIZ. É (REPITO) TODO O MUNDO CIVILIZADO, TURISTAS CULTOS QUE REJEITAM VIAJAR PARA OS AÇORES, DEVIDO A ESTA NÓDOA NEGRA QUE EMPESTA OS AÇORES. ISTO É UM FACTO VERDADEIRO)

 

- É enorme a vergonha que recai sobre a Ilha Terceira e os Açores, por tanta exploração, por tanta tortura, por tanta mentira! (Vasco Reis)

Esta parte da mentira cabe-lhe que nem uma luva, o sr. Dr. médico veterinário está mal informado e ao publicar o que publicou mentiu, sim mentiu por diversas vezes, tem direito à sua opinião, mas terá de deixar de mentir. (Luís Ferreira)

 

POIS COMO VIU, LUÍS FERREIRA, O DR. VASCO REIS NÃO MENTIU. DISSE A VERDADE, PORQUE A CONHECE COMO NINGUÉM. VÓS É QUE SOIS UNS MENTIROSOS COMPULSIVOS, PORQUE A CEGUEIRA MENTAL NÃO VOS DEIXA VER A REALIDADE. E A REALIDADE É SÓ UMA:

 

A TAUROMAQUIA MORREU. (Isabel A. Ferreira)

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:22

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 28 de Janeiro de 2014

FESTA BRAVA OFERECE «ESCOLA DE VIDA»????

 

Como diz um açoriano culto: «Uma escola de vergonha, de deseducação e de incentivo à violência e ao desrespeito pela vida, ao mesmo tempo que envergonha os Açores e o seu povo. Haja vergonha na cara

 

 

 

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=790748714273057&set=gm.774650975896365&type=1&theater

 

***

É preciso ter muito descaramento, nenhuma vergonha na

cara e muitos ZEROS abaixo de Zero de lucidez e bom senso.

 

Como é possível, alguém no seu juízo perfeito dizer que os “valores” da tauromaquia são um “exemplo” na sociedade actual?

 

Bem, esses valores deverão ser os monetários, que enchem os bolsos de poucos. Do mal, o menor.

 

Quanto ao “exemplo” só se for de estupidez.Não há outro modo de classificar esta total inversão de valores.

 

***

«Enquanto o The Guardian dá destaque ao que verdadeiramente atrai o turista de qualidade aos Açores, lá vem a nódoa vergonhosa das touradas, estragar essa imagem e afugenta-los como aconteceu o ano passado com 50 ingleses e outros mais, que não toleram essas barbaridades, incompreensivelmente apoiadas com dinheiro dos nossos impostos.» (José Melo)

 

Abrir o link:

http://natur-mariense.blogspot.pt/2014/01/the-guardian-destaca-os-acores-como.html

 

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:38

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

A IGREJA CATÓLICA CENSUROU AS TOURADAS, E ESSA CENSURA AINDA ESTÁ EM VIGOR

 

Para os católicos que tanto vão à missa como assistem a touradas, cá vai um "lembrete" do Santo Concílio de Trento, cujos preceitos então aprovados mantêm validade:

 

"O espectáculo das touradas é indigno de ser visto pelos cristãos e não difere muito daquele desumano costume dos pagãos de combater contra as feras, com erro do povo ignorante. (...) com espectáculos desta natureza mais se ofende a Deus do que se lhe presta culto".

 

 
 

O Bispo Nuno Brás, bispo auxiliar de Lisboa (…) em animado convívio com toureiros, ganadeiros e aficionados. A Igreja Católica Apostólica Romana de mãos dadas com a tortura e sacrifício de animais para fins lúdicos. Os ensinamentos de Cristo, passam-lhes ao lado. Por essa razão e por outras, a I.C.A.R. vem perdendo clientes, ano após ano. Tenha vergonha Sr. Bispo!!!

 

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=266645920160274&set=a.156803474477853.1073741825.151451475013053&type=1&theater
***

VERGONHOSO: IGREJA E TAUROMAQUIA DE MÃOS DADAS!

MMM

 

 "Num acto inserido na visita pastoral à Paróquia de Vila Franca de Xira, o Bispo D. Nuno Brás e o Padre Ezequiel visitaram o Clube Taurino Vilafranquense e conviveram com toureiros, ganadeiros e aficionados."

 in farpasblog

Fonte:

 

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=713196812043998&set=a.469874876376194.107042.466818870015128&type=1

 

***

IGREJA E TOURADA

 

 

Vila "Viscosa" 13 Abril 2013

 A igreja Católica Apostólica Romana continua a imiscuir-se com praticas barbaras e medievais de tortura de bovinos. Os ensinamentos de Cristo, relativamente a misericórdia, bondade e decência são esquecidos. Estamos perante a suprema hipocrisia!

 

As elites da Igreja em Portugal assobiam para o ar, apostando no silêncio ensurdecedor quando confrontados com estas contradições intoleráveis. Não admira que percam clientes. Entretanto Cristo deve muito provavelmente contorcer-se com o comportamento miserável desta escória!

via Porto anti-touradas

 

Fonte:

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.576744602368199.1073741825.175436649165665&type=1

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:23

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 26 de Janeiro de 2014

O FIASCO DO FÓRUM MUNDIAL DA CULTURA TAUROMÁQUICA NOS AÇORES

 

É desta plantação de biodiversidade que se fala?

 

«AGRICULTOUROS – TOUROS PLANTAM BIODIVERSIDADE????»

Por Dr. Vasco Reis 

 

26 de Janeiro de 2014 às 11:10

 

Ou será uma falácia para servir a ânsia de inventar vantagens ambientais da criação de gado bravo  que serve para as touradas ***???

 

A informação objectiva que eu tenho, é que o gado bravo ocupa largas áreas da Ilha Terceira, o que impede que essas áreas sejam percorridas por pessoas/turistas com gosto por passeios na natureza.

 

Por isso, tais potenciais turistas devem procurar outros destinos, que não a Ilha Terceira.

 

A presença desses animais representa um perigo para quem inadvertidamente, ou por não conhecer a zona, ande por ali.

 

Já aconteceram ataques por touros.

 

- A tourada à portuguesa implica uma enorme tortura para touros e cavalos e é degradante para a sociedade e para o prestígio do país.

 

- A Sorte de Varas como autorizada em Espanha, não é permitida em Portugal. É uma modalidade de tortura maquiavélica destinada a perfurar e destruir musculatura do pescoço do touro, que deixará de poder levantar a cabeça ao investir contra o toureiro. O animal sangrando, debilitado, torturado por dores fortíssimas, fica impossibilitado para a luta.

 

Agora as autoridades estão "generosamente" a autorizar este massacre para agradar aos visitantes do FÓRUM, desrespeitando a lei proibitiva.

 

- A tourada à corda é propagandeada como atractivo turístico e como evento festivo, muito interessante, popular, emocionante, desopilante, lucrativo, etc.

 

Na realidade o que ali acontece é grave:

 

- Um grande sofrimento psicossomático para o touro, que arrisca ser ferido gravemente e até a morte;

 

- Elementos do público, mais afoitos, mais exibicionistas, mais alcoolizados, mais estúpidos, menos ágeis, arriscam-se a sofrer acidentes mais ou menos graves e até mortais por quedas, colhidas pelo touro, síncopes, etc..

 

- Despesas várias, desde organizativas (policiamento, bombeiros, ambulância, pessoal médico e enfermeiro, médico veterinário. Etc.) até outras, mais do que prováveis, em consequência de acidentes, tais como, de exames clínicos, hospitalização, cirurgia, morgue, autópsia, funeral, tudo à custa de dinheiros públicos alimentados pelos impostos dos contribuintes;

 

Daí resulta uma reputação lastimável para a cultura, para a ética das gentes, das autoridades, da Ilha, da Região.

 

O interesse pelo turismo na Terceira fica muito abalado.

 

É enorme a vergonha que recai sobre a Ilha Terceira e os Açores, por tanta exploração, por tanta tortura, por tanta mentira!

 

Vasco Reis

(Médico Veterinário – Aljezur)

 

***

A TAUROMAQUIA ESTÁ MORTA, SÓ ELES NÃO VÊEM…

 

90.000 mil Euros deitados ao lixo…

ÇÇÇÇÇ

2012/2014 - QUAL A DIFERENÇA?

 

SÃO MAIS 60 MIL EUROS, subsídio que o Governo Regional dos Açores aprovou para ajudar a pagar as despesas com o Fórum Mundial da cultura taurina, que se irá realizar na ilha Terceira.

 

Em 2014: Este ano, o orçamento da organização do evento ronda os 90 mil euros, o que representa uma quebra em relação à anterior edição, devido a uma redução da comparticipação do Governo Regional de 75 para 60 mil euros.

 

http://goo.gl/FEJIPa

 

Em 2012: DLR n.º 18/2005/A de 20 de Julho, no 1.º Semestre do Ano de 2011:

 

- II Fórum Mundial de cultura taurina, 75.000€

 

Meia dúzia de labregos!!! Tanto dinheiro gasto para fazer vontades a meia dúzia de labregos!!! O que me delícia a alma, é que isto mostra o evidente declínio desta actividade bárbara e decadente! A tauromaquia está moribunda...! As fotos falam por si!

 

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=712111268821321&set=a.495946477104469.119091.459036527462131&type=1&theater

 

***

 

 *** A CRIAÇÃO DE GADO BRAVO QUE SERVE PARA TOURADA SÃO AQUELES HERBÍVOROS MANSOS E RUMINANTES QUE OS TORCIONÁRIOS TORTURAM ANTES DA FUNÇÃO. DAÍ FICAREM "BRAVOS". PUDERA! QUALQUER UM DE NÓS FICARIA MAIS DO QUE BRAVO, SE ENERGÚMENOS DESQUALIFICADOS VIESSEM TORTURAR-NOS. AUTODEFESA. PURA E SIMPLES, QUE NADA TEM A VER COM SER-SE "BRAVO" - A GRANDE FALÁCIA DOS AFICIONADOS, UMA VEZ QUE NÃO EXISTE "TOURO BRAVO" NA NATUREZA.



 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:00

link do post | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos
Sábado, 25 de Janeiro de 2014

JAPÃO: MATANÇA DE GOLFINHOS CONTINUA APESAR DAS CRÍTICAS INTERNACIONAIS

 

«Quem não tem a lucidez de ceder às críticas, quando está em causa a VIDA, não merece o mínimo respeito»

 

 

Publicado em 25 de Janeiro de 2014

 

Todos os anos a cena repete-se: centenas de golfinhos são encurralados pelos pescadores na baía de Taiji, na costa do Japão, apesar das críticas internacionais e das organizações ambientalistas. Depois de alguns dias encurralados na baía, os golfinhos ou são libertados no mar, enviados para cativeiro e vendidos a jardins zoológicos ou acabam esquartejados para consumo.

 

A matança começou na passada sexta-feira e, actualmente, estima-se que estejam cerca de 250 golfinhos encurralados, refere o Guardian. Entre os animais presos estão adultos, crias e um raro golfinho albino.

 

O processo começa com os pescadores a tapar o acesso à baia com uma lona para impedir o olhar dos jornalistas e dos activistas que anualmente tentam fotografar o acontecimento. Depois, com a ajuda de barcos a motor e de redes de pesca, os pescadores encaminham os animais para a baía, uma zona de águas pouco profundas. Posteriormente, outros pescadores equipados de fatos de mergulho lutam com os animais até à exaustão e prendem-lhes as barbatanas com cordas para que estes não possam fugir.

 

“Foi usada uma barra de metal para lhes esfaquear a espinal medula e os golfinhos são deixados a sangrar, sufocar e morrer”, afirmou à Reuters Melissa Sehgal, da organização ambientalista Sea Sheperd.

 

A captura e matança de golfinhos é uma prática centenária nesta região do Japão e é fortemente defendida pelos moradores e pelas autoridades, que alegam que a prática não está banida em nenhum tratado internacional e que a espécie não está em perigo de extinção.

 

Figuras internacionais juntam-se às críticas

 

Não são só as organizações ambientalistas que condenam esta prática anual japonesa. Este ano foram várias a figuras que se posicionaram contra a prática. A intervenção mais surpreendente foi a da artista japonesa Yoko Ono, que esta terça-feira publicou uma carta na sua página da Internet, onde pedia aos pescadores de Taiji que abandonassem a impopular caça anual de golfinhos, já que tal prática gerava “ódio” de outros países”. Na missiva, dirigida aos pescadores e ao primeiro-ministro nipónico, Yoko Ono pedia para que observassem a situação de um ponto de vista “mais amplo” e compreendessem que o Japão necessita da “simpatia e ajuda do resto do mundo”.

 

Também a embaixadora dos Estados Unidos no Japão, Caroline Kennedy, expressou “profunda preocupação” com a caça aos golfinhos.

 

“Extremamente preocupada pela inumanidade da caça e matança de golfinhos”, escreveu a embaixadora num tweet durante o fim-de-semana, indicando ainda que o governo norte-americano se opunha à prática.

 

Atitude semelhante teve também o embaixador do Reino Unido no Japão. “O Reino Unido opõe-se a todas as actividades com golfinhos e botos, que causam sofrimentos terríveis.

 

Foto: rickyqi / Creative Commons

Fonte:

http://greensavers.sapo.pt/2014/01/25/japao-matanca-de-golfinhos-continua-apesar-das-criticas-internacionais/

 

***

Além de tudo isto, a embaixada japonesa tem recebido centenas de protestos contra este BIOCÍDIO (crime cometido contra animais não humanos), que os cobardes governantes japoneses teimam em preservar em nome de um costume cruel e primitivo (que nada tem a ver com tradição) que já não faz mais sentido nos tempos modernos.

 

Avançados na tecnologia, mas afastados da mentalidade moderna, será um JAPÃO RETRÓGRADO.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:36

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 24 de Janeiro de 2014

A ORGANIZAÇÃO DO III FÓRUM DA “CULTURA” TAURINA DIZ QUE É PRECISO DEFENDER A TRADIÇÃO E A “CULTURA” TAUROMÁQUICA

 

Em causa estão os crescentes protestos contra as corridas de touros.

 

Os “valores” da tauromaquia é o tema do fórum.

 

De acordo com a organização, esses valores são económicos, educativos, culturais e, sobretudo, ecológicos.

 

 

É esta “cultura” que se vê na imagem que é preciso defender?

 

Que valor educativo, cultural e sobretudo ecológico tem esta “atitude” perante o bovino?

 

Os valores económicos sabemos que vão para os bolsos de alguns...

 

Mas gostaríamos de saber o que é que a tortura de um bovino manso e herbívoro tem de cultural ou educativo ou ecológico para merecer "defesa" num fórum, onde se gasta 90.000 Euros?

 

Podem fazer o favor de responder a estas questões?

 

Se nos responderem racionalmente, prometemos retirar a crítica que fizemos a este “evento”.

 

Fica aqui o desafio.

 

(O vídeo da defesa da tortura dos bovinos)

http://www.rtp.pt/acores/?article=35131&visual=3&layout=10&tm=7
publicado por Isabel A. Ferreira às 19:02

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

ANTÓNIO BARRETO ESCREVEU ...

A CRUELDADE ESCONDIDA DA ...

SE A IGNORÂNCIA PAGASSE I...

TAURICIDA ESPANHOL FICA G...

CARTA ABERTA A MARCELO RE...

« O TOUREIO TEM OS DIAS C...

«VINHO, TOUROS E MULHERES...

ENTÃO NÃO SE VÊ LOGO QUE ...

RÁDIO CLUBE DE ANGRA COME...

SENTENÇA JUDICIAL: «A TAU...

Arquivos

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados
RSS

ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

BLOGUES

O Lugar da Língua Portuguesahttps://blogcontraatauromaquia.wordpress.comhttp://mgranti-touradas.blogspot.pt/https://protouro.wordpress.comhttps://protouro.wordpress.comhttp://animasentiens.com/http://www.matportugal.blogspot.pt

CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt