Quinta-feira, 28 de Fevereiro de 2013

A HISTÓRIA DE UM “SUICIDE SQUAD”, OU SEJA, DE UM FORCADO CHAMADO NUNO DE CARVALHO-MATA

 

 

Encontrei este texto, por acaso. Mas não é por acaso que vou publicá-lo. Faço-o unicamente para que aqueles que me enviaram comentários super obscenos (à boa maneira dos aficionados) fiquem a saber, que eu escrevo, mas há mais quem escreva o mesmo que eu, mas de outra maneira.

 

Este texto está excelente, e diz tudo o que pode dizer-se de um “sucide squad”

 

 

 

PORQUE É QUE O FORCADO NUNO CARVALHO FICOU PARAPLÉGICO* NA XLVIII GRANDE CORRIDA TV?

 

A Grande Corrida TV e o forcado Nuno Carvalho que ficou paraplégico*

 

No dia 30 de Agosto de 2012, na Praça de Touros do Campo Pequeno, em Lisboa, ocorreu a XLVIII edição da Grande Corrida TV, organizada pela Casa de Pessoal da RTP. Foram lidados 3 touros da Ganadaria Infante da Câmara e outros 3 da Ganadaria Manuel Assunção Coimbra. Os touros foram furados pelos cavaleiros tauromáquicos Joaquim Bastinhas, João Salgueiro e João Ribeiro Telles Jr.

 

Depois de devidamente perfurados com arpões, e após litros de sangue perdidos, os touros foram atacados por dois grupos de forcados: o Grupo de Forcados Amadores Portalegre e o Grupo de Forcados Amadores do Aposento da Moita.

 

O quinto touro, da Ganadaria Infante da Câmara, que estava a esvair-se em sangue, foi provocado por um bando de 8 forcados, tal como é habitual no final da perfuração do touro com bandarilhas pelo toureiro. Os forcados queriam atacar o bovino ferido, mas o touro, movido pelo instinto de sobrevivência, enfrentou-os e acabou por derrubar e colher o forcado Nuno Carvalho do Grupo de Forcados Amadores do Aposento da Moita. Derivado da aparatosa colhida, o Nuno Carvalho sofreu lesões vertebrais e ficou tetraplégico. A brutalização do touro correu mal e agora o jovem forcado está condenado a viver numa cadeira de rodas para o resto da vida.

 

Outras desgraças com contornos semelhantes a esta que aconteceu ao Nuno Carvalho já aconteceram no passado e muito provavelmente irão acontecer no futuro. A tauromaquia é assim mesmo, é uma actividade que tem tanto de inutilidade como de perigosidade. Contudo, apesar destas tragédias com seres humanos serem frequentes nos espectáculos tauromáquicos, nada demove os entusiastas do jogo violento chamado tauromaquia.

 

Eles conhecem os riscos dos espectáculos tauromáquicos, que são parte da sua festa, mas mesmo assim vão continuar a aplaudir a violência tauromáquica, aconteça o que acontecer, morra quem morrer. As colhidas, os ossos partidos, os hematomas, as hemorragias, os feridos e até a morte de seres humanos são uma realidade indissociável dos eventos tauromáquicos e os aficionados convivem bem com isso de forma doentia. Como diz Leonardo Anselmi, o porta-voz da porta-voz da plataforma Prou (Basta), que desencadeou o processo que levou à abolição das corridas de touros na Catalunha: “a tauromaquia é uma doença social”.

 

Não satisfeita com a desgraça que se abateu sobre o forcado Nuno Carvalho, a indústria tauromáquica, em grande parte influenciada pelo mediatismo do caso, lança uma campanha de solidariedade para com o forcado tetraplégico, promovendo mais um evento tauromáquico, onde mais uma vez forcados irão arriscar a sua vida de forma estúpida e inútil.

 

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/lazer/cultura/campo-pequeno-homenageia-forcado-nuno-carvalho

 

Por enquanto, a gente da tourada faz de conta que se preocupa com o Nuno Carvalho e demonstra interesse em apoiá-lo com touradas ou tampinhas de plástico. Mas com o tempo, vem o esquecimento e o Nuno vai ficar sozinho e ter de enfrentar o elevado preço por ter entrado num jogo cruel, estúpido e inútil.

 

Embalado na hipócrita onda de solidariedade dos mesmos que aplaudem a violência tauromáquica, o forcado Nuno Carvalho tem feito declarações bastante elucidativas do processo de lavagem cerebral que a indústria tauromáquica leva a cabo.

 

Declarações como as que fez no programa de televisão Boa Tarde, de 7 de Fevereiro de 2013, da jornalista Conceição Lino, na SIC. Nesse programa, apesar de reconhecer que deu cabo da vida dele e da namorada, Nuno Carvalho afirma que não está nada arrependido de ter sido forcado e que faria tudo de forma igual. Também lança dúvidas relativamente ao papel de Deus na colhida que sofreu afirmando: “Pensava que tinha sido completamente abandonado por Deus…pergunta-mos a nós o que eu fiz a Deus para merecer isto. Uma crueldade enorme.”

 

Este atribuir de culpas a causas metafísicas é elucidativo da imaturidade e inconsciência dos jovens que são recrutados pela indústria tauromáquica para servirem de autênticos bonecos de trapos, enfrentando um animal inocente ferido e colocando-se em perigo por causa nenhuma.

 

Quando alguém, por sua própria vontade, se coloca diante de um comboio em andamento e é ferido por causa disso, não podemos dizer que se tratou de um acidente em sentido próprio. Trata-se apenas de uma consequência mais que provável e previsível de um acto. Pela mesma razão, tampouco se pode falar de um castigo aplicado ao forcado Nuno Carvalho.

 

Quando muito, podemos falar de um castigo auto-infligido, um acto suicida. Não é por acaso que os grupos de forcados são conhecidos em alguns países como ‘suicide squad’, que pode ser traduzido como ‘bando de tolinhos suicidas’. O mito do forcado como herói valente, não passa disso mesmo, um mito divulgado pela indústria tauromáquica numa parcela da sociedade portuguesa que não reflecte devidamente sobre o assunto.

 

Na realidade os grupos de forcados são um vexame na imagem de Portugal no mundo. Num mundo civilizado não é compreensível que se lutem com animais feridos apenas por diversão. Isso não é coisa de gente civilizada e pouco mais se pode dizer em relação ao absurdo e despropósito de pegar em grupo um touro com arpões cravados na carne e banhado em sangue, só para o humilhar e ferir ainda mais, puxando-lhe o rabo e fazendo-o rodopiar. A actividade dos forcados nos eventos tauromáquicos é cruel e covarde.

 

O reconhecimento do erro e o arrependimento não é uma virtude para qualquer um possa ter. É necessário coragem para o fazer. Alguns escolhem antes enganar-se a si próprios e, de forma covarde, recusam reconhecer os seus erros.

 

OS RESPONSÁVEIS PELA TRAGÉDIA DO FORCADO NUNO CARVALHO

 

Importa então perceber a quem é que é imputável esta tragédia que se abateu sobre a vida de um jovem de 26 anos, bem como saber quem é que deve ser responsabilizado moral e financeiramente pelos estropiados dos espectáculos tauromáquicos.

 

OS ROSTOS DOS RESPONSÁVEIS:

 

1.º

 

 

 

Nuno Carvalho

 

O próprio forcado Nuno Carvalho que, de forma marialva e irresponsável, decidiu atacar um animal de mais de meia tonelada, ferido e em luta pela sobrevivência.

 

2.º

 

 

 

Câmara Municipal da Moita

 

A Câmara Municipal da Moita que promove as actividades cruéis e suicidas dos 2 grupos de forcados da Moita com subsídios de milhares de euros retirados dos contribuintes portugueses, e que atribui medalhas de mérito a esses grupos de forcados.

 

3.º

 

 

 

Federação Prótoiro

 

Os representantes da indústria tauromáquica, nomeadamente a Federação Portuguesa das Associações Taurinas - Prótoiro, que vivem dos interesses no negócio criminoso da tortura de bovinos e da exploração da imaturidade e irresponsabilidade de jovens como o Nuno Carvalho, que são atirados ao ar como bonecos de trapos nos eventos tauromáquicos.

 

4.º

 

 

 

Jet Set do Campo Pequeno

 

O público das bancadas da Praça de Touros do Campo Pequeno, designadamente o “jet set” decadente, que se divertiu a assistir a um evento sanguinário, em que bovinos são furados com ferros por motivos lúdicos, e que aplaudiu o jogo violento, perigoso, cruel e despropositado que é a pega dos forcados.

 

5.º

 

 

 

Casa do Pessoal da RTP

 

A Casa do Pessoal da RTP e a Sociedade Campo Pequeno, SA que organizaram mais uma vez esta desgraça tauromáquica, ao serviço de lobbies e interesses particulares, e à revelia da posição dominante na sociedade portuguesa que não tem interesse algum nas touradas.

 

6.º

 

 

 

Ganadeiros e Famílias da Tauromaquia

 

A Ganadaria Infante da Câmara, as demais ganadarias e as famílias da tauromaquia que vivem do negócio desumano da tortura de bovinos para diversão de plateias ávidas por verem sangue a escorrer de seres inocentes, e que recebem anualmente milhões de euros retirados dos contribuintes europeus.

 

Estes são os co-responsáveis pela tragédia do Nuno Carvalho. São todos que de alguma forma contribuem para que que jovens saudáveis arrisquem a saúde e a vida de forma suicida em ataques a bovinos feridos. Eles são os responsáveis pelo que aconteceu ao Nuno Carvalho e por isso devem ser condenados a indemnizá-lo, assim como a todos os feridos e familiares dos mortos em eventos tauromáquicos.

 

Os anti touradas são os únicos de mãos limpas nesta história de terror, são aqueles que não querem as touradas. Se as touradas não existissem, tal como é o desejo dos defensores dos direitos dos animais, nada disto tinha acontecido com o Nuno Carvalho.

 

Esperemos que o Nuno Carvalho abra os olhos e perceba que as gentes da tauromaquia estão a marimbar-se para ele e para os muitos forcados que foram e vão continuar a ser feridos e mortos de forma estúpida e inútil.

 

Que ele seja humano e se arrependa e reconheça a crueldade e a covardia do acto de ferir e atacar animais inocentes em arenas iguais às da antiga Roma.

 

Que ele seja um novo Álvaro Munera e que contribua para que não aconteçam mais desgraças destas com outros jovens!

 

«La sangre que vertimos se volverá contra nosotros» Álvaro Múnera, ex-toureiro

 

 

http://pelostourosvivos.blogspot.pt/

 

9 de Fevereiro de 2013

 

* Substituí o termo “tetraplégico” por “paraplégico” porque o Nuno ficou paraplégico e não tetraplégico.

 

***

 

Peço a atenção para este comentário, e apelo a quem souber responder ao que aconteceu, exactamente, na arena, ao Nuno Carvalho-Mata, depois de ser colhido pelo Touro moribundo...

 

Quem o socorreu? Pessoal especializado ou os forcados? É que numa situação destas, como bem observa o Carlos Ricardo, qualquer movimento errado pode ser fatal para quem está ferido com gravidade... 

 

Carlos Ricardo, deixou um comentário ao post A HISTÓRIA DE UM “SUICIDE SQUAD”, OU SEJA, DE UM FORCADO CHAMADO NUNO DE CARVALHO-MATA às 18:54, 2013-03-05.

Comentário:

 

«Extraordinário relato da verdade sobre a tauromaquia e dos que a alimentam. Há, no entanto, um pormenor que, pelo menos eu não tenho ouvido falar e muito menos que esteja a ser investigado, que é o facto da assistência ao Nuno Carvalho, dentro da arena e após a colhida ter sido feita pelos outros forcados e não por especialistas do INEM.

 

Sendo absolutamente verdade, como tantas vezes o INEM adverte, que, em situações como esta, os acidentados não devem ser tocados e muito menos deslocados ou transportados para outro local sem ser por pessoal especializado, como é possível que essa assistência ao Nuno tenha sido feita pelos outros forcados, de forma atabalhoada e rápida demais para uma situação que se adivinhava grave ?

 

Nestes estúpidos espectáculos não é obrigatória a presença do INEM ou de qualquer outra instituição que SAIBA lidar com um corpo inerte ? Será que a pronta actuação (dentro da arena) de especialistas como o INEM, teriam evitado as sequelas que levaram o Nuno a ficar paraplégico? Fico-me por aqui porque não sei se existe alguma investigação sobre a questão que pus, mas que, no caso de não haver, deveria ser feita, isso acho que sim.»

 

***

Um comentário bastante oportuno, Carlos Ricardo.

Eu também não ouvi falar desses cuidados imediatos e especializados a um ferido grave.

INEM? No campo pequeno para assistir a um forcado ferido?

Aqui deixo a pergunta.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:40

link do post | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos

O EX-TOUREIRO ÁLVARO MUNERA FOI CONDECORADO EM MEDELLÍN, POR MÉRITO CIVIL

 

«HERÓICO É FAZER ALGO PELO AMBIENTE, PELOS ANIMAIS E PELO PLANETA…»

 

Aficionados portugueses, ponham os olhos neste exemplo… Não alimentem esperanças a quem nada fez para merecer ser herói…

 

 

 

 «O Vereador de Medellín, Álvaro Munera Builes, foi ontem condecorado durante o 118º aniversário da Polícia. O representante de F.A.U.N.A. recebeu uma medalha, juntamente com outros nove cidadãos destacados pelos seus méritos civis, neste caso específico, pelo apoio contínuo para a criação do Esquadrão Anti Crueldade Animal, e pelo fortalecimento da Polícia Ambiental e Ecológica de Medelllín

 

Todos sabemos quem foi e quem é Álvaro Munera.

 

Todos os aficionados portugueses sabem quem foi e quem é Álvaro Munera, que ficou paraplégico enquanto TORTURAVA um Touro.

 

Contudo, ao contrário do Nuno Carvalho-Mata, ele aprendeu a lição, e hoje, com a alma lavada e recuperado da doença mental que o atacou durante uns tempos, transformou-se num cidadão ÚTIL E RESPEITADO.

 

Isto é SER HERÓI.

 

«Heróico é fazer algo pelo ambiente, pelos animais e pelo planeta Terra, como faz a associação à qual pertence Álvaro Munera – FAUNA Medellín.

 

Os aficionados continuam a tratar o forcado Nuno Carvalho como um herói, quando ele não fez absolutamente nada de heróico. NADA!

 

Como têm peso na consciência por alimentarem a tragédia que é a tauromaquia, os aficionados dão-lhe “palmadinhas nas costas”.

 

A associação Nuno Carvalho Mata, que se dedica à organização de touradas, é mais uma empresa no negócio criminoso que é a tauromaquia!»(Jay Nandi)

 

Concordo absolutamente com o Jay.

 

É triste, quando alguém tem OPORTUNIDADE na vida de se tornar um verdadeiro HERÓI, e recusa.

 

Álvaro Munera recebeu uma medalha de mérito civil, algo que o Nuno jamais receberá, a não ser que se transforme num VERDADEIRO HERÓI.

 

http://www.facebook.com/photo.php?fbid=1203521619738&set=a.1012901454353.2002281.1579546812&type=3&theater

 

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:30

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

O PRIMEIRO-MINISTRO FOI RECEBIDO POR UM GRUPO DE MAUS SELVAGENS NA FACULDADE DE DIREITO DE LISBOA COM UM COELHO ENFORCADO

 

 

 

Muito mau gosto e piores instintos…

 

Dizem que o coelho que este “estudante” do ensino SUPERIOR está a segurar, num pau, foi ENFORCADO.  

 

Isto a ser verdade (é que me custa a acreditar - estava morto e depois foi enforcado a fingir), não só estes pseudo-estudantes perderam toda a razão, como BAIXARAM de nível.

 

Em vez de “estudantes do ensino superior”, passaram a estudantes do ENSINO INFERIOR, que é o que mais se vê por aí, neste momento de caos que o País atravessa.

 

Mas a culpa é precisamente dos governantes portugueses que NÃO DÃO O BOM EXEMPLO: mantém leis retrógradas e que só ajudam a espalhar entre uma juventude (já sem valores e sem rumo) a CRUELDADE CONTRA ANIMAIS INDEFESOS.

 

Enquanto as mentalidades RETRÓGRADAS, PRIMITIVAS e SANGUINÁRIAS DA MAIORIA dos DEPUTADOS da Assembleia da República (que são grandes apreciadores da TORTURA) não EVOLUÍREM teremos cenas destas, e cada vez mais cruéis, para mostrar ao mundo que somos um país terceiro-mundista, que faz protestos com coelhos enforcados, porque não EXISTE NENHUMA LEI QUE PROÍBA TAL SELVAJARIA, ou se existe, não há AUTORIDADE para a fazer cumprir.

 

Porque os piores exemplos vêm dos que NÃO QUEREM MUDAR AS LEIS (por conveniência), e torná-las mais condizentes com MENTES ILUMINADAS.

 

É o OBSCURANTISMO que ainda reina em Portugal.

  

Fontes:

http://www.dnoticias.pt/actualidade/pais/372385-primeiro-ministro-recebido-na-faculdade-de-direito-com-um-coelho-enforcado

 

http://www.dn.pt/politica/interior.aspx?content_id=3078519#

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 12:10

link do post | Comentar | Ver comentários (8) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2013

A SÍNDROME DA TOURADICE AGUDA É UMA DOENÇA GRAVE, CUJA CURA ESTÁ PARA BREVE…

 

 

Mas enquanto não vem, temos de ter paciência com as “entidades” do Paleolítico Inferior

 

 

 

Esta imagem diz tudo sobre o que é a Síndrome da Touradice Aguda

 

 

Luis Soares disse sobre AS TOURADAS ESTÃO COM O PÉ NA COVA TANTO NA ILHA TERCEIRA COMO NAS RESTANTES REGIÕES ONDE A CIVILIDADE AINDA NÃO CHEGOU na Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2013 às 21:08:

 

 «Boas novamente, Começo pela pergunta que fez sobre a ilha terceira e a sua, \"evolução\". Creio que está a falar sem saber mesmo.. tanto a nível tecnológico, como social nós estivemos sempre um pé à \" vossa \" frente.

 

Ai ainda não havia microondas já nós íamos aquecendo o leite com eles... Ai não sabiam o que era a coca cola já aqui se dava arrotos (se me permite a brincadeira) à custa dela... E até em termos sociais...

 

Basta ver a maneira como acolhemos as pessoas e a vossa. E até a forma de argumentar, a minha e a sua. Contínuo a dizer, e com conhecimento do que digo, as touradas estao bem firmes, o ano passado as praças estiveram cheias, mais q o anterior...e note-se que estamos em crise.

 

As touradas à corda, já muitos touros estão escolhidos para a festa. Este ano vai haver mais duas que o ano passado salvo erro... Eu até podia explicar o porquê de o touro nao estar cansado, e fraco.

Com factos científicos, mas, não é necessário. Basta ver uma pega para se ver que é uma autentica batalha entre David e Golias... O silêncio na arena... O medo... Mas já que está a dizer em por no lugar do touro. Pq nao se mete no lugar do forcado. Até pq qualquer um pega um touro... Ele está cansado e fraco. É impossível alguém dizer que um forcado é covarde!! 
 
Reforçando a ideia de que as touradas estão bem seguras..em Barcelona as touradas vão voltar a acontecer. Felizmente... E depois diz q só falta um empurrão.

 

Hum.. quem é que não quer aceitar os factos aqui?... Pegando no exemplo do fado, que dei no comentário anterior, creio ser tão descabido como o número de países com touradas... Teem de começar a respeitar mais as pessoas. Com os melhores cumprimentos,»

 

***

 

Vamos lá a ver por partes:

 

Primeiro: não confunda progresso tecnológico com evolução de mentalidades. Vocês até podem ter ido todos à Lua num foguetão fabricado pelas vossas mãos, mas continuam com uma mentalidade de homens pré-históricos, e é isso que conta, para o que estamos a discutir.

 

Segundo: Graças a Deus que a minha forma de argumentar não é igual à sua, de contrário sofreria de um complexo de inferioridade que me poria de rastos.

 

Terceiro: Todos os ditos “espectáculos” onde são utilizados BOVINOS MANSOS são DEPLORÁVEIS e só TRAZEM DESPRESTÍGIO À VOSSA TERRA. E vá informar-se sobre os estudos científicos em relação aos Touros. Terá uma surpresa muito desagradável, para si, claro, não para os Touros.

 

Quarto: Deus me livre e guarde de me meter no lugar de um forcado. Faria o papel mais RIDÍCULO e COVARDE da minha vida. NÃO, OBRIGADA! Prefiro ser AGITADORA DE CONSCIÊNCIAS, e “massacrar” com palavras. E quer goste ou não goste: o FORCADO não passa de um GRANDE COVARDE. Sempre foi. Só que nunca ninguém vos tinha DITO esta VERDADE, e cresceram com a MENTIRA da valentia.

 

Quinto: as touradas estão tão seguras como uma maçã podre no ramo de uma macieira. Ao mínimo toque CAIRÁ.

 

Sexto: a que pessoas se refere, quanto ao respeito? Àquelas que RESPEITAM a Vida? Os Animais? A Natureza? O Planeta? Os Valores Humanos? Sim, essas merecem todo o nosso respeito.

 

As outras, as que não respeitam nada disso, não valem um tostão furado.

 

***

 

Jay Nandi, deixou um comentário ao post A SÍNDROME DA TOURADICE AGUDA É UMA DOENÇA GRAVE, CUJA CURA ESTÁ PARA BREVE… às 16:07, 2013-02-28.

Comentário:

 

«O mito dos forcados serem valentes não passa disso mesmo - um mito. Mais uma mentira da indústria tauromáquica. Hooligans que atacam em bando bovinos feridos não podem ser classificados como valentes em parte alguma do mundo. São apenas covardes e ainda por cima são muito pouco inteligentes. Arriscam a vida por causa nenhuma e isso é estúpido e suicida. Por isso são chamados de "suicide squad" e são uma vergonha para todos os portugueses

 

***

Exactamente Jay. Passaram a vida toda a acreditar nas mentiras dos que os EXPLORAM, e acham-se uns heróis e uns valentes.

Como estão enganados!

Nunca ninguém lhes tinha ABERTO OS OLHOS. Nunca ninguém lhes tinha dito a VERDADE.

Mas agora que já sabem que são os MAIORES COVARDES, continuam a teimar em sê-lo.

A TEIMAR NO ERRO é uma forma de IGNORÂNCIA.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:32

link do post | Comentar | Ver comentários (6) | Adicionar aos favoritos

O DELÍRIO DE UM AFICIONADO DESESPERADO

 

Bem, lá terei de praticar mais uma obra de caridade espiritual…

 

 

 

O Diogo vê uma pessoa a assistir à tourada e diz que são milhares…

 

Diogo, deixou um comentário ao post TAUROMAQUIA - A OPINIÃO DE UM MÉDICO VETERINÁRIO VERDADEIRO (PORQUE OS HÁ A FINGIR) às 00:23, 2013-02-27. Comentário:

« ‘Bla bla bla whiskas saquetas... bla bla bla bla bla whiskas saquetas’.

Pegando neste conhecido anúncio de comida para gato, comparo o que o gato ouve da conversa da sua dona com ignorância e falta de inteligência que é característica de qualquer animal irracional, com aquilo que a sua pessoa ouve e interioriza de quem realmente está por dentro do mundo dos toiros e tenta ensinar-lhe alguma coisa.»

 

Resposta: primeiro, a ignorância é apenas sua, pois todos sabemos, que além do gato, outros animais não humanos são BASTANTE INTELIGENTES. O porco é tido como o terceiro animal mais inteligente. Portanto se aqui alguém é ignorante ou lhe falta inteligência é ao Diogo.   

 

«Os seus discursos falam de cobardia, falta de inteligência, falta de civismo, falta de educação e instrução, desrespeito ao animal.

 

Pois olhe que se engana. De todos os que conheço que praticam a ''cobardia'' que fala pelo forcado, que eu chamo de valentia, amizade, culto ao toiro...; 90% são formados com curso superior ou estão ainda a formar-se.»

 

Resposta: engano-me? Ai sim? Diz-me que 90% tem curso SUPERIOR? Tirado aonde? Ou como? Comprado naturalmente, porque se me diz que os forcados (que não passam de COVARDES), têm cursos superiores, o ensino em Portugal anda nivelado muito por BAIXO, pois não é SUPERIOR divertir-se sadicamente com seres vivos. Isso é covardia, falta de inteligência, falta de civismo, falta de educação, de cultura e de instrução, e principalmente desrespeito pelo animal. Não tenha a mínima dúvida. E não sou só eu que o digo. São formados em CRUELDADE, esses 90%.

 

«No meu caso, espero que tenha habilitaçoes literárias tão boas quanto as minhas, pois assim poderá provavelmente estar bem na vida.»

 

Resposta: estava tramada, se as minhas habilitações fossem “tão boas” quanto as suas, que nem sequer sabe usar correctamente a Língua Portuguesa.

 

«Já quanto ao civismo, não creio que seja falta dele que se tome a opção de se querer manter preservada uma tradição e marca tão nossa quanto o nome do nosso país. E acho de louvar quem tenha não só a coragem de enfrentar um toiro de frente, como também lutar contra uma oposiçao ''verdoca'' que no século XXI despertou para lutas que no fundo não são primárias à sociedade.»

 

Resposta: se pensa que a tourada traz prestígio a Portugal, engana-se. Lá fora somos tidos como um país terceiromundista que ainda preserva “tradições” primitivas raiando a ESTUPIDEZ. E se acha «de louvar quem tenha não só a coragem de enfrentar um toiro de frente, como também lutar contra uma oposição ''verdoca''  (seja lá o que isto for) que no século XXI despertou para lutas que no fundo não são primárias à sociedade» permita-me que lhe diga que nunca vi um raciocínio tão parvo e estúpido quanto este. Você tem a certeza de que é da nossa época. Não será um troll da Idade Média, que sobreviveu num buraco qualquer por aí, e agora anda pelo mundo a dizer disparates fenomenais?  

 

«Lutar contra a fome, doença, guerra, até extinção de espécies como o lince ibérico, para isso ja não se mexe...?? Acho que seria melhor para a sociedade do que andar com estes activismos contra a tauromaquia!»

 

Resposta: pois, você acha, mas não tem de achar nada. Isso é o que vocês querem. Que nos calemos. Você tem é de se civilizar e de ser ÚTIL à sociedade. Eu neste momento estou a lutar pela Causa dos Animais (que implica os Humanos e TODOS os Não Humanos). E você? Está a lutar contra a fome, a doença, a guerra, e até a extinção de espécies como o lince ibérico? Está? Ora diga lá qual é a CAUSA que abraçou para deixar aos seus descendentes uma sociedade melhor?  É a da VIOLÊNCIA contra seres vivos?

 

«Quanto à Tauromaquia estar ''com os pés na cova e só faltar o empurrãozinho final'', tenho que discordar novamente. À bem pouco tempo um estudo provou que os ''anti'' representam uma baixíssima parcela de 11% da população portuguesa: LINK Sondagem ''Público'':

 

http://www.publico.pt/sociedade/noticia/maioria-dos-portugueses-defende-que-touradas-favorecem-imagem-do-pais-no-exterior-1489793

 

Resposta: «À bem pouco tempo?»… (Olhe o seu Português!) Pois… Isto já tem barbas brancas, e NUNCA, NUNCA, NUNCA  CORRESPONDEU À VERDADE. NUNCA!

 

"A verdade é que tem havido muita manipulação dos números e estes demonstram que apenas 11 por cento dos portugueses são contrários aos espectáculos taurinos", refere. Para além do facto de afirmarem contra a verdade de serem muito mais do que aquilo que são:

 

Resposta: a VERDADE é que 89 % dos portugueses SÃO CONTRA AS TOURADAS. Essa é que é a verdade. Todas as sondagens recentes dizem que os DEFENSORES DOS ANIMAIS são a ESMAGADORA MAIORIA. Os predadores estão em minoria. Uma minoria ridícula, e estas contas até são fáceis de fazer. Nem eram necessárias sondagens.

 

«'O presidente da APET e responsável pela Protoiro, grupo que inclui não só os empresários, mas ainda as associações de forcados, toureiros e criadores de touros de lide, comentando os resultados da sondagem - onde 32,8 por cento dos inquiridos referem não ser aficionados, mas nada terem contra os que gostam dos espectáculos tauromáquicos -, diz ainda que grupos como a Animal "são muito proactivos, quase a roçar o extremismo e capazes de argumentar que esta percentagem de pessoas é contra os touros".'' (ora, ir contra a verdade (mentir), com fim de demover as pessoas a juntarem-se a movimentos ''anti-taurimos'', é uma das coisas pela qual eu não fui educado.»

 

Resposta: fale-me de gente SÉRIA. Todos os portugueses de bem sabem quem são os indivíduos da prótoiro, que não tem nenhum, mas nem o mais pequeno vestígio de respeitabilidade e credibilidade na sociedade portuguesa (tal como os políticos que os apoiam, por isso vão ser todos corridos brevemente). Pois eu sei, você lá foi educado para a VERDADE? Claro que não! Foi educado para a MENTIRA, para a VIOLÊNCIA, para a CRUELDADE, por isso não sabe o que diz.

 

«Para além disto, é facto que houve proíbições em certos e determinados sítios, como na Catalunha - isto durante um/dois anos, pois já se prevê o retrocesso dessa mesma proibição, o que demonstra que talvez esteja enganada quanto a força que o Protaurino tem, que tem muita! 27/02/2013 Diogo»

 

Resposta: como estão ENGANADOS. DESINFORMADOS. Em pleno DELÍRIO. AS TOURADAS jamais REGRESSARÃO à Catalunha. E em Portugal e nos restantes países tauricidas, elas estão por um fio de aranha. Não se ILUDAM. Comecem é a comprar lençóis para enxugar as lágrimas que derramarão brevemente, no ENTERRO DA TAUROMAQUIA.


 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:19

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

«A FATALIDADE DO MENINO NA FLOR DA IDADE»

 

 

 

 

ana pereira, deixou um comentário ao post O EX-FORCADO NUNO CARVALHO-MATA DEIXOU-SE VENDER POR CEM MIL EUROS às 21:42, 2013-02-26.

 

Comentário:

 

«quando alguém publica um estado destes , não pode dever muito à inteligência, é de uma racionalidade comparada à dos animais. pode não gostar de touradas mas isso não lhe dá o direito de de se gloriar de uma fatalidade de um menino na flor da sua vida

 

***

 

Ana Pereira, em duas frases você conseguiu definir-se, sem precisar dizer nada sobre si, do género: “eu sou…”.

 

Pois se compara a minha racionalidade à dos animais, está muito bem comparada, pois EU SOU UM ANIMAL. Coisa que vocês, aficionados, tauricidas, ganadeiros, forcados, etc., pelos vistos não são.

Serão couves-galegas, logo, não tendo cérebro, não conseguem raciocinar.

 

E fique sabendo que existem animais não humanos com MUITA MAIS RACIONALIDADE do que certos aficionados.

 

Quer coisa mais IRRACIONAL do que aceitar ajuda proveniente da TORTURA DE SERES VIVOS?

 

Quer coisa mais irracional do que aplaudir a TORTURA DE SERES VIVOS?

 

Um Touro, um Cavalo, um Cão, um Gato, uma Minhoca, uma Galinha nunca aplaudiria a tortura de um ser vivo.

 

Pela milionésima vez: as touradas não têm nada a ver com GOSTOS, mas com ATITUDES IRRACIONAIS, PRIMITIVAS E SANGUINÁRIAS, provenientes de mentes que sofrem da síndrome de TOURADICE AGUDA.

 

E se você não sabe ler, aprenda, porque em lado nenhum ME GLORIEI COM A FATALIDADE DE UM MENINO NA FLOR DA IDADE. Só se fosse da vossa espécie, que se vangloria com o SOFRIMENTO dos Touros e Cavalos. Mas não sou, nem de perto, nem de longe.

 

Um menino. Pois!

 

Se está a referir-se ao Nuno de Carvalho-Mata, pois este terá a mentalidade de um menino, sim, para fazer o que faz, e para dizer o que diz.

 

E uma vez que falou em FATALIDADE, foi o “menino na flor da idade” que escolheu o caminho dele, por livre e espontânea vontade, logo, essa “fatalidade” deixa de ser fatalidade.

 

Quem semeia ventos, pode colher tempestades. Quem anda à chuva, pode molhar-se. E quem não sabe isto, não sabe nada.

 

Se alguém quiser saltar para um abismo, porque é isso que quer fazer, e chega lá abaixo e esborracha-se, isto não é fatalidade. Isto é VONTADE de se espatifar.

 

E pelo que se vê, o “menino na flor da idade” quis ser forcado (ninguém o forçou), e ficou paraplégico. Mas se tornasse a andar, escolheria ser forcado novamente, logo, estar paraplégico, não diz nada a este menino na flor da idade.

 

Isto é a constatação de FACTOS. Não são ideias minhas. Consegue ver a diferença? Fui clara?

 

Não me parece.

 

Vocês não percebem o óbvio, e nem sei porque perco o meu tempo a explicar-vos.

 

(E para aqueles que me enviaram e-mails a pedir para eu deixar o Nuno em paz, eu bem que gostaria, mas esta gente não me deixa. Estão a ver? E vem aí mais tortura a favor do Nuno. E ele vai aceitar. E será novamente badalado.)

 

***

 

Jay Nandi disse sobre «A FATALIDADE DO MENINO NA FLOR DA IDADE» na Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2013 às 15:57:

 

«Infelizmente há pessoas que não aprendem com as lições da mãe natureza. Pelos vistos ao Nuno Carvalho não bastou ter ficado paraplégico. Agora anda entretido a organizar touradas onde, muito provavelmente, outros forcados serão feridos, correndo o risco de ficar também paraplégicos ou mesmo morrer

 

Jay Nandi disse sobre «A FATALIDADE DO MENINO NA FLOR DA IDADE» na Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2013 às 15:58:

 

«A associação do forcado Nuno Carvalho não é uma associação de solidariedade coisa nenhuma. O objectivo dessa associação é apenas organizar mais touradas e ajudar o negócio das touradas. O forcado paraplégico transformou-se em mais um empresário tauromáquico que quer ganhar dinheiro com a tragédia de animais e humanos.»

 

***

Eu diria mais: O Nuno não só quer ganhar mais dinheiro com a tragédia de animais e humanos, como se aproveitou da sua própria tragédia, para fazer dinheiro.

 

ISTO NÃO SÓ É DEPLORÁVEL, COMO CONDENÁVEL!

 

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 12:03

link do post | Comentar | Ver comentários (6) | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2013

CHAMAR OS BOIS PELO NOME É SER UM “BOCADINHO MAL EDUCADA E FORMADA”? SERÁ?

 
Porque informar é preciso, eis-me de novo a praticar uma obra de caridade espiritual
 
 

Luis Soares disse sobre CHAMAR OS BOIS PELO NOME É SER UM “BOCADINHO MAL EDUCADA E FORMADA”? SERÁ? na Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2013 às 22:57:

 

«Hummm.. e mais uma vez.. se me permite e sem qualquer tipo de maldade, fala do q não sabe, esse touro nao vai ser pegado... Está em pontas, e é de uma tourada espanhola, e sim, está a morrer pq levou a estocada. Agora os outros, lidados em Portugal, estão bem fortes e vivos... Isso lhe garanto! Se souber do que fala, então Como jornalista, está a fazer o que toda a comunicação social tem feito.. manipular... E claro, pessoas menos entendidas teriam caido...»

 

***

Claro que este Touro não pode ser pegado (nem foi) porque já tinha sido estocado. Mas o que interessa isso? Os que podem ser "pegados" estão quase neste estado exaurido, e mesmo assim... defendem-se dos covardes que o pegam... Essa era a ideia...

 

Mas com os aficionados temos de fazer desenhos para que possam compreender as ideias... E então aí vai a imagem da COVARDIA. Um bando de covardes em cima de um ser exaurido... Está mais claro, para que compreendam agora o que quero demonstrar,Luís Soares? 

 
 

(MOITA) 

  

 Eis um Touro, mais morto do que vivo. E o que fazem os forcados (oito metidos a “valentes” contra um ser moribundo)?

 

Vão torturá-lo ainda mais.

 

Isto é valentia?

 

Eu aprendi que isto é covardia.

 

Isto é como bater num morto.

 

Bater numa criança.

 

Bater num velho.

 

Bater num ceguinho.

 

Bater numa mulher.

 

Bater num homem já todo esfaqueado.

 

Isto é valentia?

 

***

 

sou eu, deixou um comentário ao post AS TOURADAS ESTÃO COM O PÉ NA COVA TANTO NA ILHA TERCEIRA COMO NAS RESTANTES REGIÕES ONDE A CIVILIDADE AINDA NÃO CHEGOU às 20:03, 2013-02-25.

 

Comentário:

«cada vez a menina está pior , todos os dias ainda mais um bocadinho mal educada e formada realmente os canudos nao trazem muito a certas pessoas»

 

***

 

Bem, se é só mais um “bocadinho” menos mal….

 

Pois há quem não aprenda nada.

 

Eu aprendi com Miguel Torga, o seguinte «Cântico de Inteligência»:

 

«Não destruas.

 

Toda a fúria é maldade.

 

Constrói o mundo!

 

A sinfonia tem de ser inteira!

 

Junta o teu canto à melodia!

 

Dura!

 

Existe humanamente e sê Feliz!» 

 

***

E aprendi ainda mais.

 

Aprendi que:

 

«O medo tem alguma utilidade, mas a covardia não» (Mahatma Gandhi).  

 

«Ver o bem e não fazê-lo é sinal de covardia» (Confúcio).

 

«A covardia é a mãe da crueldade» ( ).

 

«O medo depende da imaginação, a covardia do carácter» (Joseph Joubert).

 

«Os covardes morrem várias vezes antes da sua morte, mas o homem corajoso experimenta a morte apenas uma vez» (William Shakespeare).

 

«Pecar pelo silêncio, quando se deveria protestar, transforma os homens em covardes» (Abraham Lincoln).

 

«Um covarde é incapaz de demonstrar amor. Isso é privilégio dos corajosos» (Mahatma Gandhi).

 

«A não-violência nunca deve ser usada como um escudo para a covardia. Ela é uma arma para os bravos» (Mahatma Gandhi).

 

Além disso, segui a lição de vida de Chris Jordan, que deixou a carreira dele de advogado, para abraçar a profissão de ACTIVISTA CULTURAL e AGITADOR DE CONSCIÊNCIAS.

 

Pois é exactamente isso que eu sou.

 

***

 

Sabe qual é o vosso problema?

 

É que nunca ninguém vos tinha dito aquilo que eu digo de um modo directo e claro. Sem papas na língua.

 

Mas a culpa, obviamente, não é vossa.

 

A culpa é dos governantes, os verdadeiros IGNORANTES.

 

O povo, esse, é apenas DESINFORMADO.

 

Espero que tenha contribuído alguma coisa, para que você possa dar um passinho, nem que seja um passinho de formiga, em direcção à evolução, e não ficar nesse buraco escuro, mofento, em que os governantes querem que vocês fiquem, para serem manipulados mais facilmente.

 

ACORDEM PARA A REALIDADE DO SÉCULO XXI DEPOIS DE CRISTO!

JÁ NÃO É SEM TEMPO!

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:50

link do post | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos

LEONARDO DICAPRIO, OS ELEFANTES E O AMOR PELA NATUREZA

 

 

PORQUÊ A PERSEGUIÇÃO AOS ELEFANTES?

 

 

This is a real man

 

 

 

 

 

 

 

 

Página oficial de Leonardo no Facebook

https://www.facebook.com/LeonardoDiCaprio

 

***

Leonardo DiCaprio cria vídeo e uma petição para ser entregue ao Primeiro-ministro da Tailândia.

 

DEPOIS DO QUE VIMOS, TEMOS DE ACTUAR

TODOS COM LEONARDO DICAPRIO

PETIÇÃO / PETITION - "Stop the elephant slaughter":

http://www.avaaz.org/en/petition/Stop_the_elephant_slaughter/

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:45

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

TAUROMAQUIA PATRIMÓNIO IMORAL DA GRACIOSA (AÇORES)

 

 

O carácter, a inteligência, a sabedoria, a moral, a ética e os bons instintos dos governantes vêem-se pelo modo como governam.

 

Pois na Ilha Graciosa ficámos a saber que os governantes são primitivos e deviam demitir-se, porque não têm carácter, nem sabedoria, nem moral, nem ética e sofrem de TOURADICE AGUDA, uma doença, que ataca indivíduos com maus instintos, e deixa na cara dos afectados marcas que podemos distinguir à distância.

 

Agora é que a Ilha Graciosa, ficando desgraciosa, vai perder turistas cultos.

 

Se bem que esta atitude descabida dos governantes da Graciosa vale ZERO para a Humanidade.

 

Só fica mal a quem participou na fantochada.

 

Mais uns pontos a FAVOR DA ABOLIÇÃO DA TOURADAS.

 

***

UMA VEZ QUE ESTE COMENTÁRIO CONTÉM UM DESAFIO AOS TAURICIDAS E AFICIONADOS, MERECE DESTAQUE  

 

Arsénio Pires, deixou um comentário ao post TAUROMAQUIA PATRIMÓNIO IMORAL DA GRACIOSA (AÇORES) às 14:08, 2013-02-26.

Comentário:

 

«Isabel, essa da "Touradice Aguda", adorei! Por alguma coisa aquele povo é dos mais atrasados da velha Europa!

 

Mas, mais que o povo (que não tem culpa do seu atraso...) são atrasados os seus líderes a quem é exigida um pouco mais de CULTURA. Só um pouco mais... o bastante para perceberem que as touradas são um espectáculo troglodita, sádico e psicopata!

 

Já agora, quais os fundamentos lógicos em que esses mentecaptos se fundamentam para apelidar de "Património CULTURAL" essa barbárie que é o sacrifício de animais indefesos e sensíveis à dor para gozo SÁDICO de um punhado de psicopatas?

 

NOVO DESAFIO: Tauricidas e aficionados, apareçam aqui a defender essa barbárie! Venham, se são assim tão valentes como dizem ser na arena onde enfrentam o touro moribundo! Dispam essas vestimentas abichanadas e sejam homens ao menos uma vez nas vossas vidas! Esperamos!»

 

***

Pois é, Arsénio. Sabemos que a tauromaquia é uma DOENÇA. Descobriu-se agora o nome apropriado para essa psicopatia.

 

Mas vamos ao DESAFIO.

Quem é HOMEM para vir aqui DEFENDER este espectáculo troglodita, sádico e psicopata?

Deixo aqui uma promessa: no dia em que alguém com ARGUMENTOS VÁLIDOS E INTELIGENTES vier aqui defender a tourada, e convencer os defensores dos Touros que esse "espectáculo" é uma diversão tão sadia para os animais Touros e Cavalos como para os animais homens, ponho um fim ao meu Blog.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 12:04

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2013

AS TOURADAS ESTÃO COM O PÉ NA COVA TANTO NA ILHA TERCEIRA COMO NAS RESTANTES REGIÕES ONDE A CIVILIDADE AINDA NÃO CHEGOU

 

Isto para responder aos comentários do Luís Soares, e ao responder a ele, respondo a todos os que, infelizmente, vivem num desconhecimento total do que é o mundo tauromáquico, porque o que lhes “passaram” como certo é a maior das mentiras.

 

 

 

Se isto que acabámos de ver é arte e emoção, rasguemos todos os livros e atiremos a humanidade contra um muro cravado de punhais.  

 

 

Luis Soares disse sobre “INVESTIGADOR” DA UNIVERSIDADE DOS AÇORES, JOÃO PEDRO BARREIROS, DEFENDE QUE AS GANADARIAS DA ILHA TERCEIRA SÃO “RESERVAS BIOLÓGICAS”na Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2013 às 13:13:

 

 

«\" Na Ilha Terceira a vegetação endémica sempre existiu, existe e existirá mesmo depois da abolição das Touradas, que estão já com os pés na cova.\" . Bem, eu sou da Terceira, e felizmente, que posso dizer que não, não estão de pé para a cova... Chega a haver mais que uma no mesmo dia. É sem dúvida dos locais no mundo, onde há maior culto ao touro. Basta ver que temos o maior monumento feito ao touro, no mundo! Uma estátua de três touros com as suas investidas características. O segundo está no México. Não sei se já veio cá alguma vez. Espero que sim, senão todo este texto perde o seu sentido. Mas se veio, não acredito que não tenha sentido toda esta aficion do povo terceirence… terminou um dos seus posts com imagens a definir o que é arte. Convido lhe a ir ao dicionário pesquisar o significado de arte. Uma tourada é sem dúvida! Arte, emoção! Com os melhores cumprimentos,»

 

***

Pois Luís Soares, garanto-lhe que essa diversão sórdida, digna apenas de gente malformada e de maus instintos, está moribunda, apesar de dizer que chega a haver mais do que uma no mesmo dia. Isso só diz da doença de que sofrem.

 

A tourada está a morrer. Com os pés já dentro da cova. É só mais um empurrãozinho e lá vai tudo.

Mas a Ilha Terceira alguma vez foi evoluída?

 

O que disse só DESPRESTIGIA uma terra com belezas naturais e um povo muito, muito, muito desinformado (para não dizer coisa pior).

 

O facto de ser um dos locais do mundo onde há o maior “culto” ao Touro significa que é uma das terras mais atrasadas do mundo. Não é capaz de se aperceber disso?

 

Culto de morte? Culto de violência? Culto de estupidez?

 

Reveja o vídeo.

 

A afición do povo terceirense é uma DOENÇA MENTAL. Não vos traz nenhum prestígio. Pelo contrário. O turista culto não visita a Ilha Terceira.

 

Estátuas a Touros, para celebrar a tortura de que são alvo? Só mesmo numa terra onde a CIVILIDADE ainda não chegou.

 

Arte e emoção? A tourada?

 

Luís Soares, veja e reveja o vídeo que ilustra o que que lhe quero transmitir, e depois diga-me se é capaz de ver arte onde o sangue roja aos borbulhões de um corpo vivo, em grande sofrimento, diante de um povo completamente ensandecido.

 

***

 

Luis Soares disse sobre GRUPO DE FORCADOS ACADÉMICOS DE LEIRIA NÃO ENVERGONHEM UMA JUVENTUDE QUE SE QUER ÚTIL À SOCIEDADE na Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2013 às 13:27:

 

«Mais uma vez... Acho que estão a falar sem conhecimento de causa. O forçado covarde? Como é possível dizerem isso?... Dizem que é covarde porque pega um touro já sem forças, (coisa que claro q não é verdade, mas que eu não vou argumentar), mas sim perguntar então, o que é que São os forcados que vão pegar ao Canada, em que o touro tem proteções e mais proteções, nao pode sangrar nem um pouco pois será logo recolhido. Quanto ao Numero de países, pois claro q são poucos, é uma questão de cultura e história dos próprios países... Só Portugal é que tem Fado... Porque será? Deviamos \"evoluir\"? O pop é que é! Só um país?... Q estranho... :

 

 

Veja-se o Touro cheio de bandarilhas nas costas. O sangue a escorrer, e o Touro já quase nem se aguenta em pé. Está moribundo. Para se defender, reúne todas as suas derradeiras forças e investe contra um bando de covardes, que o agarram, que o torcem, que o molestam, puxam-lhe o rabo, fazem-no andar às voltas… e o sangue a escorrer daquele corpo já massacrado, já quase esvaído… A isto, em qualquer parte do mundo civilizado, chama-se COVARDIA.

 

 

Quem é que está a falar sem conhecimento de causa?

 

Como é possível dizerem isso?

 

Basta ver o vídeo.

 

Pois vou dizer-lhe o que é um forcado, porque ninguém nunca vos disse o que era um forcado.

Um forcado, dentre todos os covardes que torturam o Touro,  antes e depois de ir para a arena, é o mais COVARDE.

 

É isto que é um forcado. Um COVARDE. Um sujeito com maus instintos. Malformado. Ignorante. Patético.

 

Gostava que lhe fizessem o mesmo, estando o Luís com umas tantas facadas enfiadas no corpo? A esvair-se em sangue? Cheio de dores? E vinha um bando de sete ou oito metidos a valentes para cima de si e o torciam, e o agarravam… Gostava?

 

Ponha-se no lugar de quem é assim tão barbaramente torturado.

 

Os países onde esta prática primitiva e ignorante é permitida são poucos, e são todos latinos. E por serem poucos significa que os restantes evoluíram e estes não.

 

«Só Portugal é que tem Fado... Porque será? Deviamos "evoluir"? O pop é que é! Só um país?... Q estranho..»

 

Eu NEM ACREDITO!

 

Esta não tem resposta possível!

 

E hoje não me apetece dizer aqueles adjectivos todos que bem definem uma pessoa que escreve uma frase destas…

 

Enfim… Veja o vídeo, Luís Soares…

 

E se não vir ali COVARDIA, é porque é cego mental. Desculpe lá esta.

publicado por Isabel A. Ferreira às 18:47

link do post | Comentar | Ver comentários (15) | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
17
18
20
21
22
25
26
27
29
30
31

Posts recentes

APESAR DE TODA A INFORMAÇ...

BASTA DE TOURADAS NA PÓVO...

BOMBEIROS DA BENEDITA DES...

PARA OS QUE SE DIZEM CATÓ...

CARTA ABERTA AO PRIMEIRO-...

UM AUTARCA COM NOME E ALM...

O 13 DE MAIO, O FESTIVAL ...

A DOR DA MÃE QUE PERDE UM...

NA ILHA TERCEIRA (AÇORES)...

OS PODEROSOS NADA PODEM C...

Arquivos

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados
RSS

ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

BLOGUES

O Lugar da Língua Portuguesahttps://blogcontraatauromaquia.wordpress.comhttp://mgranti-touradas.blogspot.pt/https://protouro.wordpress.comhttps://protouro.wordpress.comhttp://animasentiens.com/http://www.matportugal.blogspot.pt

CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt