Segunda-feira, 30 de Abril de 2012

SANTA MARIA DA FEIRA APOIA A TORTURA DE TOUROS

 

 

«O Lusitânia Futebol Clube de Lourosa (Santa Maria da Feira) não retira da sua agenda a tourada que marcou para o próximo domingo, na variante Lourosa-Lamas, para a angariação de fundos, apesar da contestação que a iniciativa está a causar.

 

O Movimento Internacional Anti-Touradas contesta a actividade e solicita ao presidente da Câmara que não permita a realização da tourada.

 

O BE condena o evento e hoje, segunda-feira, apresenta na Assembleia Municipal uma proposta para que a Câmara Municipal, adianta em comunicado, “se recuse a disponibilizar locais, logística, mão-de-obra, financiamento ou qualquer tipo de apoios a actividades de tortura animal

 

http://www.terrasdafeira.pt/?action=noticias&seccaoid=1&id=6354

 

***

Nós, por aqui, também aconselhámos à não realização da tortura de Touros.

 

Manchará o bom-nome das terras da Feira, terras com História gloriosa.

 

Mas quando as mentes estão trancadas, nada poderá destrancá-las a não ser a lucidez.

 

Esperamos que essa lucidez acabe por bater às portas da cidade e se faça luz, e os que podem e mandam recusem manchar uma terra com o sangue de um ser inocente.

 

DIGAM NÃO À IMBECILIDADE.

 

EVOLUAM.

 

Gostaríamos de colocar na bela foto que representa Vila da Feira o dístico:

CIDADE SEM TOURADA.

 

Mas é preciso que MEREÇAM.

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:09

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

O CAVALO “XELIM”, DO TORTURADOR PORTUGUÊS RUI FERNANDES, MORREU NA ARENA DE SEVILHA...

 

 

 

Esta imagem diz da barbaridade da tourada, da tortura a que também os Cavalos são submetidos. E ainda há quem defenda esta atrocidade? Só mentes muito perversas e pervertidas são a favor de tal selvajaria...

 

 

O Dr. Vasco Reis, único veterinário Português que dá a cara e o nome pela Causa da Abolição da Tourada em Portugal, escreveu:

 

«É mais um pobre animal vitimado por ter sido dócil e obediente ao seu explorador/cavaleiro, o qual por vaidade, ambição, ganância, obrigou o cavalo a sofrer ansiedade ao defrontar o touro, o castigou com esporas e embocadura violentadora para se servir dele como veículo para a lide e o obrigou a arriscar ferimento e morte, como sucedeu. Mais do que a morte libertadora, impressiona a ansiedade, o ferimento e a agonia acompanhada de enorme sofrimento do massacrado animal. Foi mais um crime da tauromaquia que, vergonhosamente, é legal e tem adeptos em Portugal».

 

Uma vez mais venho a público dizer do meu desprezo pelos tauricidas e pelos governantes portugueses, pelos veterinários portugueses e pela Igreja Católica Portuguesa que são CÚMPLICES desta selvajaria, e nada fazem para que  tal vergonha acabe.

 

Como diz o Dr. Vasco Reis, a tauromaquia é vergonhosamente legal e tem adeptos em Portugal.

Isto aconteceu em Espanha. Mas também acontece em Portugal.

 

Não será chegado o tempo de trazermos o nosso País para a CIVILIZAÇÃO?

 

Lutaremos para que os políticos portugueses, a quem cabe LEGISLAR sobre esta matéria e que sejam a favor desta brutalidade, sejam PENALIZADOS nas próximas eleições.

 

Portugal não pode ser governado por gente que se verga ao perverso lobby tauromáquico e é cúmplice de uma barbárie inominável.

 

Vamos à Lua? E daí? Ainda se desventram cavalos por puro divertimento. Será isso EVOLUÇÃO?

publicado por Isabel A. Ferreira às 10:34

link do post | Comentar | Ver comentários (26) | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 27 de Abril de 2012

TODOS A BARCELOS EM DEFESA DOS TOUROS

 

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:12

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

A LEGISLAÇÃO PORTUGUESA QUE REGULAMENTA O ESTATUTO DOS ANIMAIS É RETRÓGRADA

 

 

Assim são aqueles que, vivendo nas trevas, não conseguem ver o óbvio...

 

 

Admira-me, que na época em que vivemos, não propriamente nos tempos obscuros em que se metiam gatos num saco, e os aguilhoavam para se ouvirem "sinfonias" de "miaus", gritados com agonia, os governantes ainda precisem de pareceres disto e daquilo para considerarem os animais seres que, tendo um ADN semelhante ao nosso, não sejam considerados animais, mas simples "coisas", que não sentem, nem sofrem como nós.

 

Isto é de uma ignorância atroz, que me faz ser incompatível com a dita “raça" humana, que se diz "esclarecida" e até governa um povo.

 

Governantes de Portugal, pensem um pouco, um pouquinho só que seja, e actualizem a lei que faz de nós a cloaca do mundo.

publicado por Isabel A. Ferreira às 15:25

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 24 de Abril de 2012

UM CAMPO DE TORTURA DE TOUROS EM CASCAIS, JAMAIS!

 

 

Como manchar uma tal beleza com algo violento, sanguinário e cruel?

 

A notícia saiu aqui: http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=2434488&seccao=Sul

 

Assim:

 

Linha de Cascais

 

Associação apresenta projeto de praça de toiros em maio

 

por Lusa, 21 Abril 2012

 

A Associação Pró Toiros na Linha, que será hoje formalmente apresentada, vai entregar em maio às câmaras de Cascais, Oeiras e Sintra um projeto para construção de uma praça de toiros que contempla também um hotel.

 

Um grupo de aficionados de vários pontos do país criou a associação com o objetivo de construir uma praça de toiros na Linha de Cascais, na Grande Lisboa, para promover a festa brava e outras atividades culturais.

 

Depois de ter criado o movimento através da rede social Facebook, na qual já reúne 5.000 seguidores, a Associação Pró Toiros na Linha vai hoje apresentar-se formalmente num jantar no Clube Naval de Cascais, para anunciar a sua intenção de construir uma praça de toiros.

 

Em declarações à Agência Lusa, o presidente da associação, Ricardo Dias Pinto, explicou que, além da praça de toiros, o projeto prevê a construção de um hotel, uma sala multiusos para realização de espetáculos e uma clínica de saúde privada.

 

"O projeto tem todo o interesse porque reúne várias vertentes e porque vai gerar muito emprego. O concelho que aceitar a nossa proposta terá muito a ganhar", sustentou o responsável.

 

A proposta, segundo Ricardo Dias Pinto, já suscitou o interesse de vários empresários que "se mostraram disponíveis para o financiamento necessário".

 

 ***

 

Ora, tirando a arena da tortura de Touros, nada contra.

 

A construção de um hotel, uma sala multiusos para realização de espectáculos e uma clínica de saúde privada, têm muito a ver com uma arena para torturar Touros.

 

Só um doido varrido daria luz verde a um tal projecto.

 

Ainda bem que nem todos são trancados das ideias.

 

 

 

RESPOSTA DO PRESIDENTE DA CÂMARA DE CASCAIS

 

 

 

 

«No que me diz respeito e enquanto Presidente da Câmara Municipal de Cascais, posso aconselhar aos promotores desta Associação que não vale a pena perder tempo com o Concelho de Cascais, ainda para mais pela forma especulativa e pouco séria como estão a actuar», na página do Facebook de Carlos Carreiras.

 

Até que enfim, encontro um governante lúcido. A dizer coisa com coisa.

 

É um espécime raro, no mundo dos políticos portugueses.

 

Não se arrependa, Senhor Presidente.

 

Cascais não merece uma arena de tortura e de morte, a manchar a beleza da terra.

 

O Portugal consciente e racional está consigo.

 

 Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 16:59

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 23 de Abril de 2012

BREVES NOTAS SOBRE O UNIVERSO CRUEL DA TAUROMAQUIA

 

 

OS TOUROS EXISTEM PARA VIVEREM LIVRES NOS CAMPOS: NÃO SÃO OBJECTOS NEM BRINQUEDOS...

 

 

Sabiam que em Espanha existe uma ASSOCIAÇÃO DE VETERINÁRIOS ABOLICIONISTAS DA TAUROMAQUIA (a AVAT)? E que em Portugal, ao contrário, há uma TERTÚLIA TAUROMÁQUICA DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA DE LISBOA?

 

E que os primeiros rechaçam a lide dos Touros, pelo atroz sofrimento que esta lhes causa; e os segundos defendem de um modo inequívoco a tortura de Touros, nas suas Jornadas (este ano já foi a VI)?

 

Como isto é possível, não sei. Só num País onde as mentalidades estão empancadas.

 

***

 

 

 

Miguel Ibañez Talegón, professor titular de Etologia (disciplina que estuda o comportamento animal) da Faculdade de Veterinária da Universidade Complutense de Madrid, e José Enrique Zaldívar Laguía, veterinário clínico e presidente da AVAT, apresentaram há dias, perante uma enorme assistência, na Faculdade de Veterinária de Cáceres, uma conferência sob o título genérico «Veterinários, Tauromaquia e Bem-estar Animal», com trabalhos intitulados respectivamente: «O comportamento do touro de lide» e «O sofrimento do touro na lide», nos quais explicaram o seu posicionamento CONTRA os espectáculos em que o protagonista é o Touro de lide, que é alvo de um enorme sofrimento enquanto é toureado.

 

O Professor Ibánez fez menção especial às reacções que estes animais têm quando se vêem submetidos a intensos estímulos agressivos, que sofrem durante a tourada, e Zaldívar explicou de forma pormenorizada os danos físicos e as respostas metabólicas que estes BOVINOS apresentam durante a lide.

 

Ambos coincidiram no terrível sofrimento que padecem os Touros, desmentindo assim o estudo apresentado em 2007 por outros veterinários (mais carniceiros que veterinários), a que se atribui ao Touro de lide uma “especial capacidade” para suportá-lo, minimizando o seu padecimento.

 

Do mesmo modo fizeram menção ao anacronismo e contradição que a profissão veterinária supõe, ao apoiar e contribuir para este tipo de “festa”, e ao outorgar prémios a ganadeiros do Touro de lide ou a celebrar as festas dos Reis Magos em circos com animais.

 

Fizeram também uma chamada de atenção aos organismos oficiais, para que tenham em conta este tipo de considerações.

 

http://www.avat.org.es/

 

***

 

 

 

 

Tivemos conhecimento de que, no próximo dia 6 de Maio de 2012, terá lugar em Lourosa, uma tourada organizada pelo Lusitânia Futebol Clube.

 

Lourosa nunca teve tradição tauromáquica, mas, uma vez, mais esta indústria, na sua urgência de fazer dinheiro, tenta levar touradas ao maior número possível de localidades do país, especialmente ao Norte.

 

Isto não só é desprestigiante para o povo de Lourosa, como para quem permite que tal espectáculo sangrento ocorra, e principalmente para quem visita a cidade. Os turistas que escolhem o nosso país preferem visitar cidades onde os animais são respeitados.

 

A tortura de Touros é um espectáculo deprimente, inaceitável, em termos éticos e morais, uma vez que tem como finalidade divertir uns quantos sádicos à custa da tortura e do sofrimento de um animal não humano que não deu o seu consentimento para ir ser torturado numa arena.

 

Não são capazes de discernir? Não vêem que os tauricidas querem ganhar dinheiro à custa da ingenuidade (para não dizer outra coisa) de um povo que NÃO TEM TRADIÇÕES BÁRBARAS no seu concelho?

Gostariam que o vosso município passasse a ser conhecido como mais um que não respeita os direitos dos animais?

 

Tenham VERGONHA e não queiram REGREDIR!

 

Isabel A. Ferreira

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:24

link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 22 de Abril de 2012

«A TOURADA, RAZÃO DA EXISTÊNCIA DO TOURO BRAVO?» OU A QUEDA DE UM MITO

 

 

Sou confrontada muitas vezes com gente que pretende defender a existência da tourada com o argumento da “extinção do Touro bravo”, como se o Touro bravo existisse na Natureza, assim, por mero acaso do destino...

 

Eis um texto, escrito por um Biólogo (portanto, não por mim) que explica cientificamente esta questão.

 

Vejamos:

 

«Um dos argumentos frequentemente mencionados em debates sobre touradas é o da importância em manter a espécie do touro bravo. Os proprietários das ganadarias mantêm os touros nos seus terrenos, não porque tenham uma grande consciência ecológica e ambiental, mas porque daí retiram dinheiro. Muito dinheiro.

 

No dia em que os touros deixarem de ser vendidos a 2000 euros cada (sem contar com chorudos subsídios europeus), cerca de 2600 animais por ano (DN, 2007), os proprietários das ganadarias rapidamente se esquecerão de qualquer importância ecológica ou da biodiversidade do touro bravo.

 

 É esta a principal, senão a única, verdadeira razão para a continuação das touradas no nosso país - um forte interesse económico de um pequeno grupo de pessoas. É claro que, para desculpar o indesculpável, atiram para os olhos o argumento de se querer proteger uma espécie. Mas nem o touro bravo é uma espécie, porque é sim uma raça ou subespécie, nem a extinção desta raça é irremediável e obrigatória quando as touradas acabarem.

 

A extinção desta raça não é irremediável nem obrigatória porque nada impede a criação de parques naturais, santuários ou outras soluções viáveis para a conservação destes animais. O que não pode nunca acontecer é justificarmos a crueldade para com uma animal para o poder "conservar".

 

Cabe na cabeça de alguém que a conservação do panda passe por lhe espetar bandarilhas no dorso? Que o repovoamento do lince ibérico na Península Ibérica passe por lhe cortar as orelhas e rabo? A conservação de espécies / raças, não é argumento para continuar as touradas.

 

É um papel que tem de ser assumido pelos portugueses e pelo Estado e não por empresas que da exploração desses animais retiram avultados lucros.

 

Existe outro argumento frequente, que é o da conservação dos ecossistemas, mas este é ainda mais frágil. É que estamos a falar de um animal totalmente domesticado, que só existe por selecção artificial de características de interesse, que no caso do touro bravo é essencialmente a bravura.

 

Ou seja, o touro bravo não existe no campo por estar em total equilíbrio e conjugação com a Natureza. Está lá porque os ganadeiros assim o fizeram e ali o colocaram. Isto significa que um touro bravo é, no mínimo, um elemento supérfluo na manutenção dos montados portugueses.

 

Voltamos então ao único argumento de peso para a manutenção das touradas. Os interesses económicos. Interesses esses que vivem de um espectáculo que promove a ideia de que existe justiça e igualdade em colocar um animal num local estranho e com regras definidas pelos humanos; que coloca animais numa luta que estes não desejam mas são forçados a entrar; que vive da diabolização da imagem de um herbívoro territorial e faz disso um espectáculo de entretenimento.

 

É vital rejeitarmos esta visão subversiva da realidade. É preciso dizer que a tourada não é uma fatalidade e que podemos acabar com uma das formas mais indignas e desumanas de tratamento dos animais da actualidade.

 

O caso muito recente de Viana do Castelo dá-nos força e entusiasmo. É vital agora a maioria silenciosa que se opõe às touradas mostrar o seu descontentamento, de forma pró-activa e com um único compromisso: o respeito pelos animais e pela Natureza.

 

Hugo Evangelista – Biólogo»

 

http://pt-br.facebook.com/notes/campanha-contra-as-touradas-no-mundo/a-tourada-raz%C3%A3o-da-exist%C3%AAncia-do-touro-bravo/209409582442867

 

***

Bem, posto isto, o que podemos acrescentar mais?

 

Não foi a “ignorante” Isabel A. Ferreira que o disse.

 

Foi um Biólogo.

 

Apenas quero acrescentar o seguinte:

 

O MAIOR IGNORANTE É AQUELE QUE NÃO QUER DEIXAR DE SER IGNORANTE.

 

Cultivai-vos, gente que vê na tortura de Touros, “arte e cultura”!

 

Sabemos que nasceram e foram criados na ignorância. Mas não têm de morrer ignorantes. Há muita informação por aí...

Informem-se.

 

Tentem deixar de ser ignorantes. Tenham, pelo menos, esse brio.

 

Não vão atrás da ignorância das leis caducas portuguesas.

 

Os nossos governantes ainda não tentaram deixar o obscurantismo em que estão mergulhados.

 

Talvez se insistirmos  um pouco mais, eles consigam VER O ÓBVIO...

publicado por Isabel A. Ferreira às 19:03

link do post | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos (1)
Sexta-feira, 20 de Abril de 2012

NÃO HÁ APOIOS PARA ESTUDAR, MAS HÁ APOIOS PARA TORTURAR TOUROS E CAVALOS...

 

 

 Marcha pela causa dos animais em Lisboa, 14 de Abril de 2012

 

 

É do domínio público (e há provas q.b.), os vergonhosos apoios que o Governo Português dá à tauromaquia, isto é, à arte de torturar Touros e Cavalos, para divertir um punhado de sádicos e encher os bolsos a um punhado de ganadeiros.

 

Isto é um insulto à Nação.

 

Não há apoio aos estudantes, que querem tirar um curso.

 

Dizem que não há dinheiro.

 

Corta-se no Ensino. Corta-se na Cultura. Corta-se nas Artes. Corta-se na Saúde. Corta-se em tudo o que faz falta.

 

Mas para torturar Touros e Cavalos os dinheiros não faltam.

 

O povo Português está farto deste INSULTO à sua inteligência, ao seu bom senso, e à sua lucidez.

Os jovens portugueses precisam de ajuda.

 

Exigem o fim aos apoios à tauromaquia.

 


Governantes portugueses sejam HOMENS e MULHERES, e não paus-mandados de gente sem escrúpulos.

 

CUMPRAM O VOSSO DEVER: legislem no sentido de ABOLIR A TOURADA, para acabar de vez com esta vossa vergonhosa cumplicidade e subserviência aos tauricidas.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 14:49

link do post | Comentar | Ver comentários (9) | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 19 de Abril de 2012

SABEM POR QUE OS CAVALOS DE TAUROMAQUIA NÃO RELINCHAM?

 


É isto a tauromaquia...

 

 

Na tauromaquia Touros e Cavalos são torturados impiedosamente.

 

Uns de uma maneira, outros de outra.

 

Nos Cavalos, são utilizados uns instrumentos de tortura como os que se vêm nesta foto.

 

 

 

 

Contudo, os Cavalos não relincham.

 

Sofrem calados o seu enorme tormento.

 

Os Cavalos, animais extremamente sensíveis e inteligentes!

 

Porquê?

 

Porque lhes cortam as cordas vocais, para que eles não relinchem de dor, e não só pelos golpes das esporas, mas também pelo ferro serrilhado que lhes colocam dentro da boca, e que lhes deixa o céu-da-boca em ferida!

 

É isto a tauromaquia.

 

É isto a que chamam “cultura”.

 

É DISTO QUE O PARLAMENTO PORTUGUÊS E A IGREJA CATÓLICA PORTUGUESA SÃO CÚMPLICES.

 

Não será isto uma prática abominável?

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:12

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 18 de Abril de 2012

TAUROMAQUIA É...


 

 

 Esta imagem é brutal, e define bem o que é a tauromaquia...

 

 

... abominável, inútil, desnecessária, obscurantismo, injustiça, deprimente, triste, crueldade, abuso, sofrimento, maldade, degradação, repugnante, selvajaria, carnificina, insanidade, atraso de vida, imoralidade, dor, desrespeito, violência, aberração, chacina, barbárie, demência, inferno, inaceitável, tauricídio, ódio, traição, sanguinária, vergonha, intolerável, bestialidade, sadismo, desumana, monstruosidade, desprezível, psicopatia, crime, humilhação, arcaísmo, atentado contra a vida, brutalidade, boçalidade, massacre, imbecilidade, tortura, morte, inconsciência, atrocidade, declínio, incongruência, absurdo, maléfica, covardia, anti-natureza, sub-desenvolvimento, retrocesso, primitivismo, matança, estupidez, ignorância, especismo, insensibilidade, horrenda, alienação, condenável, aviltante, atrocidade, tormento, impiedade, baixeza, repulsiva, loucura, sangueira, ilcultura, cegueira mental, rancor, perfídia, escabrosa, horripilante, insensata, brutal...

 

Que mais?...

 

Talvez não esteja aqui tudo o que define a tauromaquia.

 

Mas será necessário mais para exigirmos a sua abolição urgentemente?...

 

Precisamos limpar Portugal e o Mundo desta iniquidade, que só desonra a Humanidade.

 

Não queremos mais tortura de Touros e de Cavalos.

 

A tortura de Touros e de Cavalos é coisa de criaturas inferiores...

 

Honramos a dignidade do Touro e do Cavalo.

 

Desprezamos a insensatez de quem apoia a tortura destes magníficos seres vivos. Animais como nós.

 

publicado por Isabel A. Ferreira às 17:48

link do post | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Posts recentes

O MUNDO INSANO DA TAURO...

«4379 CIDADÃOS PARA A LÍN...

UM GOVERNO QUE NÃO RESPEI...

TORTURA DE TOUROS NÃO É A...

«TAUROFILIA»

«STIGMA - SAGA POR UM NOV...

«A CULTURA E A LÍNGUA SÃO...

A HISTÓRIA DO ZÉ DA BURRA...

«PÃO, FRUTA, ARROZ, TUDO ...

TAUROMAQUIA: SE A IGNORÂN...

Arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Direitos

© Todos os direitos reservados
RSS

ACORDO ORTOGRÁFICO

EM DEFESA DA LÍNGUA PORTUGUESA, A AUTORA DESTE BLOGUE NÃO ADOPTA O “ACORDO ORTOGRÁFICO” DE 1990, DEVIDO A ESTE SER INCONSTITUCIONAL, LINGUISTICAMENTE INCONSISTENTE, ESTRUTURALMENTE INCONGRUENTE, PARA ALÉM DE, COMPROVADAMENTE, SER CAUSA DE UMA CRESCENTE E PERNICIOSA ILITERACIA EM PUBLICAÇÕES OFICIAIS E PRIVADAS, NAS ESCOLAS, NOS ÓRGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, NA POPULAÇÃO EM GERAL E ESTAR A CRIAR UMA GERAÇÃO DE ANALFABETOS.

BLOGUES

O Lugar da Língua Portuguesahttps://blogcontraatauromaquia.wordpress.comhttp://mgranti-touradas.blogspot.pt/https://protouro.wordpress.comhttps://protouro.wordpress.comhttp://animasentiens.com/http://www.matportugal.blogspot.pt

CONTACTO

isabelferreira@net.sapo.pt