Terça-feira, 31 de Julho de 2012

TOURADA É SINÓNIMO DE SUPLÍCIO, E GOSTAR DE VER O SOFRIMENTO REAL DE SERES VIVOS SERÁ NATURAL?

 

 

Por muito que mostremos estas imagens, que chocam até as pedras da rua... há sempre aqueles para quem “isto” é NADA. Serão normaizinhos da cabeça?

 

 

Este texto diz o que andamos por aqui quase sempre a dizer. Mas há algo mais que é preciso gritar...

 

«TOURADA É TORTURA! NÃO É ARTE NEM CULTURA»

 

«Cultura é tudo aquilo que contribui para tornar a humanidade mais sensível, mais inteligente e civilizada. A violência, o sangue, a crueldade, tudo o que humilha e desrespeita a vida jamais poderá ser considerado "arte" ou "cultura."

 

Nada, nem a invocada tradição, justifica este monstruoso e sangrento "espectáculo". Uma sociedade justa não pode admitir actos eticamente reprováveis, cujas vítimas directas são milhares de animais.

As verdadeiras tradições são aquelas que elevam e enobrecem as pessoas e não aquilo que as degrada e envergonha.

 

O touro não é um animal feroz. O touro é herbívoro, não um predador, não caça nem mata. Como tal a sua reacção natural é fugir. Quando ataca é simplesmente como forma de defesa.

 

Desde que o touro é retirado do seu habitat natural (os campos), dá-se todo um processo cujo objectivo e resultado é enfurecer o touro e debilitá-lo.

 

No transporte para a praça, os touros perdem cerca de 10% do seu peso corporal, devido ao processo de encarceramento. É aí que começa a violência: os touros são picados e espancados ao serem conduzidos.

 

Antes de entrar na arena os cornos (a sua única forma de defesa e orientação) são cortados a sangue frio enquanto estão enjaulados e imobilizados. Os touros são privados de água e comida e são-lhes administrados drogas e laxantes o que lhes provocam fortes diarreias. Untam-se-lhes os olhos de forma a dificultar-lhes a visão.

 

O touro é mantido às escuras para depois serem "atirados" para a arena cheia de gente e barulho. Muitas vezes o touro salta para as bancadas, não para atacar as pessoas mas porque está em pânico e só quer fugir.

 

Os arpões são cravados no lombo rasgando os tecidos e a carne. Além dos touros sentirem imensa dor, perdem muito sangue, ficam com febre e tonturas. Os arpões continuam espetados (até o touro regressar ao curro onde são arrancadas a sangue frio.) e aí ficam em sofrimento cerca de dois dias até serem levados para o matadouro.

 

É degradante ver que nas praças de touros torturam-se bois e cavalos para proporcionar aberrantes prazeres a um animal que se diz racional.

 

Perante a evidência de que o touro sofre em todo o processo que envolvem as touradas, os aficionados desdobram-se em atabalhoadas tentativas de justificação que não obedecem a um mínimo de razoabilidade, atingindo algumas vezes as raias do surrealismo.

 

O certo é que nenhum aficionado em qualquer parte do mundo conseguiu ou conseguirá jamais demonstrar, de boa fé, que os touros não sofrem ao serem lidados. Sofrimento esse que não tem qualquer justificação a não ser o prazer sádico e emotivo de quem a ele assiste.

 

A confirmação de todo o sadismo que envolve as touradas está nesta atitude: quando se propõe a um aficionado que as farpas em vez de terem arpões de ferro tivessem ventosas, - como já aconteceu nos Estados Unidos – a sugestão é logo afastada com indignação. O que o aficionado sobretudo quer é ver o sangue, é deliciar-se com o sofrimento do touro.

 

As touradas ofendem por isso um princípio fundamental da ética que impende sobre qualquer pessoa que se preocupe em pautar os seus actos pelos ditames da moral e da ética».

 

Fonte: http://antitouradas.blogs.sapo.pt/378.html

 

****

 

DEPOIS DO QUE AQUI FICOU CLARO, AINDA ACHAM QUE GOSTAR DE TOURADAS É DE GENTE NORMAL?

publicado por Isabel A. Ferreira às 12:35

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 30 de Julho de 2012

DEZ RAZÕES PARA NÃO IR ÀS TOURADAS

 

 

ESTA É UMA: A ENORME COVARDIA DO ANIMAL HUMANO DIANTE DO ANIMAL NÃO HUMANO EXAURIDO, NO CHÃO... QUEM PODERÁ APLAUDIR TAL IGNOMÍNIA? APENAS OS SÁDICOS...

 

 

Porque nunca é demais fornecer argumentos para todos usarmos quando queremos chamar a atenção das pessoas, deixo aqui as “10 RAZÕES para não ir às TOURADAS”:

 

1. Porque é errado usar animais para entretenimento humano, especialmente quando o “espectáculo” é conseguido à custa do seu sofrimento desnecessário. Os touros são animais pacíficos e dóceis e não merecem o tratamento cruel que o Homem lhes dá.

 

2. Porque a tourada é uma tradição bárbara e cruel e que tem como o único objectivo provocar dor e sofrimento num animal como forma de provar a virilidade dos intervenientes humanos e com isso facturar milhares de euros.

 

3. Porque a tourada é um “jogo” injusto, em que os únicos intervenientes sujeitos ao perigo são os cavalos e os touros e nunca os humanos. A tourada não é desporto nem arte. É um confronto desleal e cobarde entre o sadismo humano e um animal.

 

4. Porque o sofrimento não se resume à arena. Os jovens touros e vacas são repetidamente torturados em treinos. Durante toda a sua vida, estes animais não conhecem mais do que a dor e agonia excruciantes.

 

5. Porque no mundo da tauromaquia nenhum animal é tratado com respeito e dignidade. Os próprios cavalos sofrem as investidas desesperadas dos touros. Para estas pessoas os animais não têm direitos nem sentimentos: significam lucro.

 

6. Porque horas antes da entrada na arena os touros são enclausurados num lugar escuro, espicaçados, espancados, os seus chifres são cortados a sangue-frio, são apunhalados no dorso e drogados. Os touros nunca terão qualquer hipótese de defesa.

 

7. Porque os touros sofrem lesões graves provocados pelos ferros espetados no dorso. Quando são reencaminhados para os curros, os ferros são-lhes arrancados da carne com o auxílio de facas, sem qualquer tipo de anestesia, sem qualquer compaixão.

 

8. Porque depois de ser “lidado”, o animal permanece na maioria das vezes, desde a noite de sábado até à manhã de segunda-feira em sofrimento angustiante à espera que o matadouro mais próximo reabra para que possa finalmente ser abatido.

 

9. Porque a tourada deseduca e insensibiliza o público. A tourada não é cultura, é pura crueldade e maldade e apela aos maus-tratos dos animais. Levar os seus filhos à tourada irá contribuir para a continuidade desta actividade degradante e arcaica.

 

10. Porque você não vai querer alimentar a crueldade e ganância das pessoas que vivem da tauromaquia e que ao torturar criaturas inocentes, envergonham Portugal. Dê um bom exemplo aos seus filhos. Por favor, não vá às touradas.

 

Não faça mais vítimas! Não apoie o sofrimento!

 

http://fightbull.com/blog/2006/09/18/10-razoes-contra-touradas/

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:40

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 29 de Julho de 2012

PROTESTO CONTRA CORRIDA DE TOUROS À PORTUGUESA EM BAIONA

 

 

Esta imagem indignou o mundo das pessoas sensíveis e amantes de Cavalos. Xelim, o cavalo do torcionário Rui Fernandes, foi desventrado numa corrida de touros à portuguesa e acabou por morrer...

 

 

Este é o verdadeiro mundo subterrâneo da tauromaquia, aqui como em França, como em qualquer parte do mundo, onde a diversão, baseada no SOFRIMENTO DE SERES VIVOS, é coisa de SÁDICOS.

 

França

28/07/2012

 

«Cerca de quatro dezenas de militantes da Animavie, uma federação de organizações de defesa dos animais, manifestaram-se neste sábado contra a realização de uma corrida de toiros à portuguesa nas festas de Bayonne, sudoeste de França.

 

"Durante uma corrida à portuguesa, por vezes o cavalo é esventrado, uma vez que não é protegido, neste género de tauromaquia particularmente cruel", declarou à agência noticiosa francesa AFP o porta-voz da Animavie, Christophe Leprêtre.

 

"Foi o que aconteceu a um cavalo chamado 'Xelim', em abril, em Sevilha. Prestamos-lhe homenagem", acrescentou.

 

Os manifestantes denunciaram ainda a política do presidente da câmara de Bayonne, Jean Grenet, que consiste em "subvencionar corridas que dão um prejuízo de 400 mil euros, suportados pelos contribuintes".

 

As corridas de toiros são a principal atracção das festas de Bayonne, levando à cidade, ao longo de cinco dias no final de Julho, mais de um milhão de pessoas».

 

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/lazer/cultura/protesto-contra-corrida-de-toiros-a-portuguesa-em-bayonne

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:20

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

TOURADA EM LOUSADA NÃO SE REALIZOU E O ORGANIZADOR FICOU COM O DINHEIRO DA VENDA DOS BILHETES

 

 

 

João Paulo Barbosa Oliveira, organizador da Corrida

 

VIVA O ORGANIZADOR DA TOURADA EM LOUSADA!

 

ESTE É O VERDADEIRO UNIVERSO DA TAUROMAQUIA

 

 

«A corrida de touros em Lousada marcada para ontem, dia 28 de Julho, às 17:30, afinal não se realizou, gerando-se toda uma confusão que deixou toda a gente perplexa com a situação.

 

João Paulo Barbosa Oliveira veio informar aos microfones que a responsabilidade pela não realização da corrida se devia aos artistas Cavaleiros, Bandarilheiros e Forcados, o que foi prontamente desmentido pelo cavaleiro Pedro Salvador que transmitiu aos populares revoltados com a situação que a culpa não tinha sido da responsabilidade dos artistas, mas sim do organizador do evento, Paulo Barbosa, o que valeu ao cavaleiro uma salva de palmas por parte dos populares.

 

É dito que o organizador acabou por ficar com o valor dos bilhetes, provocando uma revolta entre os populares, que fizeram rebentar a porta de entrada da praça de touros, a confusão foi tanta que foi necessária o corpo de intervenção da GNR agir para acalmar os ânimos. Muita coisa de estranho se passou com o organizador da corrida a mudar a composição dos elementos da corrida, nomeadamente trocando os touros Palha pelos Caldeira. Afinal ainda não foi desta que as corridas de touros voltam a Lousada, tornando estes acontecimentos estranhos, uma nota negativa para a promoção da Festa brava no norte de Portugal».

 

Isto é o que se lê aqui:

 

http://tourada-portugal.blogspot.pt/2012/07/escandalo-em-lousada-populares-e.html

 

***

 

VIVA O ORGANIZADOR DA CORRIDA DE TOUROS EM LOUSADA!

 

A tortura de Touros não se realizou em Lousada pelas melhores razões, ou seja, por se ter chegado à conclusão de que tal ignomínia não DIGNIFICA Lousada, nem o povo de Lousada.

 

Aconteceu que o organizador, já com antecedentes do género, não cumpriu o prometido, no que fez MUITO BEM.

 

Deviam ser todos assim. INCUMPRIDORES. É desses que o nosso País precisa, para nos vermos livres desta PRAGA DANINHA que INFECTA O NOME DAS TERRAS E DAS POPULAÇÕES.

Deste modo poupavam-se muitos Touros à abominável tortura.

 

Para os SÁDICOS, que gostam de ir divertir-se à custa do SOFRIMENTO de SERES VIVOS, foi muito bem feito.

 

Não há dinheiro para comer. Mas para ver torturar animais o dinheiro não falta.

 

João Paulo Barbosa Oliveira, continue assim, pois só assim as localidades onde se permite realizar tais rituais bárbaros, podem EVOLUIR.

 

Espero que os aficionados lousadenses, e os responsáveis autárquicos, tenham aprendido a lição e não voltem a cometer o mesmo erro.

 

 

O povo de Lousada NÃO MERECE estar no rol daqueles que não evoluíram.

 

 

Já agora, deixaremos aqui um outro reparo: a permissão de carrosséis com Póneis define o atraso de vida de uma população, aqui ou em qualquer parte do mundo.

 

LOUSADA PRECISA DE EVOLUIR.

 

***

 

Entretanto surgir esta notícia:

http://www.imprensaregional.com.pt/tvs/pagina/edicao/1/12/noticia/293#.UBUrAPJDTV8.facebook

 

Devolvendo ou não o dinheiro, o melhor desta festa foi o cancelamento da Tourada.

O Senhor dos Aflitos ouviu as preces dos que deram a voz pelos Touros, que de outro modo não podiam gritar a aflição deles.

Que isto se repita sempre, sempre, sempre...

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 11:31

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sábado, 28 de Julho de 2012

O ABOMINÁVEL CAMPEONATO DE TIRO AOS POMBOS NA PÓVOA DE VARZIM

 

 

A prática do tiro aos pombos é absolutamente desprezível, abominável, coisa de criaturas com mentes doentias, e tem de ser proibida de vez!

 

(Um comunicado da ANIMAL)

 

Em Fevereiro de 2003, o Tribunal Judicial da Comarca de Guimarães deu provimento a um procedimento cautelar interposto pela ANIMAL, proibindo uma prova de tiro aos pombos que estava prevista para acontecer no Clube Industrial de Pevidém, sito no concelho de Guimarães. No dia da prova, e não obstante a ordem judicial decretada, os responsáveis deste clube de tiro prosseguiram com a mesma, desobedecendo deliberadamente a esta sentença judicial, o que fizeram com a cumplicidade da PSP local, cujo comandante afirmou, perante os elementos da ANIMAL presentes no local, que não interviria “porque a «fina-flor» da economia de Guimarães estava naquela prova de tiro aos pombos”. Isto, mesmo estando explicitamente obrigado pela dita sentença a intervir e impedir a prova.

 

No seguimento deste acto de desobediência qualificada, o Tribunal Judicial de Guimarães aplicou as sanções previstas na providência cautelar decretada, nomeadamente uma multa de 10.000 euros por cada dia de incumprimento da decisão judicial (a prova durou dois dias, nos quais foram mutilados e mortos a tiro 5.000 pombos), decisão que foi contestada, por recurso, pelo Clube Industrial de Pevidém, então representado pelo Ministro-Adjunto do Primeiro-ministro, Henrique Chaves, na sua contínua defesa do tiro aos pombos em Portugal. O recurso, entretanto apreciado pelo Tribunal da Relação de Guimarães, foi agora dado como improcedente por este tribunal de apelo, que considerou que a sanção aplicada ao Clube Industrial de Pevidém deve manter-se e ser executada (nomeadamente com o pagamento de uma multa de 20.000 Euros).

 

Depois de, a propósito de uma acção principal de um processo judicial contra o tiro aos pombos, também em resposta a um recurso interposto pelo à data Ministro Henrique Chaves, os Desembargadores do Tribunal da Relação de Guimarães terem já, num Acórdão, considerado que esta prática é, além de cruel, proibida pela Lei de Protecção dos Animais, esta é uma decisão judicial que vem reforçar o caso contra o tiro aos pombos, sendo mais uma das cada vez mais expressivas e fortes vitórias judiciais da ANIMAL, no seu esforço para pôr fim a esta prática alegadamente desportiva, mas que é na verdade aberrante, e que consiste em matar cerca de 60.000 pombos por ano em provas de tiro ao alvo.

 

Infelizmente, e depois de vários anos sem que se conhecessem provas de tiro aos pombos, esta prática voltou em força, não havendo sequer qualquer pudor em escondê-la.

Neste momento está a ser organizado mais um campeonato de tiro ao voo (vulgo tiro aos pombos) na Póvoa de Varzim, mais propriamente em S. Pedro de Rates, apoiado e promovido pela autarquia local. Espantemo-nos agora: José Macedo Vieira, Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim é, nada mais, na menos, do que o sócio n.º 1 do Clube de Tiro de São Pedro de Rates! Ver:

 

http://www.cm-pvarzim.pt/groups/staff/conteudo/noticias/povoa-de-varzim-ira-acolher-campeonato-da-europa-de-tiro-ao-voo/).

 

Prevê-se que milhares de animais sejam mortos, que agonizem até à morte, pois nem todos os tiros são certeiros e os animais ficam a agonizar durante dias, ou até que algum dos intervenientes lhes parta o pescoço para que morram mais rapidamente.

 

A prática do tiro a alvos vivos é absolutamente desprezível e tem que ser proibida de vez! Um dos pontos que prevemos no Projecto-Lei para uma Nova Lei de Protecção dos Animais em Portugal, ver:

 

http://animal.org.pt/pdf/Projecto-Lei_Lei_de_Proteccao_dos_Animais.pdf

 

é exactamente esse. Acreditamos que enquanto esta barbaridade não for proibida por lei, dificilmente conseguiremos impedi-la.

 

Infelizmente no presente não temos meios disponíveis para proceder judicialmente, de modo que nos limitaremos a fazer uma denúncia pública do que ali se passará, além de vos pedirmos que escrevam ao Presidente da Câmara da Póvoa de Varzim informando-o de que boicotarão a cidade e pedirão a todos os vossos amigos e conhecidos para que façam o mesmo, enquanto a cidade for uma cidade de tortura, quer pela existência de touradas, quer de tiro aos pombos.

 

Poderão fazer a vossa reclamação aqui:

 

 http://www.cm-pvarzim.pt/on-line/contacto

 

A ANIMAL agradece, em nome dos animais, a sua colaboração!

publicado por Isabel A. Ferreira às 12:26

link do post | Comentar | Ver comentários (6) | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 27 de Julho de 2012

FESTA AO SENHOR DOS AFLITOS, EM LOUSADA, NÃO DIGNIFICA NEM O SENHOR DOS AFLITOS, NEM LOUSADA...

 
 
 

A festa ao Senhor dos Aflitos, em Lousada, vai incluir a TORTURA DE TOUROS E CAVALOS.

 

Como se isto já não bastasse para ENVERGONHAR as pedras das ruas desta terra, que ainda não EVOLUIU, está a ser também utilizado um carrossel com cavalinhos VIVOS, que andam à roda, à roda, à roda, até ficarem em frangalhos.

 

Isto é revoltante. Aviltante. Cruel. De uma maldade inominável. Uma autêntica cena medieval.

 

Não haverá nenhuma autoridade em Lousada com CAPACIDADE INTELECTUAL para saber discernir o que é ou não é HUMANO fazer?

 

Nunca fui a Lousada. Nem irei, enquanto Lousada não evoluir.

 

E todas estas crueldades são cometidas em honra do Senhor dos Aflitos.

 

E aqui quem são os aflitos? São naturalmente os animais não humanos usados brutalmente para divertirem os SÁDICOS.

 

E para que não digam que estou a insultar as pessoas, vou colocar aqui a DEFINIÇÃO de sádico: é aquele que sente prazer em ver ou fazer sofrer um ser vivo. Pessoa má, bárbara, cruel.

 

Não será este o caso, em Lousada?

 

Por isso não se ofendam. É o que são.

 

Que o Senhor dos Aflitos tenha piedade das criaturas que irão ser torturadas e das que já estão a ser torturadas para um povo irresponsável se divertir.

 

Mas a culpa é do PADRE.

 

A culpa é de quem GOVERNA MAL Lousada.

 

A culpa é de quem devia zelar pela INTEGRIDADE MORAL do povo, e ao contrário, arrasta-os pela lama da iniquidade.

 

TENHAM VERGONHA. EVOLUAM.

 

http://www.jornaldelousada.com/index.php?option=com_content&view=article&id=3774:entrevista-a-rute-cunha-presidente-da-comissao-de-festas-da-vila-2012-video&catid=106:sociedade&Itemid=476

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:26

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 26 de Julho de 2012

A DIRECÇÃO DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA PÓVOA DE VARZIM NÃO ABDICA DA AJUDA QUE IRÁ RECEBER DA TORTURA DE TOUROS E CAVALOS

 

 

Apesar das muitas tentativas que, ao longo destes dias, se têm encetado, para evitar que os Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim caiam na ARMADILHA que os empresários tauricidas lhes montaram, para “branquear” o dinheiro sujo da TORTURA DE TOUROS E CAVALOS, que irá realizar-se no próximo dia 18 de Agosto, na arena de morte daquela cidade, a Direcção desta Corporação não vai abdicar da “ajuda” nem que essa ajuda seja uma ninharia.


A nossa tentativa de aconselhar a Direcção a mudar de ideias foi infrutífera.


O argumento foi que a tourada é LEGAL, logo, sendo legal, por que não aceitar a ajuda? Tudo o que vier para os Bombeiros é bem-vindo.

 

Contrapusemos que nem sempre a legalidade anda a par da moralidade, e é imoral os Soldados, que se dizem da PAZ, aceitarem uma ajuda proveniente da tortura de seres vivos, o que não condiz nada com a “nobre missão” que é a de “salvar vidas”. No juramento que fazem (não sei se fazem) não estará especificada qual o género de “vida” que devem salvar.


Porém, ficará implícito que VIDA é um conjunto de fenómenos comuns aos animais (humanos e não humanos) e vegetais que contribuem para o seu desenvolvimento e conservação, constituindo o seu modo de actividade desde o nascimento até à morte.

 

Ora os Bombeiros, na sua grandiosa missão, devem defender vidas humanas, vidas não humanas e vidas vegetais (o caso dos incêndios nas florestas). Porque VIDA é isto. Não é TORTURA.

 

Contudo, a Direcção dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim decidiu DESPREZAR a MISSÃO a que estão sujeitos os seus SOLDADOS DA PAZ, e teimosamente, simplesmente porque a tourada é LEGAL, aceitar este presente envenenado, arrastando na lama o BOM-NOME (que agora ficará MANCHADO) desta Corporação.


Ainda tentámos apelar para a MORAL, para a ÉTICA, dizendo que um RITUAL SANGUINÁRIO não dignifica o ser humano, mas nada demoveu a Direcção dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim, que conta com o apoio de José Macedo Vieira, presidente do município poveiro, nesta empreitada sanguinária.

 

Posto isto, a “mui nobre” Associação de Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim irá SUJAR o seu nome, em nome de uma ninharia.

 

Lamentamos pelos “voluntários” (com certeza muitos deles nem concordarão), que se escreva uma PÁGINA NEGRA na História desta Associação.

 

Em nome de quê?

 

Da legalidade da tourada, foi o argumento principal.


A Moral, a Ética, a VIDA, que dizem defender, não contou para nada.


Saberá a Direcção dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim, que uma tourada não passa da TORTURA de SERES VIVOS, que vão sangrar e sofrer horrores para divertir sádicos, e para que a Corporação receba uma esmolinha?


Isso será digno de SOLDADOS DA PAZ?


Com certeza que não.

 

Muito menos será de directores que não se vergam à MORAL, mas sim à CARNIFICINA, à TORTURA, à CRUELDADE.

 

Mais uma VERGONHA a juntar a muitas outras, no município da Póvoa de Varzim, onde cada vez mais não é bom viver.

 

Isabel A. Ferreira

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:20

link do post | Comentar | Ver comentários (7) | Adicionar aos favoritos

A CORRIDA TV/NORTE FOI OUTRO FIASCO, NA ARENA DA PÓVOA DE VARZIM

 

 

A foto apanhou as bancadas com mais gente...

 

Olhem os vazios...

 

Parece ter mais gente na arena do que nas ditas cujas.

 

Num passado não muito distante, elas estariam a abarrotar.

 

Hoje, quem é que quer passar por INCULTO, frequentando um lugar de tortura, sangrento, primitivo, com uma Sónia Matias que costuma treinar as piruetas tauricidas, em bezerrinhos bebés, espetando-lhes bandarilhas sem dó nem piedade, demonstrando uma grande covardia. U

 

ma desonra para a espécie humana feminina.

 

A TOURADA ESTÁ MORIBUNDA...

 

E O POVO A EVOLUIR.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:48

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 25 de Julho de 2012

A «FESTA BRAVA» ESTÁ CADA VEZ MAIS A CAMINHO DO FIM...


 

 

Reparem no corpo do animal, marcado a ferro e fogo, a sangrar, e principalmente vejam a patinha dianteira. É isto que os legisladores portugueses estão a APOIAR?

 

 

Li o texto que se segue, algures, publicado pela ASSOCIAÇÃO PRÓ TOIROS NA LINHA (que não pode ser registada com este nome, até já me ri!), e fiquei a reflectir.
 
As coisas estão a correr bem.

Cada vez menos gente está interessada na TORTURA de TOUROS E CAVALOS.

É que isto não combina nada com EVOLUÇÃO e com CULTURA.

E quem é que gosta de ser chamado de atrasado ou de inculto? 
 
E quem, neste momento, depois de toda a REVOLUÇÃO que vai por este mundo fora, no sentido da ABOLIÇÃO das Touradas e da LIBERTAÇÃO ANIMAL, quererá correr o risco de ser qualificado de ignorante?

 

Sim, porque IGNORANTE, de uma maneira ou outra, somos todos nós.

 

Eu, por exemplo, sou ignorantíssima em Física Nuclear. Não sei nada sobre Física Nuclear. Logo, sou ignorante nesta matéria.

 

Ora, quem não percebe nada de BIOLOGIA, não sabe o que é um animal, nem do que um animal é feito. Pensam que é de pau, e o que vêem sair do corpo dele, quando lhe espetam bandarilhas, é sumo de tomate, que está dentro de sacos de plástico.

 

Assim sendo, uma pessoa que não sabe BIOLOGIA é IGNORANTE nesta matéria.

 

Posto isto, vamos saber dos AZARES DOS AFICIONADOS (os sublinhados são meus):

 

 ***

 

«A União é Suposta Fazer a Força... E a “Festa” mais que nunca está a precisar!

 

Por Associação Pró Toiros na Linha

Quinta-feira, 14 de Junho de 2012 às 18:47

 

Vivemos um momento de grande tensão no meio taurino!

E vivemos este momento por diversos motivos, externos, mas também alguns internos...

Na verdade vivemos esta crise que assola a economia do nosso país e as finanças do seu Povo (isto não é verdade, a verdade é que as pessoas estão a deixar de ser ignorantes, por isso não vão às touradas. Os campos de futebol não têm esse problema.)

 

Em consequência, menores são as possibilidades de cada um de nós assistir a todas as Corridas de Toiros que gostaríamos!

Mas isto acontece na tauromaquia, como acontece no cinema, teatro, nos restaurantes, nas casas nocturnas e em todas aquelas coisas que por não serem de importância máxima para a sobrevivência de cada um, são postas à margem num momento em que os remédios, a alimentação própria e da família ou a casa já começam a ser fardos difíceis de suportar! (até porque muitas dessas “coisas” deixam de ter ajuda, para que haja apoios para as touradas, mas não chega, pois não?)

 

Nesse sentido há que repensar, sem qualquer sombra de dúvida, como fazer para levar a tauromaquia de uma ponta à outra da crise, sã e salva e nas melhores condições possíveis.

 

Passará certamente por uma solução conjunta de Ganadeiros, Empresários, Criadores de Cavalos, Toureiros e todos os restantes intervenientes directos e indirectos da Festa. (Têm todos de mudar para uma profissão menos sanguinária, é a única saída.)

 

Passará certamente por criar regras de sobrevivência para este espectáculo, esta arte que todos tanto gostamos e pela qual alguns arriscam tanto das suas vidas e até das vidas dos seus familiares directos, uma vez que disso depende a sua subsistência e das suas famílias. (Coitadinhos, vivem tão mal, à custa da violência! A violência acaba sempre por se espatifar na berma de uma estrada poeirenta, não se esqueçam disso. É melhor saírem dela, enquanto vão a tempo.).

 

Mas passará certamente pela união de todos sem excepção, intervenientes e aficionados! Porque há sem dúvida muitos aficionados que são os primeiros a prestar serviço à causa dos anti-taurinos... (Ora se prestam! Não dizem uma de jeito. Não têm sequer um argumento para justificar a TORTURA, ou seja, o que não pode ser justificado, logo quantas mais dessas vierem, mais ajudam a causa anti-tourada. A ignorância é a mãe da crueldade... Não se esqueçam desta também...)

 

Dizia eu no princípio deste modesto desabafo que a Festa vive um momento de grande tensão interna e externa. (Tensão, não, extrema-unção... está no fim...podem crer!)

 

Na verdade, os anti-taurinos encontraram em alguns políticos, essencialmente no Bloco de Esquerda, mas também em alguns outros partidos políticos, aliados para fazer crescer a sua luta. (E ela está VIVA, cada vez mais VIVA, em todo o mundo).

 

E assim se têm organizado – aliás muito bem – cavando trincheiras bem no meio das nossas casas sem que nós demos por isso ou no mínimo, sem que façamos alguma coisa contra isso! (O que demonstram que estão a ser espertos. Não vale a pena imitar o Dom Quixote.)

 

Até porque, já se sabe, quem está instalado pouco se mexe em sua própria defesa até ao dia em que lhe entram pela casa dentro...

 

O BE, encontrou nesta batalha, bem como na do aborto entre outras, a capacidade de mobilizar alguns fanáticos e assim gerar alguns – poucos - votos. E nesta fase em que tão por baixo estão, cada vez mais precisam de causas fanáticas a que se agarrar! (Causas fanáticas, alto lá! A vossa causa é que é fanática, porque implica VIOLÊNCIA CONTRA UM SER VIVO PARA VOS DIVERTIR, e não vêem um palmo adiante do nariz, só o sangue dos pobres animais vos dá gozo).

 

Assim, depois de em 19 de Janeiro ter percebido não haver condições para apresentar os Projectos-Lei a votação, a quando do debate em que a tauromaquia saiu vitoriosa do Parlamento, viu na recepção feita pelo Sr. Primeiro-ministro a um movimento anti-taurino e na recepção do Secretário do Estado da Cultura a associações anti-taurinas para estas opinarem sobre o documento que virá depois de aprovado a regular a Tauromaquia, o clima mais favorável ao contra-ataque! (Alto lá! Quem tem saído vitoriosa no Parlamento é a CAUSA DA ABOLIÇÃO DA TOURADA. Nunca como agora se tem falado tanto no assunto. E isso já é uma grande VITÓRIA, e podem crer: os partidos que estão a favor da tauromaquia vão ser PENALIZADOS, e MUITO, nas próximas eleições, porque nós SOMOS MUITO MAIS).

 

Em resultado disso, no próximo dia 22 de Junho, pelas 17 horas, e segundo nos diz a Prótoiro – passo a citar - “o Bloco desafia agora todos os interessados em participarem num debate público sobre esses mesmos projectos que, mesmo sabendo-se que não ameaçam a continuidade da Tauromaquia, constituem um ataque inadmissível e intolerável à Cultura, à Identidade e à Liberdade dos Portugueses”.

 

Face a este apelo da Prótoiro, é sem dúvida chegada a hora de toda a afición se mobilizar para defender os seus princípios.

Peço assim com a maior humildade a todos que deixem as “fracturas” e ideias próprias de lado e apoiem a Prótoiro incondicionalmente nesta acção, apoiando assim a própria Festa Brava e a verdadeira Cultura Portuguesa! (Viu-se a postura da prótoiro: só insultos. E nós tivemos mais uma GRANDE VITÓRIA. Além disso limpem a boca quando falarem em CULTURA PORTUGUESA. A tauromaquia não consta em nenhum livro de CULTURA PORTUGUESA. Eu sei do que estou a falar, porque estudei essa matéria na Faculdade, e nunca ouvi falar que a tauromaquia fosse “cultura”. Será COLTURA? Mas essa não vem nos livros.)

 

Podem estar certos de que os políticos, os partidos e os governantes portugueses estão atentos à nossa capacidade de mobilização nesse dia, podendo esta ser determinante na forma como a Tauromaquia será tratada por estes no futuro! (Os políticos não estão atentos à vossa “capacidade de mobilização”, porque ela não existe. Estão, sim, atentos é aos votos que VÃO PERDER se continuarem a apoiar a TORTURA).

 

Se no Europeu de Futebol se diz agora: - Onze por Todos e Todos por Onze, é momento de na Tauromaquia se dizer:

 

- Todos com Todos pela Tauromaquia!!!

 

Ricardo Dias Pinto»

 

***

 

Pois Ricardo Dias Pinto, a esmagadora maioria dos Portugueses está a dizer: MORRA A TAUROMAQUIA.

 

E ela está moribunda... Está com os pés na cova. Agora é só mais um empurrãozinho e ela ficará enterrada por inteiro, como ficaram todas as outras “tradições primitivas e sangrentas” que já nenhum povo civilizado pratica.

 

Podem ir pensando em hortinhas e pomares. Esqueçam as arenas da tortura.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:09

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

PARA AJUDAR OS BOMBEIROS DE TERRAS DE BOURO NÃO FOI PRECISO REALIZAR UMA TOURADA

 

 

 


BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA PÓVOA DE VARZIM PONHAM OS OLHOS NESTE EXEMPLO

 

 

A vila de Terras de Bouro dá uma no cravo, outras na ferradura.

 

Nos festejos a São Brás, permitiram o desprezível ritual da “Vaca das Cordas”.

 

Pelo Norte do País, que não tem nada a ver com touradas (a não ser a cidade da PÓVOA DE VARZIM, que é a VERGONHA DOS NORTENHOS), andam por aí uns tauricidas, a aproveitarem-se das necessidades económicas de Instituições como os BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS, e oferecem-se para organizar touradas, ou seja, TORTURAR TOUROS E CAVALOS, para angariarem FUNDOS.

 

Uns por ingenuidade, outros porque ainda não EVOLUÍRAM o suficiente, aceitam, como foi o caso dos BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE BARCELOS, que se deixaram levar na conversa trapaceira, não ouviram a VOZ DE QUEM OS ACONSELHOU A DESISTIR, e foram ALDRABADOS. Receberam uma ninharia, pois claro, que o grosso ficou para os tauricidas e afins.

 

Esperamos que tenham aprendido a lição, e que sejam um EXEMPLO, para todas as outras Corporações que são aliciadas deste modo repugnante.

 

Ora em Terras de Bouro, os BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS precisam de ajuda.

 

Desconhecemos se foram aliciados para aceitarem a realização de uma tourada, mas o que sabemos é que basta comprar um bilhete para o espectáculo de TONY CARREIRA para ajudar os Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro.

 

Ora aí está uma iniciativa INTELIGENTE.

 

O espectáculo terá lugar no dia 9 de Agosto, quando TONY CARREIRA dará o maior concerto do ano de 2012, em Vila Verde.

 

http://terrasbouro.blogspot.pt/2012/06/compre-um-bilhete-para-o-espectaculo-de.html

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 11:42

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

NÃO ÀS TOURADAS PARA CRIA...

CARTA ABERTA ÀS AUTORIDAD...

REACÇÃO DO GRUPO PARLAMEN...

NA ILHA TERCEIRA (AÇORES-...

GRANDE TRAGÉDIA INCENDIAD...

ANGRA DO HEROÍSMO (AÇORES...

AO FIM E AO CABO O QUE SÃ...

NOVO APELO AOS “BOMBEIROS...

CARTA ABERTA DE RUI PALME...

AÇORES ILHA TERCEIRA TOUR...

Arquivos

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados
RSS

ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

BLOGUES

O Lugar da Língua Portuguesahttps://blogcontraatauromaquia.wordpress.comhttp://mgranti-touradas.blogspot.pt/https://protouro.wordpress.comhttps://protouro.wordpress.comhttp://animasentiens.com/http://www.matportugal.blogspot.pt

CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt