Sexta-feira, 29 de Novembro de 2013

«O ÚNICO ARGUMENTO LEGÍTIMO E VERDADEIRO QUE TÊM OS AFICIONADOS É O DE A TOURADA SER UM ESPECTÁCULO LEGALIZADO…»

 


Por: Cristina D'Eça Leal


«O único argumento legítimo e verdadeiro que têm [os aficionados], é o de a tourada ser um espectáculo legalizado e, como tal, terem todo o direito a participar. Ponto final porque acabam aí os argumentos válidos. O Sr. que fala em adrenalina ou no sangramento para alívio do touro obviamente não entende nada de biologia, de fisiologia ou de comportamento animal; percebe apenas da sua adrenalina quando assiste a espectáculos de violência. Essa dos sangramentos para alívio dos humores foi uma prática médica muito em voga na Idade Média mas abandonada posteriormente.


O que está na base do movimento anti-touradas não é claramente uma questão de gostos. Os gostos não se discutem. O pior é quando os nossos gostos colidem com a vida ou a integridade física de outros. Gostar é diferente de amar ou respeitar. É por demais evidente que os pedófilos gostam de crianças; mas é uma maneira de gostar que passa pela exploração dos menores e pela negação dos seus direitos.


Os que vivem da indústria tauromáquica cuidam dos touros porque vivem da sua exploração; se eles não lhes trouxessem rendimento, duvido que tratassem deles em regime pro-bono. Mas fica o desafio: vamos ver quantos aficionados amam verdadeiramente a raça taurina e se dispõem a cuidar dos exemplares existentes quando acabarem as touradas. Como fazem, por exemplo, as associações de animais por este país fora, que abnegadamente se dedicam a cuidar de cães e gatos abandonados.


Outra falácia comum para fugir à discussão séria sobre ética é comparar a vida em liberdade que precede a tortura na arena à vida dos animais em criação intensiva. É claro que a criação intensiva é uma ignomínia, mas não invalida que as corridas de touros não constituam também uma ignomínia.


Aqui podemos cair na questão de comparar coisas parvas como campos de concentração, por exemplo: seria melhor acabar em Auschwitz ou em Treblinka? É melhor morrer à nascença ou aos 4 anos? Com uma facada no peito ou afogado? Tudo isto são questões absolutamente laterais e cujo único objectivo é desviar a atenção de uma pergunta muito simples: é eticamente aceitável criar um animal para o massacrar publicamente e ganhar dinheiro assim? Se respondermos sim, abrimos a porta para as lutas de cães, de galos, e até de indivíduos que, por grande carência financeira ou mesmo falta de neurónios, se disponham a entrar num recinto e participar numa luta de morte em jeito de espectáculo.


Há quem goste de ver. E se vamos pela quantidade de público a assistir, nada batia os linchamentos públicos nos pelourinhos. Mas isso também acabou; houve uma altura em que passámos a considerar isso um espectáculo incorrecto e imoral.»

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=214250355424408&set=a.105563109626467.7657.100005183347345&type=1&theater

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:20

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

O POVO DEVE SABER COMO ESTÁ A SER ENGANADO PELA TROIKA PS-PSD-CDS, QUE DEVE SER JULGADA E BANIDA

(Recebido via-email)

SERÁ VERDADE?

 Numa altura em que vêm aí mais cortes convém pensar...

 

O que nenhum governante fala nem tão pouco nenhum dos possíveis "futuros" governantes fala, e que todos sabem e nem sempre denunciam.

 

NENHUM GOVERNANTE FALA NISTO:

 

O que a Troika queria aprovar e não conseguiu!

 

1. Reduzir as mordomias (gabinetes, secretárias, adjuntos, assessores, suportes burocráticos respectivos, carros atestados, motoristas, etc.) dos ex-Presidentes da República.

 

2. Redução do número de deputados da Assembleia da República para 80, profissionalizando-os como nos países a sério. Reforma das mordomias na Assembleia da República, como almoços opíparos, com digestivos e outras libações, tudo à custa do pagode.

 

3. Acabar com centenas de Institutos Públicos e Fundações Públicas que não servem para nada e, têm funcionários e administradores com 2º e 3º emprego.

 

4. Acabar com as empresas Municipais, com Administradores a auferir milhares de euro/mês e que não servem para nada, antes, acumulam funções nos municípios, para aumentarem o bolo salarial respectivo.

 

5. Por exemplo as empresas de estacionamento não são verificadas porquê? E os aparelhos não são verificados porquê? É como um táxi, se uns têm de cumprir porque não cumprem os outros? E se não são verificados como podem ser auditados*?

 

6. Redução drástica das Câmaras Municipais e Assembleias Municipais, numa reconversão mais feroz que a da Reforma do Mouzinho da Silveira, em 1821.

 

7. Redução drástica das Juntas de Freguesia. Acabar com o pagamento de 200 euros por presença de cada pessoa nas reuniões das Câmaras e 75 euros nas Juntas de Freguesia.

 

8. Acabar com o Financiamento aos partidos, que devem viver da quotização dos seus associados e da imaginação que aos outros exigem, para conseguirem verbas para as suas actividades.

 

9. Acabar com a distribuição de carros a Presidentes, Assessores, etc., das Câmaras, Juntas, etc., que se deslocam em digressões particulares pelo País.

 

10. Acabar com os motoristas particulares 20 h/dia, com o agravamento das horas extraordinárias... para servir suas excelências, filhos e famílias e até, os filhos das amantes...

 

11. Acabar com a renovação sistemática de frotas de carros do Estado e entes públicos menores, mas maiores nos dispêndios públicos.

 

12. Colocar chapas de identificação em todos os carros do Estado. Não permitir de modo algum que carros oficiais façam serviço particular tal como levar e trazer familiares e filhos, às escolas, ir ao mercado a compras, etc.

 

13. Acabar com o vaivém semanal dos deputados dos Açores e Madeira e respectivas estadias em Lisboa em hotéis de cinco estrelas pagos pelos contribuintes que vivem em tugúrios inabitáveis.

 

14. Controlar o pessoal da Função Pública (todos os funcionários pagos por nós) que nunca está no local de trabalho. Então em Lisboa é o regabofe total. HÁ QUADROS (directores gerais e outros) QUE, EM VEZ DE ESTAREM NO  SERVIÇO PÚBLICO, PASSAM O TEMPO NOS SEUS ESCRITÓRIOS DE ADVOGADOS A CUIDAR DOS SEUS INTERESSES, QUE NÃO NOS DÁ COISA PÚBLICA.

 

15. Acabar com as administrações numerosíssimas de hospitais públicos que servem para garantir tachos aos apaniguados do poder - há hospitais de província com mais administradores que pessoal administrativo. Só o de PENAFIEL TEM SETE ADMINISTRADORES PRINCIPESCAMENTE PAGOS... pertencentes ás oligarquias locais do partido no poder.

 

16. Acabar com os milhares de pareceres jurídicos, caríssimos, pagos sempre aos mesmos escritórios que têm canais de comunicação fáceis com o Governo, no âmbito de um tráfico de influências que há que criminalizar, autuar, julgar e condenar.

 

17. Acabar com as várias reformas por pessoa, de entre o pessoal do Estado e entidades privadas, que passaram fugazmente pelo Estado.

 

18. Pedir o pagamento dos milhões dos empréstimos dos contribuintes ao BPN e BPP.

 

19. Perseguir os milhões desviados por Rendeiros, Loureiros e Quejandos, onde quer que estejam e por aí fora.

 

 

 

20. Acabar com os salários milionários da RTP e os milhões que a mesma recebe todos os anos.

 

21. Acabar com os lugares de amigos e de partidos na RTP que custam milhões ao erário público.

 

22. Acabar com os ordenados de milionários da TAP, com milhares de funcionários e empresas fantasmas que cobram milhares e que pertencem a quadros do Partido Único (PS + PSD ).

 

23. Acabar com o regabofe da pantomina das PPP (Parcerias Público Privado), que mais não são do que formas habilidosas de uns poucos patifes se locupletarem com fortunas à custa dos papalvos dos contribuintes, fugindo ao controle seja de que organismo independente for e fazendo a "obra" pelo preço que "entendem".

 

24. Criminalizar, imediatamente, o enriquecimento ilícito, perseguindo, confiscando e punindo os biltres que fizeram fortunas e adquiriram patrimónios de forma indevida e à custa do País, manipulando e aumentando preços de empreitadas públicas, desviando dinheiros segundo esquemas pretensamente "legais", sem controlo, e vivendo à tripa forra à custa dos dinheiros que deveriam servir para o progresso do país e para a assistência aos que efectivamente dela precisam;

 

25. Controlar rigorosamente toda a actividade bancária por forma a que, daqui a mais uns anitos, não tenhamos que estar, novamente, a pagar "outra crise".

 

26. Não deixar um único malfeitor de colarinho branco impune, fazendo com que paguem efectivamente pelos seus crimes, adaptando o nosso sistema de justiça a padrões civilizados, onde as escutas VALEM e os crimes não prescrevem com leis à pressa, feitas à medida.

 

27. Impedir os que foram ministros a virem a ser gestores de empresas que tenham beneficiado de fundos públicos ou de adjudicações decididas pelos ditos.

 

28. Fazer um levantamento geral e minucioso de todos os que ocuparam cargos políticos, central e local, de forma a saber qual o seu património antes e depois.

 

29. Pôr os Bancos a pagar impostos.

 

Assim e desta forma, Sr. Ministro das Finanças, recuperaremos depressa a nossa posição e sobretudo, a credibilidade tão abalada pela corrupção que grassa e pelo desvario dos dinheiros do Estado.

 

Ao "povo", pede-se o reencaminhamento deste e-mail, até percorrer todo o País.

 

POR TODOS NÓS, NOSSOS FILHOS E NETOS.


publicado por Isabel A. Ferreira às 11:40

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 28 de Novembro de 2013

“ARGUMENTOS BRILHANTES” EM DEFESA DA “ARTE” TAUROMÁQUICA

UM TEXTO POLITICAMENTE INCORRECTO QUE PODE CHOCAR AS PESSOAS MAIS SENSÍVEIS

 

Este texto vai à atenção daquela maioria dos Senhores Deputados da Assembleia da República (PSD/CDS e alguns PS e PCP) que fomenta a mediocridade entre uma minoria completamente imbecil, obscena, inculta e imoral. 

 

Esta é a linguagem típica argumentativa daqueles que a maioria dos deputados da nação, através de leis bastardas, irracionais e ilegais promove e apoia.

 

O tipo de comentários, que aqui deixarei, é oriundo de aficionados  e aficionadas terceirenses, limianos, barranquenhos, forcados, gente de um jornal açoriano, e bloguistas pró touradas, entre outros.

É ESTA A "CULTURA" QUE SE FOMENTA EM PORTUGAL.

A incultura é uma situação que aprisiona o homem tão hermeticamente como um cárcere» – Simone de Beauvoir)

 

Trata-se da incultura gerada pela imoralidade intrínseca aos actos violentos e cruéis produzidos pela prática da tauromaquia, e não vou pedir desculpa por publicar a indecência que se segue, porque é precisamente essa maioria parlamentar que favorece e estimula essa indecência, negligenciando a verdadeira Cultura, por desconhecer que a tortura e a violência não são legisláveis, e a falta de instrução do povinho aficionado tem origem em quem gere o sistema educativo e aprova leis irracionais em Portugal.

 

Para justificar o despautério que se segue, transcreverei um excerto do que disse certa vez o célebre psiquiatra Eduardo Luiz Cortezão, a propósito de um dito de Natália Correia (que tinha uma visão lúcida e um modo de ser extremamente acutilante), e que encaixa que nem uma luva nos aficionados, e toureiros e forcados (quando se refere a “jovens”) que comentaram o que comentaram no meu Blog: «O homem actual está a viver uma crise de identificação masculina, com medo das mulheres e das disfunções sexuais secundárias. A violência é uma forma de descarregar a libido: bater em vez de amar; em vez da luta amorosa, a luta física (e eu acrescento também verbal). Os maus tratos que inflige às mulheres com quem vive, fenómeno entre nós medonho, não passa de um álibi (inconsciente) com que disfarça a sua falta de desejo por elas. Os jovens, por exemplo, rebentam coisas, carros, motos, pessoas (e eu acrescento, Touros), porque não podem rebentar hímenes»

 

(in «O Botequim da Liberdade» de Fernando Dacosta)

 

***

O que se segue são apenas os mais recentes, dos milhares de comentários que tenho recebido (todos de aficionados diferentes) nesta linguagem fomentada pelo sistema educativo português e pela incultura que propaga através de leis, linguagem própria dos aficionados e aficionadas, que se escondem no anonimato, uns, e em nomes falsos, outros, e a qual diz não só de uma “intelectualidade” do mais baixo nível, como de toda uma envolvente sexual mal resolvida, motivada por múltiplas frustrações, exorcizadas sobre um animal indefeso, com uma violência visceral, que a maioria parlamentar apoia, e também uma violência verbal que projecta na autora do Blog o que eles na realidade são (trata-se da Síndrome da Projecção Freudiana).

 

***

 

Anónimo disse sobre ONDE ESTAVAM AS AUTORIDADES DA CHAMUSCA QUE VIOLARAM AS SUAS FUNÇÕES PERMITINDO ESTE ATENTADO CONTRA OS DIREITOS DAS CRIANÇAS? na Terça-feira, 13 de Maio de 2014 às 20:50:     

 

Vai mas é tomar conta do filho deficiente que metes-te neste mundo e vai para a puta que te pariu ó vaca de útero mal formado !!

***

Anónimo disse sobre OUTRA ANEDOTA DA prótoiro, QUE NÃO DÁ UMA PARA A CAIXA na Quarta-feira, 23 de Abril de 2014 às 22:16:     

 

Ó puta vai mas é cuidar do teu filho deficiente e deixa os filhos do outros em Paz , és uma puta invejosa como pariste um filho deficiente agora tens inveja dos filhos dos outros , puta mata-te que é um bem que fazes à humanidade e assim já não andas para aqui a parir filhos deficientes grande puta

 

***

Anónimo  disse sobre PSICOPATAS: ELES ANDAM POR AÍ… na Sexta-feira, 18 de Abril de 2014 às 04:01:

 

Psicopata és tu minha grande puta mal fudida

 

***

 

Anónimo   disse sobre OUTRA ANEDOTA DA prótoiro, QUE NÃO DÁ UMA PARA A CAIXA na Sexta-feira, 18 de Abril de 2014 às 04:04:

 

Ó puta preocupa-te com o deficiente do teu filho e deixa os outros em paz . Não passas de uma puta que só serve para parir filhos deficientes és uma merda de mulher e de mãe . Gajas como tu devia ser castradas

 

***

Anónimo disse sobre “ARGUMENTOS BRILHANTES” EM DEFESA DA “ARTE” TAUROMÁQUICA no Domingo, 1 de Dezembro de 2013 às 23:55:

     

 Coitadinho o Paneleirote e a puta ficaram enojados ?

 

***

Anónimo disse sobre CARTA DO MÉDICO VETERINÁRIO, DR. VASCO REIS, ENVIADA AO DEPUTADO NUNO MAGALHÃES na Sexta-feira, 29 de Novembro de 2013 às 02:15:

     

 

Olha ó puta bem podes dizer aí ao merdinhas de veterináriozeco que pode deixar as drogas .


***

Anónimo disse sobre A TOURADA É UM ACTO DE CRUELDADE E COBARDIA na Quarta-feira, 27 de Novembro de 2013 às 02:35:      

 

Tu vais é exigir a puta que te pariu

 

***

Anónimo disse sobre SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA É MELHOR PEDIR A DEMISSÃO, PORQUE AS DECLARAÇÕES DE V. EXA. SOBRE O REGULAMENTO TAUROMÁQUICO FORAM INCULTAS no Sábado, 23 de Novembro de 2013 às 02:46: 

Ó puta mal fudida que nem para esterco serves, tu e os teus amiguinhos paneleiros e as puta como tu têm os dias contados as autoridades já estão a elaborar planos de contingência para lidar com a merda como vocês, num tempo muito perto as vossas manifs e ajuntamentos serão proibidos e as vossas associações criminalizadas, como já é feito em França e já no Próximo ano em Espanha.

 

***

Anónimo disse sobre A ASSOCIAÇÃO DE TRADIÇÕES (?) E CULTURA (?) TAUROMÁQUICA (ATCT) ESTÁ A PENSAR REALIZAR ACÇÕES TAURICIDAS EM 2014? no Sábado, 23 de Novembro de 2013 às 02:48:

Pois é ó puta de merda a tí é que te vai sair o tiro pela culatra

 

***

Anónimo disse sobre ESSENCIALMENTE PARA OS TAURO-TORTURADORES: QUANDO RESPEITAREM OS ANIMAIS, DEIXAREI DE IMISCUIR-ME NO QUE FAZEM… na Quinta-feira, 21 de Novembro de 2013 às 05:25:     

Mas alguma vez uma puta doente mental como tu faz alguam coisa contra a Tourada ? Interna-te que é o melhor que fazes ó puta nojenta e mal fudida.

 

***

Anónimo disse sobre SENHOR SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA É MELHOR PEDIR A DEMISSÃO, PORQUE AS DECLARAÇÕES DE V. EXA. SOBRE O REGULAMENTO TAUROMÁQUICO FORAM INCULTAS na Quinta-feira, 21 de Novembro de 2013 às 05:27:      

O Senhor Secretário de Estado da Cultura está-se a cagar para o que tu pensas ó puta mal fudida e nojenta

 

***

Anónimo disse sobre O “CORREIO DA MANHÔ FAZ PERGUNTAS E AS RESPOSTAS SÃO SEMPRE NÃOOOOOOOOOOOOO! no Sábado, 16 de Novembro de 2013 às 19:24: 

A manipulação que existe é o que estas putas e paneleiros dos anti-touradas metem que quando estes resultados foram copiados eles tinham já todos votado e os aficionados ainda não tinham votado, mas é assim que esta corja de filhos da puta drogados e doentes mentais funciona.

 

***

Anónimo  disse sobre ESTA É UMA DAQUELAS IMAGENS QUE DEFINEM A INSANIDADE DOS GOVERNANTES E O ATRASO MENTAL DE QUEM PRATICA, APLAUDE E APOIA A TAUROMAQUIA na Quarta-feira, 13 de Novembro de 2013 às 18:08:      

E este mais um texto de uma puta deficiente mental.

 

***

Anónimo disse sobre ESTA NOTÍCIA FAZ-ME MUITO FELIZ, E BREVEMENTE EM PORTUGAL GRITAREMOS TAMBÉM VITÓRIA! na Quinta-feira, 14 de Novembro de 2013 às 19:39:

Então minha grade puta não publicas a noticia onde desmente o que tu aqui dizemaisEntão minha grade puta não publicas a noticia onde desmente o que tu aqui dizes?

 

(NÃO HAVIA NADA PARA DESMENTIR)

 

***

Desconhecido disse sobre NOVA CARTA AOS SENHORES DEPUTADOS DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA PORTUGUESA na Segunda-feira, 11 de Novembro de 2013 às 13:44: 

Vocês antis é que se vão enterrar, porque a tauromaquia está bem protegida. E não é um bando de putas e paneleiros drogados como vocês que lhe fará frente

 

(ATENÇÃO AQUI: «A TAUROMAQUIA ESTÁ BEM PROTEGIDA». POR QUEM SENHORES DEPUTADOS?)

 

***

Anónimo disse sobre NOVA CARTA AOS SENHORES DEPUTADOS DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA PORTUGUESA no Domingo, 10 de Novembro de 2013 às 22:51:    

Não passas mesmo de uma puta nojenta e deficiente mental , putas como tu deviam ser mortas à nascença , merda como tu são a RALÉ da Sociedade , mas o vosso tempo está a chegar ao fim , em França e em Espanha já começaram a tratar da merda como tu e os teus seguidores animalescos da forma como devem ser tratados LIXO que é aquilo que vocês são .

 

***

Anónimo disse sobre NOVA CARTA AOS SENHORES DEPUTADOS DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA PORTUGUESA na Sexta-feira, 8 de Novembro de 2013 às 17:26:

Ó puta os deputados tem mais com que se preocupar do que com as tuas merdas. OlmaisÓ puta os deputados tem mais com que se preocupar do que com as tuas merdas. Olha já agora gostaste da derrota que mais uma vez os paneleiros e putas anti-tourada tiveram em Espanha?

 

(A DERROA DE QUE ESTE FALA FOI A VITÓRIA DA CULTURA)

 

***

Anónimo disse sobre NOVA CARTA AOS SENHORES DEPUTADOS DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA PORTUGUESA na Quinta-feira, 7 de Novembro de 2013 às 22:49:      

Olha outra carta para os deputados limparem o traseiro.

 

***

Anónimo disse sobre CARTA DE JOSEFINA MALLER AOS DEPUTADOS DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA PORTUGUESA na Sexta-feira, 1 de Novembro de 2013 às 15:47:

Olha mais uma carta para os deputados limparem o rabo.

 

***

Anónimo (IP: 87.196.170.182) disse sobre CRIANÇAS PROCRIADAS POR AFICIONADOS ESTÃO CONDENADAS À ESTUPIDEZ na Quinta-feira, 31 de Outubro de 2013 às 23:33:

Olha ó puta doente mental és tu .Que além de uma merda de gaja , não passas maisOlha ó puta doente mental és tu .Que além de uma merda de gaja , não passas de uma racista frustrada ,sem amor e sexo muito menos não passas de uma reles amostra de jornaleira porque uma merda como tu nem jornalista se pode chamar !! Tu és o autentico cancro da sociedade que tem de ser o mais rapidamente combatido .

 

***

Anónimo disse sobre EM RODILHAN (SUL DE FRANÇA) MANIFESTANTES PACÍFICOS BRUTALMENTE ESPANCADOS QUANDO PROTESTAVAM CONTRA A TORTURA DE SERES INDEFESOS NESTA PRAÇA SEM PÚBLICO na Terça-feira, 29 de Outubro de 2013 às 19:55:

O que tu vais enterrar é um vibrador nesse cú já cheio de teias de aranha.

 

***

Anónimo disse sobre EM RODILHAN (SUL DE FRANÇA) MANIFESTANTES PACÍFICOS BRUTALMENTE ESPANCADOS QUANDO PROTESTAVAM CONTRA A TORTURA DE SERES INDEFESOS NESTA PRAÇA SEM PÚBLICO na Terça-feira, 29 de Outubro de 2013 às 14:57:

Deves pensar que os deputados te ligam alguma ó grande deficiente mental ,AlémmaisDeves pensar que os deputados te ligam alguma ó grande deficiente mental, Além de seres uma puta ranhosa não passas de uma merda de uma terrorista.

 

***

Anónimo, deixou um comentário ao post NOTÍCIA DE ÚLTIMA HORA: A ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA ADIA A DISCUSSÃO DO PROJECTO-LEI APRESENTADO PELA ASSOCIAÇÃO ANIMAL às 23:15, 2013-10-22.

Eu bem te disse ó idiota que os deputados iam limpar o trazeiro a essa petição e apelo

 

***

Desconhecido  disse sobre NOTÍCIA DO ANO – campo pequeno EM VERTIGINOSA QUEDA na Quarta-feira, 23 de Outubro de 2013 às 15:07:      

HAHAHAHAHAHAHA!!!!!!!! Que palhaçada! Vocês andam enterrados na merda de vaca.

 

***

Desconhecido disse sobre PAPA FRANCISCO TORNA-SE ACTIVISTA DOS DIREITOS DOS ANIMAIS - UM EXEMPLO DE COERÊNCIA COM OS DITAMES BÍBLICOS E ACÇÃO DO SEU REFERENCIAL SÃO FRANCISCO na Quarta-feira, 23 de Outubro de 2013 às 15:18:      

Viva o 25 de Outubro! Já temos papel para limpar o rabiosque! Viva!

 

***

Anónimo disse sobre CRIANÇAS PROCRIADAS POR AFICIONADOS ESTÃO CONDENADAS À ESTUPIDEZ na Quinta-feira, 31 de Outubro de 2013 às 01:26:

Já agora ó puta envia o teu relatório psiquiátrico que é para as autoridademaisJá agora ó puta envia o teu relatório psiquiátrico que é para as autoridades te internarem, já que uma merda como tu é um perigo para a sociedade e para as crianças.

 

***

Anónimo disse sobre CRIANÇAS PROCRIADAS POR AFICIONADOS ESTÃO CONDENADAS À ESTUPIDEZ na Quarta-feira, 30 de Outubro de 2013 às 17:49:

Crianças geradas por anti-taurinos saem putas e paneleiros.

 

***

Anónimo disse sobre EM RODILHAN (SUL DE FRANÇA) MANIFESTANTES PACÍFICOS BRUTALMENTE ESPANCADOS QUANDO PROTESTAVAM CONTRA A TORTURA DE SERES INDEFESOS NESTA PRAÇA SEM PÚBLICO na Terça-feira, 29 de Outubro de 2013 às 19:55:

O que tu vais enterrar é um vibrador nesse cú já cheio de teias de aranha.

 

***

Anónimo disse sobre EM RODILHAN (SUL DE FRANÇA) MANIFESTANTES PACÍFICOS BRUTALMENTE ESPANCADOS QUANDO PROTESTAVAM CONTRA A TORTURA DE SERES INDEFESOS NESTA PRAÇA SEM PÚBLICO na Terça-feira, 29 de Outubro de 2013 às 02:01:

Quem não respeita a lei e provoca a Policia leva no focinho !!! Pena das que camaisQuem não respeita a lei e provoca a Policia leva no focinho !!! Pena das que caíram no chão, Pena não estares lá tu também ó puta que assim tinhas levado no focinho também.

 

***

baby  disse sobre UNS MORREM, OUTROS FICAM TETRAPLÉGICOS… VALERÁ A PENA? no Sábado, 12 de Outubro de 2013 às 20:06:      

Você é uma ordinária desocupada, ocupe-se a coser as meias do seu esposo e a lavar a sua rata mal cheirosa.

***

Anónimo   disse sobre É ASSIM, A TOURADA À CORDA NOS AÇORES… UMA VERGONHA, QUE O MUNDO REJEITA E CONDENA… na Quinta-feira, 19 de Setembro de 2013 às 12:21: 

Só mesmo uma deficiente mental como tu grande vaca é que podia publicar isto, és uma merda de pessoa e de ser humano não vales a merda que os animais cagam.

 

***

Vera   disse sobre OS FORCADINHOS DE CORUCHE A AFRONTAR O POVO COM DINHEIROS PÚBLICOS na Quarta-feira, 19 de Junho de 2013 às 21: 

Tanta gaja que adora foder com os forcados e os paneleiros medricas a mostrarem-se .... Cmbada de palhaços de merda do bloco... Gays lésbicas paneleirões .... saibam ser putas pelo menos .... fodam.... não fodam o juizo aos outros cambada...

 

***

Desconhecido disse sobre A RTP DEVERÁ REDUZIR A TRANSMISSÃO DE TOURADAS, E A TVI PODERÁ TRANSMITIR APENAS A SUA CORRIDA ANUAL… na Quarta-feira, 12 de Junho de 2013 às 12:27:      

As corridas de toiros sao a melhor coisa que pode haver com tradisao...por isso e uma das melhores festas que portugual pode ter ..eu sou a favor das tradisoes i das corridas......os que nao gostam que nao vejam..ate porque defendem os animais em questao mas secalhar andam a matar caes i gatos.....po caralho pa

 

***

Helio Videira disse sobre OS TAURICIDAS JÁ ANDAM A TRAMAR TORTURA PARA FAZER CARIDADEZINHA… CONTINUAM NA IGNORÂNCIA… POBRES MENTES! DESCONHECEM O QUE AÍ VEM…na Terça-feira, 22 de Janeiro de 2013 às 22:05:

Sua GRANDESSÍSSIMA vaca... devias ter vergonha de usares o sofrimento de outros para explorares a teu belo prazer. Gostava de te torturar... sem vaselina... até às bolas... só por vingança. Sua P**A. A defenderem assim os bois só podes ser fêmea da mesma espécie.

 

***

Bem, penso que esta amostragem (os restantes comentários são do mesmo género) basta para revelar o calibre moral da minoria que a maioria parlamentar apoia.

 

Nestes comentários está a nata dos “argumentos” que os aficionados costumam apresentar com a intenção de defender o indefensável – a crueldade das touradas.

 

O tom da linguagem é este e repete-se indefinidamente.

 

Se a maioria dos Senhores Deputados, no próximo dia 6 de Dezembro, se dispuser a continuar a apoiar este género de “cultura” então teremos de concluir que não são diferentes destes comentadores que protegem (houve alguém que disse que a tauromaquia está bem protegida… Estará?)


E isto é o máximo de desprestígio para quem pretende ser os representantes de um Povo que não se revê neste comportamento de tão baixo nível.

 

DESTE MODO JÁ NÃO É MAIS POSSÍVEL MANTER A TAUROMAQUIA.
EXIGIMOS A SUA ABOLIÇÃO!

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:38

link do post | Comentar | Ver comentários (9) | Adicionar aos favoritos

CARTA DO MÉDICO VETERINÁRIO, DR. VASCO REIS, ENVIADA AO DEPUTADO NUNO MAGALHÃES

A propósito do despropósito tauromáquico do deputado AFICIONADO João Almeida

NÃO PRECISAMOS DE INSCIENTES NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA 

EXIGIMOS A ABOLIÇÃO DA TAUROMAQUIA JÁ!


Deputado João Almeida: «Hãããããa? Mas puseram-me aqui para dizer o que disse!!!!!»

 

 

***

 

 «Exmo. Senhor Deputado Nuno Magalhães

 

 Dgmo. Presidente do Grupo Parlamentar CDS/PP

 

 

A intervenção veemente do Senhor Deputado João Almeida em favor da tauromaquia revelou um profundo desconhecimento científico ou uma total indiferença pelo terrível sofrimento de touros e de cavalos; uma atroz ausência de compaixão e de sentido de ética; uma forte faceta oportunista e uma falta de vergonha e de respeito pelas muitas pessoas conscientes, que por justas razões abominam tal actividade, que só existe para gáudio de pessoas viciadas em violência e crueldade, para exibicionismo, para negócio em nome da tradição e até em vários sítios para inovação.

 

O acompanhamento por 25 pessoas que se retrataram como aficionados e elementos influentes da tauromaquia, feito nas galerias da AR durante a respectiva alocução, ilustra o papel do deputado como emissário deste grupo, pelos vistos, por ele bem avisado e com ele bem concertado.

 


O senso comum induz e a ciência confirma que os animais utilizados, touros e cavalos, sofrem muito psicológica e fisicamente antes, durante e depois das corridas. E muitos mais sofrerão em lides privadas para "treino e diversão tauromáquicos" por este país fora.

 


São estes seres dotados de fisiologia e de sistema nervoso semelhante aos do Senhor Deputado e, pelo menos, tanto como ele, sensíveis a claustrofobia, susto, medo, fúria, dor, esgotamento, infecção, doença, etc., mas que os aficionados pretendem ignorar e que deixa muita gente indiferente.

 


Muito mais haveria a argumentar, mas que até aborrece repetir, de tão óbvio.

 


Tratou-se, portanto, na minha opinião, de um acontecimento vergonhoso para o Senhor Deputado, para o seu Grupo Parlamentar, para o seu Partido, para o nosso Parlamento, para a reputação do nosso país, quiçá em nome de uma liberdade democrática que tem permitido a crueldade como espectáculo e que aceita agora esta sua apaixonada defesa na sede da nossa democracia, a Assembleia da República, sem que vozes da indignação se tenham feito ouvir.

 


Assino-me como um dos muitos portugueses que se envergonham deste acontecimento e que lastimam também a repercussão que isso vai ter no mundo evoluído.

 


Vasco Reis, médico veterinário

 

Aljezur»

 


***

 

Faço minhas as palavras do Dr. Vasco Reis.

 


Eu também me envergonho de haver “deputados” como João Almeida a dizer disparates na Assembleia da República, o órgão máximo dos representantes do povo português, cuja maioria esmagadora REPUDIA a imbecilidade da tauromaquia.

 


Ou não será?

 


Será o órgão máximo de um lobby ignorante e obscuro que pretende SUJAR o nome de Portugal, e a maioria parlamentar CONSENTE?

 


SHAME ON YOU!


publicado por Isabel A. Ferreira às 12:17

link do post | Comentar | Ver comentários (3) | Adicionar aos favoritos

ISTO É CRUELDADE PURA, CRUA, DURA... APOIADA POR UMA LEI IRRACIONAL EM PORTUGAL...

«Vamos avaliar esta foto com calma! 

Reparem a onde foram espetadas as farpas, de lado e não em cima do dorso do bovino, o animal está em sofrimento atroz com as farpas espetadas neste sitio ele move-se com esforço e muitas dores, o sangue é abundante e corre pela pele do animal. Uma verdadeira vítima da dita cultura de atrasados mentais, pessoas que ganham dinheiro às custas do sofrimento e morte dos animais.


 ISTO NÃO É ARTE

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=214503492065761&set=a.105563109626467.7657.100005183347345&type=1&theater

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 09:52

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 27 de Novembro de 2013

“TOURADAS”

António Maria Pereira (o pai dos Direitos dos Animais em Portugal)

 

Por Teófilo Braga


Acabei de ler um livrinho intitulado “Touradas” com textos da autoria de M. Dulce Penaguião e Parceria A.M. Pereira e prefácio do Dr. António Maria Pereira, editado em Lisboa, em 2005.


Para além de “belos poemas sobre os momentos do martírio do animal”, todos os interessados na temática dos direitos dos animais e consequentemente na leitura do livro, que se recomenda, terão acesso a uma breve resenha histórica da luta pela abolição da tauromaquia em Portugal e não só, com destaque para a “memória da luta ancestral anti- touradas no seio da própria Igreja Católica, a invocação do pensamento de ilustres portugueses do século XIX, e do momento grande do Direito Português – pela mão de Passos Manuel - na abolição das touradas em Portugal”.


Dos momentos mais altos da história universal destacamos uma Bula do Papa Pio V, de 1 de Novembro de 1567, onde «Pio, Bispo, servo dos servos de Deus», depois de considerar «esses espectáculos de se correrem touros e outras feras em corro ou praça… alheio da piedade e caridade cristã» proíbe e veda «por esta nossa Constituição, válida para sempre, e sob as penas de excomunhão e anátema, em que hão-de ocorrer se a isso contravierem, que em suas províncias, cidades, senhorios, vilas e lugares, permitam espectáculos, deste género, em que se corram toiros e outros animais…».


Infelizmente, o direito da Bula de Pio V apenas durou oito anos, tendo sido levantadas as excomunhões por Gregório XIII, por pressões de Filipe II, rei de Castela.


Em Portugal, ficará para sempre lembrado o decreto-lei de Passos Manuel e da Rainha D. Maria II, de 19 de Setembro de 1836, que determinou «que de ora em diante fiquem proibidas em todo o reino as corridas de touros» porque «são um divertimento bárbaro e impróprio de nações civilizadas».


O Dr. António Maria Pereira, no prefácio ao livro referido anteriormente, desmonta alguns dos estafados argumentos pró-touradas, como o da tradição que segundo ele «não pode obviamente sobrepor-se aos valores fundamentais da nossa civilização- e um desses valores é, precisamente, o da inadmissibilidade da tortura de homens ou de animais”» ou o da suposta “beleza” do espectáculo, escrevendo que «não há “beleza” que justifique o sofrimento ou a tortura de um homem ou de um animal».


No último parágrafo do mencionado prefácio, que a seguir se transcreve na íntegra, o Dr. António Maria Pereira dá a entender que, por mais areia que tentem colocar na engrenagem do progresso, mais cedo ou mais tarde acabará por ser respeitado o direito que todos os animais têm a serem respeitados:


«O vasto movimento universal pelos direitos dos animais não pára e dá-nos a certeza de que, tal como aconteceu com os autos-de-fé, com os enforcamentos públicos, com a escravatura e com tantas outras tradições bárbaras de épocas marcadas pela bestialidade dos costumes, as touradas estão fatalmente condenadas a desaparecer do mundo moderno


Mas, quem foi o Dr. António Maria Pereira?


O Dr. António Maria Pereira (1924-2009), foi advogado de profissão, tendo sido deputado à Assembleia da República, na primeira, quinta e sexta legislaturas, eleito em listas do Partido Social Democrata. Notabilizou-se no Parlamento Português pela defesa dos direitos dos animais, tendo sido o autor do projecto de lei que após a sua aprovação deu origem à primeira lei de protecção dos animais no país.


Na sua intervenção, em 1995, em defesa da aprovação da sua proposta afirmou: «Não podemos consentir que, em Portugal, se continue a torturar animais impunemente e que, como com frequência tem acontecido, os juízes a quem foram submetidos casos de crueldade com animais, para julgamento, se declarem impotentes e absolvam os réus por falta de lei aplicável! É uma questão cultural de ordem ética que está em causa. E é precisamente à luz da ética que deve entender-se a obrigação, que todos temos, de não torturar animais gratuitamente e de, na medida do possível, reduzir o seu sofrimento.»


Hoje, passados alguns anos, há que aprovar uma nova lei de protecção dos animais e há que dar continuidade ao labor daquele que foi algumas vezes menosprezado por colegas mas que é por muitos considerado o “pai dos direitos dos animais em Portugal”.


Teófilo Braga (Correio dos Açores, nº 2958, 27 de Novembro de 2013, p.16)

Fonte:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=756604501020812&set=a.166480236699911.42193.100000138080317&type=1&theater

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:23

link do post | Comentar | Ver comentários (3) | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 26 de Novembro de 2013

A TOURADA É UM ACTO DE CRUELDADE E COBARDIA


EXIGIMOS A ABOLIÇÃO DA TAUROMAQUIA JÁ!


A tourada é um acto de crueldade e cobardia de animais racionais, que incapazes de se comportarem como Homens, enfrentam outros animais que previamente e violentamente são enfraquecidos, torturados ou até assassinados.

É a completa ausência de valores e de princípios. Nada que seja digno de se chamar arte e cultura.

A arte dignifica o Homem, eleva-o ao estatuto de criador e a cultura mantém esse estatuto ao longo do tempo (Cândido Coelho)

 

Fonte:

 

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=521656554569033&set=a.458611217540234.1073741827.100001740791934&type=1&theater

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:20

link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos

EM 1809 O INTENDENTE GERAL DA POLÍCIA SERIA MUITO MAIS LÚCIDO DO QUE OS ACTUAIS RESPONSÁVEIS POR MANTER A NÃO-VIOLÊNCIA NA SOCIEDADE

 

 

Fonte da foto: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=676760622354747&set=a.472890756075069.108951.143034799060668&type=1&theater

O que aconteceu, então?

Em vez de evoluírem, regrediram, e Portugal continua a manter o foco sanguinário, que dissemina a violência, a crueldade e a incultura e inspira um povo (a minoria, felizmente) grosseiro.

Por isso continuamos no último mundo…


É CHEGADO O MOMENTO DE EXIGIR A ABOLIÇÃO DA TAUROMAQUIA EM PORTUGAL

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:47

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 25 de Novembro de 2013

«A DECADÊNCIA DA TAUROMAQUIA»

 

Este é um excelente texto escrito por um espanhol, relativo à dita “festa brava” em Espanha.

No entanto, podemos lê-lo como se no lugar de Espanha estivesse escrito Portugal, porque a situação é exactamente a mesma.

Sem tirar, nem pôr… Por isso…

… EXIGIMOS A ABOLIÇÃO DAS TOURADAS JÁ!

 


«Agoniza em declínio e ferida de morte», estas seriam as palavras com as quais, nos dias de hoje, se definiria a situação da tauromaquia em Espanha. Palavras que começam a ouvir-se da boca dos próprios ganadeiros, empresários, jornalistas, críticos taurinos, aficionados e toureiros.


A consciência social, a apatia dos aficionados da tourada, a falta de dinheiro, a forte crise financeira que golpeia Espanha, e o querer de alguns municípios estão a fazer com que hoje, mais do que nunca, a tauromaquia esteja mais próximo do precipício.


Desde 2007, as “festas” taurinas decresceram 47% em toda a Espanha. Os ganadeiros já destinam mais reses para os matadouros do que para as praças de Touros, e de dia para dia, contam com grandes perdas económicas, e já se pensa seriamente na alternativa dos matadouros como única via de escape.


A ferida aberta pela Catalunha em 2010, proibindo as corridas de touros, longe de cicatrizar, aprofunda-se cada vez mais, á medida que as Organizações de Defesa dos Animais, com o apoio de mais de 73% da população, continuam a trabalhar no sentido de abolir esta cruel “tradição”, digna de um povo primitivo.


Dois anos depois da sua proibição na Catalunha, parece que chega a vez de San Sebastián, onde o seu alcaide quer por fim a esta atrocidade e, deste modo, não derramar mais sangue inocente nas arenas.


«O sofrimento dos animais não deve converter-se num espectáculo público”, refere o alcaide Juan Carlos Izaguirre.


Não deixa de ser notório que com um país à beira de pedir resgate financeiro, se esbanjem mais de 500 milhões de euros em “festas” taurinas e apesar de usarem a palavra “austeridade” muitos municípios continuam a endividar-se ano após ano, realizando corridas de touros em praças cada vez mais vazias.


Apesar de 73% dos cidadãos estarem contra ou serem indiferentes à tauromaquia, o Governo central faz ouvidos de mercador ao grito unânime do povo, que pede a abolição da tortura e da morte de milhares de Touros todos os anos, em Espanha.


A tauromaquia sobrevive graças aos interesses privados de alguns políticos, ao endividamento dos municípios, à grande oferta de entradas a polos escolares e algumas colectividades, e do engano de turistas.


A estes últimos são vendidos espectáculos de dança entre um touro e um cavalo, em que em nenhum momento o touro é maltratado. Uma vez iniciada a corrida, os turistas saem horrorizados, com lágrimas nos olhos, devido ao que estão a assistir.


A Organização Internacional para a Defesa dos Animais, AnimaNaturalis, continuará a trabalhar para que num futuro bem próximo, esta mal denominada “festa nacional” acabe por ser abolida em toda a Espanha e deixe de envergonhar a maioria dos cidadãos que não querem ser identificados com tamanha atrocidade.»


Guillermo Amengual

(Coordenador para a Espanha da Campanha Anti-Tauromaquia).

Fonte:

 

 http://www.animanaturalis.org/p/1584

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:49

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 24 de Novembro de 2013

«A INCULTURA LUSITANA»

 

 Um excelente texto que tenho a honra de transcrever, e que sintetiza na perfeição o que andam, ou melhor não andam a fazer os nossos “governantes” no que respeita à Cultura, que em qualquer país que se preze é uma mais-valia… mas não em Portugal.

 

Por Manuel CD Figueiredo

 

(Comandante da Marinha Portuguesa)

 

 «Pelas touradas se torturam animais. A tortura dos animais é crime. A tourada é um crime.

 

Apoiadas por governantes insensíveis e incultos, assim são elas, as touradas!

 

Suportadas com dinheiros públicos.

 

Em Portugal, hoje, os impostos pagam touradas! Pagam o crime da tortura de animais! E pagam a transmissão de espectáculos degradantes!

 

Os deputados da Nação fogem às suas responsabilidades e obrigações: depois de adiarem, sem justificação, a discussão de uma proposta de lei visando a revogação da actual legislação vergonhosa, no sentido de acabar com a tortura animal, particularmente com as touradas, predispõem-se a manter os interesses instalados, mesmo que isso constitua uma violação das suas próprias consciências.

 

Inconcebível num país culto!

 

Inimaginável num país civilizado!

 

Cabe aqui uma especial chamada de atenção à entidade que tem a obrigação de reprovar a lei que autoriza as touradas e permite a tortura dos animais: a entidade governamental responsável pela Cultura em Portugal - a Secretaria de Estado da Cultura.

 

Só por grande distracção poderá o Senhor Secretário de Estado da Cultura permitir a existência de leis irracionais e incultas que colocam Portugal na lista dos países subdesenvolvidos e sem cultura.

 

Acredito que o Senhor Secretário de Estado não deseje que no nosso país seja legalizada a tortura de animais. Por isso - por acreditar nisso - espero que promova a lei que faça abolir as touradas!

 

Que faça de Portugal um país respeitado!

 

Que mostre ao Mundo que Portugal quer voltar a ser um país onde a Cultura é vasta e predominante!

 

Que seja um marco da Civilização

 

Fonte:

 

http://sextante-poveiro.blogspot.pt/2013/11/a-incultura-lusitana-pelas-touradas-se.html


 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:36

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

ANTÓNIO BARRETO ESCREVEU ...

A CRUELDADE ESCONDIDA DA ...

SE A IGNORÂNCIA PAGASSE I...

TAURICIDA ESPANHOL FICA G...

CARTA ABERTA A MARCELO RE...

« O TOUREIO TEM OS DIAS C...

«VINHO, TOUROS E MULHERES...

ENTÃO NÃO SE VÊ LOGO QUE ...

RÁDIO CLUBE DE ANGRA COME...

SENTENÇA JUDICIAL: «A TAU...

Arquivos

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados
RSS

ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

BLOGUES

O Lugar da Língua Portuguesahttps://blogcontraatauromaquia.wordpress.comhttp://mgranti-touradas.blogspot.pt/https://protouro.wordpress.comhttps://protouro.wordpress.comhttp://animasentiens.com/http://www.matportugal.blogspot.pt

CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt